Garganta Profunda de Londrina: “Richa sonha indicar substituto de Levy”

Garganta Profunda de Londrina arremata: “Sorte do Brasil que foi apenas um sonho de Beto Richa. Azar dos Paraná que foi apenas um sonho de Beto Richa”, nos alivia Garganta Profunda de Londrina; Na vida real, a expectativa é que a presidente Dilma Rousseff (PT) dê um “cavalo de pau” na economia, mudando-a substancialmente indicando um nome para a Fazenda ligado ao desenvolvimentismo – em contraposição ao modelo atual que beneficia o capital especulativo.

Garganta Profunda de Londrina arremata: “Sorte do Brasil que foi apenas um sonho de Beto Richa. Azar dos Paraná que foi apenas um sonho de Beto Richa”, nos alivia Garganta Profunda de Londrina; Na vida real, a expectativa é que a presidente Dilma Rousseff (PT) dê um “cavalo de pau” na economia, mudando-a substancialmente indicando um nome para a Fazenda ligado ao desenvolvimentismo – em contraposição ao modelo atual que beneficia o capital especulativo.

“O governador Beto Richa (PSDB) tem um sonho, que é se livrar do secretário de Estado da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, importado de São Paulo, mandando-o para ocupar o lugar de Levy, de saída do Ministério da Fazenda”. A informação é de Garganta Profunda de Londrina, principal informante do Blog do Esmael dentro do Palácio Iguaçu.

O nosso Julian Assange das Araucárias captou na antessala de Richa, onde tem acesso fácil e diário, que “se Mauro Ricardo resolveu as finanças do Paraná, por que não estaria preparado para resolver a crise econômica que assola o país?”.

Na verdade, Mauro Ricardo Costa é um alienígena que não tem compromisso algum com o Paraná. Trata-se de um forasteiro indicado para o cargo pelo primo do governador, o lobista Luiz Abi Antoun, que esteve preso sob a acusação de chefiar uma quadrilha no governo do estado.

Em Brasília, fala-se que o estado do Paraná está mais quebrado que arroz de terceira. O ajuste aqui, pilotado por Richa, significou tarifaços, aumento de impostos, arrocho salarial de professores, confisco de poupança previdenciária, nenhuma obra de infraestrutura, corrupção, falcatrua da Nota Paraná, farra publicitária, calotes, privatizações, etc., etc., etc.

Mauro Ricardo Costa é da mesma cepa de Joaquim Levy. O secretário paranaense é uma versão piorada do ministro. Seria trocar “nho ruim” pelo “nho pior”.

Garganta Profunda de Londrina arremata: “Sorte do Brasil que foi apenas um sonho de Beto Richa. Azar dos Paraná que foi apenas um sonho de Beto Richa”.

Na vida real, a expectativa é que a presidente Dilma Rousseff (PT) dê um “cavalo de pau” na economia, mudando-a substancialmente indicando um nome para a Fazenda ligado ao desenvolvimentismo – em contraposição ao modelo atual que beneficia o capital especulativo.

Comentários encerrados.