PT perde mais um secretário para Fruet; debandada continua

Prefeito Gustavo Fruet (PDT) continua cooptando militantes e dirigentes do PT em Curitiba; debandada de secretários, lideranças de movimentos populares continua devido a assédio com cargos comissionados, afirmam dirigentes petistas, que também poderão perder dois vereadores nos próximos dias; neste sábado (28), legenda deverá confirmar o deputado Tadeu Veneri à Prefeitura e redefinir sua política de alianças – que poderá dar prioridade ao PMDB de Requião Filho.

Prefeito Gustavo Fruet (PDT) continua cooptando militantes e dirigentes do PT em Curitiba; debandada de secretários, lideranças de movimentos populares continua devido a assédio com cargos comissionados, afirmam dirigentes petistas, que também poderão perder dois vereadores nos próximos dias; neste sábado (28), legenda deverá confirmar o deputado Tadeu Veneri à Prefeitura e redefinir sua política de alianças – que poderá dar prioridade ao PMDB de Requião Filho.

Nas vésperas do encontro municipal, neste sábado (28), quando formalizará o rompimento com a gestão de Gustavo Fruet, o PT perde mais um secretário que estava “emprestado” para o quase ex-aliado pedetista.

Segundo o colunista social Reinaldo Bessa, do jornal Gazeta do Povo, na edição desta quinta-feira (26), o presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Marcos Cordiolli, escolheu desfiliar-se do PT a romper com Fruet.

No começo deste mês, os petistas já perderam para o aliado do PDT a secretária Municipal da Mulher, Roseli Isidoro, e o administrador regional do CIC, Ton Vargas, além de uma penca de comissionados do baixo escalão, que viram mais perspectivas no projeto reeleitoral de Fruet.

O PT deverá aprovar sábado o rompimento com Fruet, pois pretende lançar o deputado Tadeu Veneri à Prefeitura de Curitiba.

“Anteriormente, o PDT era tido como nosso aliado prioritário, mas, agora, depois desse assédio, cresce a possibilidade de composição com o PMDB num eventual segundo turno”, havia dito ao Blog do Esmael, no começo de novembro, o presidente municipal do PT de Curitiba, Natalino Bastos.

 

14 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. TADEU VENERI + REQUIÃO FILHO, SERIA D+

    O MELHOR DO MELHOR!!

    INDEPENDENTE DE PARTIDOS, TEMOS QUE VER AS PESSOAS, QUE ESTÃO NO PARTIDO, E ESSE DOIS SÃO POLÍTICOS, DE GARRA, DE IDEOLOGIA, QUE MANTÊM UMA LINHA.
    COMO POUCOS AINDA….O MELHOR DE CADA PARTIDO.

    ESPERAMOS QUE DE MUITO CERTO.

    POIS, DESEJAMOS OUTRO MODELO DE GOVERNAR,
    DIFERENTE DE TUDO QUE ESTAMOS VIVENDO,
    GENTE CORRETA, QUE RESPEITA O POVO, SUAS NECESSIDADES, E COM VISÃO DE FUTURO!!

    ELES SÃO TUDO ISSO!!

  2. Creio que, neste caso, juntam a fome com a vontade de comer. Sair do PT em um momento de crise ideológica como este, e ainda por cima se manter no governo, é compreensível… (Mesmo eu achando que pessoas como Roseli Isidoro jamais sairiam do PT… Mesmo eu achando que o Gustavo Fruet, em quem apostei tanto, está deixando a desejar na Prefeitura…)

  3. Acredito que esses secretários e “líderes” estão
    sentindo que o PT deixou de ser uma boa opção para
    candidatos e candidaturas, principalmente em Curitiba.
    Sabem também que Fruet não emplaca a prefeitura pela
    2ª vez, mas preferem não deixar o certo pelo duvidoso,
    e assim optam por mais 13 meses de “teta”.
    Fruet nem precisa fazer força para cooptá-los, esse
    pessoal da mamata se atirará em seus braços.
    O problema é que eles valem pouco e terão pouca
    utilidade, para Fruet.
    O PT perde pouco, e Fruet ganha quase nada.
    Chaga logo 1º de janeiro de 2016!

  4. Eu também voto no Tadeu, eu e todas as mulheres que tive, umas duzentas ou mais!

  5. Esmael

    Sou fã do Tadeu Veneri, sempre votei nesse cara… todas as pessoas que eu tenho certa influência, principalmente ex-mulheres votam nesse sujeito.

    Tadeu: ESPIRRE DO pt, saia o quanto antes dessa porra.

  6. O PT deveria ficar sem lançar ninguém nessa eleição vai queimar o Veneri que é um dos melhores quadros do partido. Sobre os que estão saindo, salário, poder e ideologia zero rsrs… Só que vão se lascar porque o prefeito Fruet não se reelege.

  7. Traidores, fisiológicos, interesseiros, o PT está conhecendo agora quem de fato vai até o fim e quem são os oportunistas que apesar do discurso bonito, preferiram uma boquinha a defender sua própria historia…a politica fica nojenta por causa de gente como essa citada na matéria…

  8. O PT não vai romper com Fruet coisa nenhuma…estão desesperados para manter a boquinha…Onde esta o VANHONI? Qual a posição dele sobre a sucessão ? e o Dr Rosinha? e o Paulo Hibernardo? Como se vê é jogo de cena para ganhar mais uns carguinhos e ficar com o Fruet..

  9. É isso aí, os companheiros estão optando por ter um salário….o Fruet, apesar da má gestão, pode eventualmente ser reeleito. Já o PT, não elege o Veneri nem pintado de ouro, porque a imagem do partido está destruída, podendo piorar com o andamento destas investigações da PF. Já teve tesoureiros condenados, medalhões presos, agora a inédita prisão do senador petista, a Gleisi votando contra a democracia (voto secreto primeiro e depois pela impossibilidade de prisão do senador picareta), entre tantos outros problemas. Ou o PT se reinventa (se é que é possível) ou vai ter tempos difíceis.

  10. ESSA CAMBADA DE MARAGATOS MORRERÁ ABRAÇADA COM O FRUET. QUEM VIVER VERÁ. FRUET SERÁ PREFEITO-DE-UM-MANDATO-SÓ, ASSIM COMO FOI O PAI DELE.

  11. Para quem dizia que ia valorizar os funcionários da prefeitura caso fosse eleito, Gustavo Fruet está sendo um verdadeiro traíra. Só onde eu trabalho colocaram 4 cargos comissionados. Pessoas que não tem nenhum comprometimento com a cidade de Curitiba. Afastaram pessoas que entendiam da area para colocar paraquedistas. Os funcionários da prefeitura estão indignados com o prefeito. Ainda tem os Petistas vendidos migrando para o Pdt, mas o povo está esperto, Gustavo Fruet e Pt nunca mais.

  12. mercenários oportunistas fazem de tudo para se manter nas tetas da prefeitura.