Coluna do Alvaro Dias: Acordo de preservação não pode parar o País

protecao

Em sua coluna semanal, o senador Alvaro Dias (PSDB) defende a abertura imediata do processo de impeachment contra Dilma Rousseff (PT) pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB). O senador vê na demora de Cunha em abrir o processo a prova de que existe um acordo de preservação mutua entre Cunha e o governo. Leia, ouça, comente e compartilhe.

Download

Alvaro Dias*

A sociedade brasileira reclama a mudança imediata e propõe o impeachment da Presidente da República diante de fatos escabrosos que estão sendo investigados na operação Lava Jato, na Justiça Eleitoral do País e no Tribunal de Contas da União.

Há um fato posto. Há um pleito popular, mas há também indefinição por parte das autoridades que têm o poder de decidir, nesse caso o presidente da Câmara dos Deputados.

Existem razões de natureza jurídica que consubstanciariam um pedido de impeachment. Seria mais adequado para o nosso País a definição desse impasse. Se o presidente da Câmara acolhesse o pedido, os deputados teriam que votar. Dois terços dos votos seriam necessários para a aceitação do processo. Teremos o impeachment ou não teremos o impeachment? Só deliberando a respeito. A indefinição é o pior dos mundos.

Causa-me surpresa o comportamento do presidente da Câmara, que tem prerrogativas constitucionais para acolher ou negar o pedido, mas vem protelando decisões. Eduardo Cunha (PMDB) mantém sobre a mesa pedidos de impeachment sem decidir sobre o destino deles. E esse vácuo paralisa o País.

O que fica visível – creio ter o direito de concluir dessa forma – é que há um acordo de procedimentos entre o governo, a presidência da República e a presidência da Câmara dos Deputados. Um acordo cuja estratégia é ganhar tempo, de um lado e do outro, em razão das denúncias que atingem o presidente da Câmara, e também a recíproca em relação àquilo que atinge à presidência da República e pode culminar com a instauração de um processo de impeachment.

Fica claro que medidas são adotadas para adiar a decisão e tornar o assunto cansativo. Essa morosidade trabalha contra a eficiência, e isso só atende ao interesse dos que são alcançados pelas irregularidades denunciadas, mas não atende ao interesse do País, que é sair da crise e caminhar para o desenvolvimento econômico.

A oposição vem, nos últimos 13 anos, denunciando esse governo, e não pode agora se aliar aos dissidentes, mesmo que seja como parte de uma estratégia política. Sou defensor da tese que o presidente da Câmara e a presidente da República estejam de um lado do balcão, e a oposição do outro.

Cabe à oposição, neste momento, cobrar das autoridades a rapidez na investigação das denúncias e o fim das manobras protelatórias. A nossa ética não pode ser seletiva.

*Alvaro Dias é senador pelo PSDB e líder da Oposição no Senado Federal. Ele escreve nas quartas-feiras para o Blog do Esmael sobre “Ética na Política”.

32 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Engraçado. Quem está fazendo de tudo prá proteger o Cunha é o PSDB de um certo senador que mandou cavalos prá cima do professores há alguma décadas atrás e que fez bons alunos nesse tipo de ato covarde, o Richa. O mesmo senador que possui indícios de ter usado o avião de um certo doleiro da Lava-Jato. E por que o PSDB o protege tanto: primeiro, Cunha é a esperança de Aécio virar presidente através de um golpe, pois nas urnas o playboizinho pode esquecer. Segundo, por que muitos políticos foram eleitos a reboque e com o dinheiro de Cunha. E, terceiro,por que o Cunha prometeu levar muita gente, caso ele caia: aí mora o medo dos inimputáveis membros do PSBD e DEM. O Cunha sabe muita coisa podre dos demo-tucanos. Por isso toda essa blindagem. O Cunha é um rato que está tentando, com o apoio da imprensa, se jogar prá cima do governo federal visando denegrir a imagem da Dilma com essa falsa aproximação. E porque tem a esperança (infinitamente pequena), através de suas chantagens de que a Dilma saia em sua defesa. Menos hipocrisia, sr àlvaro dias.

