Governo desautoriza Levy, que defende projeto recessivo de Serra

vagner_levyO ministro da Fazenda Joaquim Levy foi desautorizado na manhã desta quarta-feira (18) pelo ministro-chefe da Casa Civil, Jaques Vagner, acerca de audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado.

A audiência pública discutia o Projeto de Lei 84/2007, de atuoria do senador José Serra (PSDB-SP), que estabelece limites recessivos à dívida.

Aos senadores, Levy anunciou apoio à proposta do tucano, mas, via telefone, o Palácio do Planalto o desautorizou dizendo que o governo discordava do projeto de Serra.

O senador Roberto Requião (PMDB-PR), membro do CAE, pelo Twitter, comemorou: “Projeto de resolução de Serra 84 foi detonado na comissão e louvado pela Globo News e por Levy. Armação casada?”.

O projeto de Serra engessa o orçamento da União ao estabelecer limite global do montante da dívida pública, o que dificulta a execução de políticas públicas como Bolsa Família e Minha Casa Minha Vida, por exemplo.

A ideia de Serra e Levy é obrigar o gestor público a obter superávit fiscais primários em torno de 3% do Produto Interno Bruto (PIB) — a produção de toda a riqueza do país.

6 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. bom o psdb perdeu a eleicao…. seu projeto economico foi rejeitado pelo povo como um cao sarnento, o imbecil do arminio praga foi rejeitado junto com o aecio never, ai a dilma vai la e segue a cartilha tucana…. a mesma que quebrou o parana… ai esta o cerne da sua rejeicao de 90%.

  2. Com as eleições se aproximando a macacada fica agitada com as ações impopulares do governo. E alguns ainda acham que essa corja está preocupada com a população e com o país.

  3. Tá, e daí?
    Na verdade, o governo até agora, sempre desautorizou
    Levy. Então porque Dilma o convocou?
    E porque Levy ainda não pegou o boné e se mandou?
    Será por patriotismo ou por salário?
    E daí?
    Vamos de Mercadante?
    Ah, vamos de Meireles.
    Será que ele tem a fórmula, os instrumentos, e a
    técnica para fazer essa cirurgia
    “político-econômica”, sem dor?
    Pelo que ele encheu a bola do Levy, acho que muda
    o maestro, mas a música será a mesma.
    O que o PT quer, é só alguém para chamar de culpado.

  4. deveriam estar todos presos, partido de bando de ladroes.

  5. P.Q.P. Que governo chinfrin, ninguem se entende e todos fazem cagada. O Brasil não merecia isso!!!!!!