Acabou o suspense: Nelson Barbosa é o novo ministro da Fazenda

do Brasil 247

Indicação foi definida na tarde desta sexta-feira 18 pela presidente Dilma Rousseff; atual ministro do Planejamento, Nelson Barbosa vai substituir Joaquim Levy no Ministério da Fazenda; Barbosa e Levy divergiram em vários momentos ao longo de 2015; menos "fiscalista" do que Levy, Barbosa defendeu metas de superávit fiscal mais brandas.

Indicação foi definida na tarde desta sexta-feira 18 pela presidente Dilma Rousseff; atual ministro do Planejamento, Nelson Barbosa vai substituir Joaquim Levy no Ministério da Fazenda; Barbosa e Levy divergiram em vários momentos ao longo de 2015; menos “fiscalista” do que Levy, Barbosa defendeu metas de superávit fiscal mais brandas.

A presidente Dilma Rousseff definiu, na tarde desta sexta-feira, que Nelson Barbosa, atual ministro do Planejamento, assumirá a Fazenda, no lugar de Joaquim Levy. Ao longo de 2015, Barbosa e Levy divergiram em vários momentos, porque Barbosa defendia um ajuste fiscal mais branco.

Leia, abaixo, informação publicada pelo jornalista Fernando Rodrigues:

A presidente Dilma Rousseff definiu na tarde desta 6ª feira (18.dez.2015) que Nelson Barbosa vai substituir Joaquim Levy no Ministério da Fazenda.

Barbosa tem 46 anos e até agora era o titular do Ministério do Planejamento. No segundo mandato de Dilma Rousseff, travou uma batalha constante com o seu colega da Fazenda.

Enquanto Levy buscava sempre uma política econômica mais contracionista, Barbosa defendia alguma flexibilidade na meta fiscal (a economia que o governo faz).

Levy sempre quis uma meta fiscal de 0,7% do PIB para 2016. Barbosa defendia algo perto de zero ou uma banda flexível. O Congresso acabou aprovando, com anuência do Planalto, uma meta de 0,5%.

Comentários encerrados.