  2. Já disse e vou repetir: esse acordo de preservação
    mútua é na base do:
    NÃO põe no meu, que eu POUPO o seu.
    Os 300 picaretas com anel de doutor, se transformaram
    em + ou – 500 otários com anel de doutor.
    Bando de manés, não conseguem apear a Dilma, e
    nem defecar o CUnha.
    Além de não servirem pra nada, ainda atrapalham o
    funcionamento do Brasil real.

  3. O pior animal do mundo um HIPÓCRITA.

  4. Nossa! Que festival de hipocrisia,senador. Tucanos impunes, essa é a maior praga do BR. Vergonha. E o jatinho do Youssef, senador?

  5. E o BANESTADO senhor Alvaro Dias?

  6. Clamar por um impedimento da presidente da República por meio das mãos de um bandido da magnitude do Cunha só tem um nome: HIPOCRISIA. O Esmael é um cara muito legal mesmo, e piadista tb, pra convidar Álvaro Dias e Romanelli(ou esposa) pra escrever neste blog lido por gente q já caiu na real e não vota mais nesses dois (ou jamais votou como é o meu caso) é tirar com a cara dos mesmos! Como os “nobres” sres são ridículos em sua tentativas de parecerem realmente preocupados com o povo ou seus eleitores, tsc, tsc, tsc…

  7. Alvaro, peça o empeachment do Beto, do Alckmin, e do governador de Goiás que só fazem roubalheira em seus estados.Também peça uma investigação mais séria sobre aquele avião com 500 kg de pasta base.

  8. Alvaro, peça o empeachment do Beto, do Alckmin, e do governador de Goiás que só fazem roubalheira em seus estados.

  9. MUDA-SE A MELODIA, MAS A LETRA DA MÚSICA CONTINUA A MESMA. Ao perceber que só as pedaladas fiscais não são suficientes para se manter na mídia, o PSDB passa a repetidas vezes pedir o impeachment. A imprensa do QUANTO PIOR, MELHOR precisa parar de enganar os INCAUTOS porque o Cunha não detém poder onipotente para impedir Dilma. Se ele aceitar os pedidos, tudo ficará como tá porque não há base jurídica para impeachment. O CHORO É LIVRE E QUALQUER CIDADÃO PODE PEDIR IMPEACHMENT.

    NINGUÉM CHUTA CACHORRO MORTO. Não é estranho que só o Lula e sua família sejam alvo da PF? Sarney e FHC não têm filhos? Aliás, até o Serra que nunca foi presidente, mas “embaixo dos panos” tem diversos envolvimentos em corrupção, inclusive estima-se que sua filha acumula um patrimônio de 100 milhões. A PF tem todo direito de apreender documentos de empresas de filhos do Lula, mas será que depois de provados inocentes, ela vai retornar aos holofotes pedir desculpas?

    Tem como a Dilma trabalhar diante do CONLUIO montado entre PSDB e Eduardo Cunha? Todo dia a oposição cria um novo fato para incriminar a presidenta. As FALÁCIAS “ganhou porque mentiu” e “pedaladas fiscais”, que atribuem a Dilma como crimes, são praticados por todos os prefeitos, governadores e presidentes no mundo todo. O Lula perdeu 3 disputas e nunca recorreu ao STF para incriminar seus adversários por essas práticas. ALGUÉM TÁ LUCRANDO COM O “QUANTO PIOR, MELHOR”.

  10. O Álvaro Dias falando e um cavalo c…..do é a mesma coisa.

  11. QUE VERGONHA SENADOR VOTEI NA SUA CADELINHA E AGORA FAZ ESSA M…. PEDIR PARA UM CORRUPTO FAZER IMPEACHMENT CHEGA A SOAR ENGRAÇADO, AS VEZES PENSO QUE O OSMAR SERIA UMA OPÇÃO MELHOR DO QUE VOCÊ.

