Beto Richa autoriza reajuste no pedágio mais caro do mundo

richa_pedagio_caminhoesO governador Beto Richa (PSDB) autorizou reajuste de 7,14% para o pedágio na BR-277, que liga Curitiba e o Litoral, cuja tarifa passará custar a partir de terça-feira (1) a “bagatela” de R$ 18 (só ida). Trata-se de um presente de Natal para a concessionária Ecovia, dona do pedágio mais caro do mundo.

Além da Ecovia, as demais pedageiras também receberão um mimo do tucano. Ele autorizou reajuste de 6,69% para as outras cinco concessionárias (Econorte, Viapar, Rodovia das Cataratas, Caminhos do Paraná e Rodonorte).

O tucano também autorizou a cobrança pelas concessionárias das obras não previstas em contrato, o que elevou o reajuste anual médio para 10,28%, portanto, acima da inflação acumulada de 9,93% nos últimos doze meses (índice IPCA).

Beto Richa é conhecido no Paraná e no Brasil como “Rei dos Pedágios”, pois o moço, ao invés de cuidar os interesses dos usuários das rodovias, trabalha como se fosse advogado das empresas concessionadas.

O governador, por exemplo, é o principal entusiasta da prorrogação dos contratos do pedágio no estado. Entretanto, cinco das 7 entidades do setor produtivo — o G7, liderado pela Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) — se opõem à perpetuação do pedágio mais caro do mundo.

A seguir, leia a tabela com todos os reajuste no pedágio mais caro do mundo:

Clique na imagem para ampliar.

Clique na imagem para ampliar.

Comentários encerrados.