  12. Está realmente difícil. Agora diz que a Presidência da República fez acordo com Cunha, quando na verdade quem fez tal acordo foi a oposição.
    Se o Cunha vem protelando decisões é para garantir que não será casado após o impeachment concluído, prova disso é o tal “projeto cunha” que a grosso modo quer legalizar crimes financeiros.
    “Existem razões de natureza jurídica que consubstanciariam um pedido de impeachment.” Então eu peço a gentileza que nos informe quais são as razões bem detalhadas que caracterizam crimes e/ou consubstanciariam tal pedido para que eu possa compartilhar da mesma opinião.
    “…que o presidente da Câmara e a presidente da República estejam de um lado do balcão, e a oposição do outro.” Está bem acostumado com o balcão de negócios?
    É preciso mais para me fazer acreditar neste senhor.

  13. Vamos lá: Primeiramente que NÃO EXISTE acordo entre Cunha e Executivo e nem existirá, isso nada mais é que invenção da tucanalha e do PIG. O que existe, e isso é visível, é um acordo entre a direita e o Cunha para que ele entre com pedido de impedimento da presidente, eleita legitimamente com 54 milhões de votos (golpe, dos feios). Ademais, quem está bem alinhado com Cunha, inclusive com reuniões em sua residência, é Aécio, Cássio Cunha Lima, Caiado, Paulinho da “farça sindical”, enfim, essa turma sua aí …
    Segundo que, impedimento, não é arma para os que perdem eleições legítimas em uma democracia. Até hoje, no Universo todo, somente 02 eventos como esses foram a termo, um deles com Collor, no Brasil. Então, isso é mosca branca. A possibilidade disso existir é somente no PIG e na cabeça doentia de Vossas Senhorias. Aceita que dói menos … E terceiro, a respeito desse assunto, é que o STF “amarrou” o Cunha de forma que ele não poderá fazer nada fora da legalidade, que não é o rito dele, nem o seu. Ou seja, não anda nenhum procedimento de impedimento da presidente que seja fora da lei como estão tentando fazer. Siga a Lei, senador.

    Então, um texto que parte de duas primícias erradas, está todo comprometido.

    Em relação ao suposto crime de que falam no TCU (o puxadinho do congresso, que chamam de tribunal) todas as contas dos governos anteriores foram aprovadas com as mesmas supostas pedaladas e, então, já criaram jurisprudência para aprovarem as dela também (se é que é crime deixar de passar momentaneamente dinheiro de um órgão público para outro órgão público). Somente na cabeça doentia dos “técnicos” como Nardes, o cara das propinas da Zelotes.

    Já no TSE, as contas já foram julgadas procedentes e, se qualquer doação de empreiteiras for crime, dança todo mundo que lá estão, inclusive você que recebeu milhões do Youssef e passeou de jatinho para se eleger, com dinheiro da prefeitura de Maringá, o Aécio, e toda a cambada que se utiliza de qualquer dinheiro para fazer campanha e se eleger. Por falar nisso, o seu partido votou a favor da continuação das coações de campanha de pessoas jurídicas, então mude o discurso, assuma a SUA roubalheira e de seu partido, fica mais bonito.

    Da vara do moro … é nítido como a luz solar a utilização de tal operação para fins políticos, se não o de enfraquecer o governo e os partidos de esquerda para que vossas senhorias voltem ao poder e continuem privatizando e vendendo, bem como roubando o que der, a exemplo no governo de sampa (trensalão tucano), no Paraná com o piá de prédio, onde ninguém mexe. Nenhum juiz tem culhões e a grande maioria está comprometido com a direita para que possam, no mínimo investigar tucanos e seus comparsas. Digo isso porque o mesmo moro senta em uma ordem do STF para investigar Cássio Cunha Lima (no escândalo da chuva de dinheiro) desde 2012 e até agora estão inertes qualquer investigação.

    Da zelotes, então, morreu na mídia até porque o grande foco é a globo (RBS), o Bradesco, Banco Safra, Gerdau, e tantos outros gigantes da economia nacional, grandes investidores dos grupos de comunicação, patrocinadores de campanhas de deputados, governadores, senadores e isso, então, não vem ao caso. Mesmo a roubalheira sendo 10 vezes maior que os casos da Petrobras. A Petrobras, perto da zelotes, Vai ser julgada no tribunal de pequena causa.

    Então, senador, tem muita coisa pra gente investigar e apurar do que a sanha fascista e retrógrada desse suposto caso de impedimento. Vamos trabalhar e apurar? Então.

  14. o rapaz antes de fala em sociedade não esqueça que a Dilma, foi eleita democraticamente e quem que tira ela e meia duzia de coxinha, e outra qual a sua profissão quantos dias o senhor trabalho na vida alem de ser politico e viver do dinheiro do povo

  15. E se alguém propor um processo de investigação sobre uns terrenos vendidos a Petrobras e sobre o caso do Banestado o sr. Alvaro Dias concordaria. Já dizia o meu velho pai quem tem telhado de vidro não deve atirar pedras. Além de ter muito a explicar agora também virou golpistas seu Alvaro.

  16. “Vamos tirar a Dilma rapidinho antes que sobre pra nós…”

  17. Engraçado, que ele não menciona os desmandos e falcatruas ocorridas a mais de 13 anos, será que o Brasil foi descoberto a exatos 13 anos. Outro ponto importante é que o Eduardo cunha só se mantem na presidência da câmara, porque, la tem aliados corruptos iguais a ele, os quais muitos se dizem da oposição e enquanto ele tiver lá esqueça o impeachment, vai ficar nessa ciranda até o povo esquecer e não dar em nada. Se a oposição não tivesse o rabo preso já teria exigido sua saída assim como vem fazendo sistematicamente e insistentemente com a Dilma.

  18. Por que o prezado Senador não fala que foi a oposição PSDB, DEM que colocou o Sr: desprezivel Eduardo Cunha na presidencia da camara, por que não assumi uma posição, em fez de ficar em cima o murro, impeachment(golpe de estado) vindo de uns politicos sujo como o Sr. é piada, por o Sr não deu andamento na CPI do CBF, jogou para debaixo do tapete, agora fica ai apontando o dedo, O SR. Eduardo Cunha, Ronaldo Caeado(acusado de trabalho escravo em suas fazendas em Goias)Aecio Cheira Neves, Jose Serra, Geraldo Alckmin são farinha do mesmo saco, uma pena que o Geraldo não possa levar agua para esta mistura.

  19. Na foto aparecem três defuntos. Apenas a presidenta, tem passado e presente limpos, do ponto de vista da honestidade. Se morressem agora, e considerando os valores que admitimos para ocupar um lugar na vida eterna, Deus faz outras avaliações, apenas ela estaria no Reino Divino, os outros dois estariam, como mortos estão, liderando a Câmara e o Senado no inferno. Opa, mas se eles estão liderando estes dois poderes agora, então estamos no inferno.
    Devo rezar mais.

  20. Quando soube das falcatruas de seu copartidário governador do estado, disse com rancor que deixaria o PSDB.
    Sem saber para qual outra baiúca disfarçada de partido iria, ficou mesmo na quadrilha em que hora se encontra, travestido de paladino da justiça, da moral e da ética.
    Engole as safadezas de pinóquio com farinha, ou nem se preocupa com isso: aparece um dia sim, outro também em rede nacional, dando seu parecer sobre as sacanagens à nível federal que ocorrem…
    Como se nada disto ocorresse em tempos de FHC.
    Mas é claro, o senhor não tem nada à ver com isto, já que era de outro paritdo – quadrilha na época…
    Que Cunha e Dilma já deveriam estar vendo o sol nascer quadrado há muito tempo, disto ninguém duvida.
    Eles, Richa, Antoum e tantos outros da quadrilha regional do PSDB.
    Senador, o senhor sabe de todas as sacanagens que Richa faz e ainda assim nunca o denunciou em cadeia nacional.
    O senhor sabe das irregularidades no pagamento de obras em escolas, no salário de funcionários públicos, da malversação de verbas públicas, enfim.
    E nunca soltou um suspiro sobre isto…
    Como confiar em sua “ilibada” queixa agora???
    Reveja por favor, suas posições.

  21. Eu gostaria de saber a opinião dos que apoiam a Dilma sobre os 52 bilhões de furo…o culpado é o FHC ou a Globo?

    • A situação estaria mil vezes pior, se Dilma não tivesse vetado todas as propostas “bombas” aprovadas no Congresso pelo PSDB, PPS, DEM, e demais partidos golpistas que apoiam Cunha.

    • E isso tem o “quê” a ver com o texto do frutinha? … respondendo, a culpa é da globo.

      • Eu me divirto com vocês! Que delícia deve ser você fazer um governo ruim e poder culpar o FHC, a Veja e a Globo por tudo! Deve ter sido a Globo que depositou dinheiro na conta do Cunha e do pessoal que desviou da Petrobrás!!

        • Votei pela primeira com 16 anos e ajudei a eleger FHC, seu segundo mandato foi tão desastroso que Lula na eleição seguinte venceu, se reelegeu, elegeu sua sucessora e por incrível que pareça a reelegeu, agradeça ao FHC, pois até o atual momento nada se compara ao ex-presidente que fala mal dos brasileiros e chamou aposentados de vagabundos. Lembro que em 1997 se você conseguisse entrar em uma faculdade pública poderia se sentir privilegiado, pois as privadas eram somente para os ricos, e assim era, hoje todos tem oportunidades que antes não existiam. Em 2018 teremos muitos novos eleitores que não viveram aqueles dias e por isso podem lhe dar ouvidos. O governo está ruim? Sim está! Mas não tão ruim que justifique pedir a volta da ditadura ou a volta do neoliberalismo corrupto que acabou com o Brasil em vários momentos, peça informações ao “FMI” e descubra quantas vezes FHC pediu empréstimos.

    • Eu não sou a favor nem contra a Dilma, se esses 52 não foram parar no bolso dela e ela só é uma má administradora, nós temos que aguentar, pois a democracia funciona assim. Aqueles que votaram nela poderão acertar na próxima!

  22. Depois de velho esse sr que habitava as galerias do Centro Comercial em Londrina,onde tinha o escritorio do empenujado MDB,e eu via naquelas figuras meus heróis como Osvaldo Macedo,José Tavares,Antonio Belinati,Otassio Pereira,Leite Chaves e esse ai que me parece está caducando.

  23. Tenho um sério desconforto ao ouvir o FHC dizer e reafirmar que a Dilma é uma pessoa honrada, eu mesmo admiro os programas sociais dela, mas fico me perguntando o que será que essas raposas estão pretendendo fazer com a nossa democracia? Entendo que ser honrado é não por o dinheiro do povo no bolso, se ela não fez isso, que diabos querem fazer com ela? Nem sou petista e acho que esse partido não tem quadros para administrar um pais desse tamanho, mas sempre coloquei minhas fichas na democracia e estou vendo essa loucura de retrocesso!?

    • Há uma teoria dizendo que desejam derrubar a Dilma porque ela “soltou as rédeas” da Procuradoria Geral da República e da Polícia Federal, o que está incomodando muita gente. Essa teoria não é totalmente irreal, porque no governo FHC o diretor da PF (Paulo Lacerda) era filiado ao PSDB e o apelido do Procurador Geral (Geraldo Brindeiro) era “engavetador geral da república”, lembram?

    • Ela é honrada, e por isso querem tirá-la de lá. Onde já se viu? Alguém limpo nesse meio mais sujo que poleiro de tucano? Não pode. Estraga a merda toda. Querem roubar, roubar, roubar, sem que ninguém incomode. É o espírito de “sobrevivência” dos bandidos, alvaros, cunhas, aécios, paulinhos, caiados, ricardos, e por aí vai.

  24. Ética seletiva pratica o senador Dias quando não apresenta nenhuma linha no seu artigo sobre os milhões de Eduardo Cunha encontrados na Suíça. E ainda afirma que é este mesmo Cunha que deve ter um poder tão imenso quanto um impeachment. Além disso, não apresenta nenhuma evidência, a não ser seu desejo, de que existe um acordo entre Dilma e Cunha. Esse artigo é uma cortina de fumaça imensa.