18 de outubro de 2015
por Esmael Morais
18 Comentários

Petistas ironizam empresário anti-PT cujo filho é assessor de Beto Richa: ‘Provando do próprio veneno’

slavieiro_venenoO empresário Claúdio Slavieiro, ex-presidente da Associação Comercial do Paraná (ACP), lançou-se à caça aos petistas depois de escrever o livro ‘A vergonha nossa de cada dia’. Esporadicamente, ele tem distribuído à velha mídia artigos assumindo posições de extrema-direita de forma ‘desavergonhada’, como neste domingo (18), no jornal Gazeta do Povo.

Pois bem, as vítimas dos delírios de Slavieiro, no caso os petistas, dizem que as opiniões do empresário caberiam para ele próprio.

As vítimas do ex-presidente da ACP afirmam que ele deveria sentir vergonha do seu próprio filho, Eduardo Pimentel Slavieiro, hoje ocupando o cargo de assessor do governo incompetente e corrupto de Beto Richa (PSDB). “Ele prova o próprio veneno”.

Aliás, o PT lembra que Eduardo Slavieiro, o filho do empresário “limpinho”, embarcou na festiva comitiva do governador Beto Richa para um tour na Europa. “Claro, tudo pago com o dinheiro do contribuinte!”, frisam os petistas.

A seguir, leia a íntegra do artigo de Cláudio Slavieiro: Leia mais

18 de outubro de 2015
por Esmael Morais
2 Comentários

Enfim, PT adere à tese de Requião: ‘Fora Levy’; Dilma grita “Fica Levy’

Como se fosse um “corpo estranho”, que não estivesse no cargo pela sua escolha, o PT pede que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, “mude” ou “caia fora” do governo Dilma Rousseff.

No Congresso Nacional, a especulação é de que o ministro não resiste esta semana.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em reunião com a bancada petista, em Brasília, na última sexta, também teria sugerido a demissão de Levy.

Na prática, o PT se rende à tese do senador Roberto Requião (PMDB-PR) que anteviu o aprofundamento da crise econômico em virtude do arrocho imposto pelo ministro da Fazenda. Para ele, Levy é o representante dos banqueiros contra a produção e o consumo.

Entretanto, Dilma resolveu peitar o PT visando manter o ministro moribundo: “Ele não está saindo do governo. Ponto. Eu não trato mais desse assunto”, declarou este domingo (19) em Estocolmo, na Suécia.

O diabo é que se a troca de comando na Fazenda venha mesmo ocorrer, hoje, ela ocorreria dentro dos mesmos marcos atuais. Ou seja, sairia Levy para entrar um, digamos, Henrique Meirelles da vida — tão odiento à produção quanto o primeiro.

Diante dessas incertezas econômicas e de falta de planejamento estratégico, na próxima quarta-feira (21) um grupo suprapartidário de senadores e economistas, tais como Márcio Pochmann e Luiz Gonzaga Belluzzo, lançarão em Brasília um Plano de Desenvolvimento da Nação. O evento ocorrerá às 15 horas no gabinete do senador Roberto Requião.

O Blog do Esmael, em parceria com a TV 15, vai transmitir ao vivo a divulgação do ato político suprapartidário para o Brasil e o mundo.

Leia mais

18 de outubro de 2015
por Esmael Morais
15 Comentários

Garganta Profunda de Londrina: Um espião na cola de Beto Richa em Paris

A semana que passou era pra ter sido de calmaria no Palacio, mas foi um desastre.

Todo mundo esperava descansar com o feriadinho prolongado e com a viagem do governador, mas o que mais aconteceu por lá foi correria e ranger de dentes.

Pra terminar a semana, um próximo do governador daqueles que faz xixi com a porta aberta, muito influente no circuito Ecoville-Centro Cívico chegou com uma bomba daquelas dizendo que tinha informação segura de que a escala de retorno em Paris será acompanhada por bisbilhoteiros.

Ou seja, que terá gente na cola do Beto e da Fernanda, desde o desembarque filmando e fotografando tudo durante o período em que ficarem na capital francesa, o que ocorrerá em dias uteis, quando o comércio e os bancos funcionam normalmente.

Começou então a criticar a viagem, dizendo que ela foi inoportuna com um desgaste enorme, jogando morro abaixo todo trabalho feito pelos marqueteiros contratados a peso de ouro para recuperar a imagem do governador.

Aos ouvintes atônitos, o influente/próximo relembrava que os dois únicos empresários que acompanharam a comitiva foram um aquinhoado empreiteiro e o maior fornecedor de comidas para presos no Paraná, o que só fez aumentar a especulação sobre os reais objetivos da viagem.

Ele teme que deputados da oposição agora queiram esmiuçar os negócios de José Eugênio Gizzi e de Carlos Henrique Gusso (Cassi, para os íntimos) com o governo do Paraná, atingindo outros próximos do governador.

Soltando fogo pelas ventanas, o influente/próximo não poupou nem mesmo a presença do discreto Cristiano Hotz, dizendo ter sido um erro levar o advogado do governador na viagem, mesmo ele sendo agora diretor da COPEL, pois poderia dar margem a muitas outras interpretações.

A nova visita à sede da State Grid na China também teria sido um erro, no momento em que o governador Silval Barbosa (do Mato Grosso) está preso por corrupção e que o processo de Luiz Abi mudou de rumo no STJ, agora com novo relator, que é da carreira do MP do Distrito Federal, muito diferente do ministro que antes soltou Luiz Abi e que é, digamos, conhecido de uma jovem advogada paranaense que mora em Brasília.

A presença da própria Fernanda Richa foi questionada, pois não havia nenhuma agenda para ela e a desculpa de “companhia protocolar da primeira dama” não cola, pois Fernanda detesta ser apresentada assim.

Foi nessa parte da conversa que o caldo entornou, pois um assessor de Beto terminou o papo dizendo aos berros que “você não sabe de nada, a Fernanda tinha que ir junto nesta viagem”.

Pano rápido.

No meio desse barulho todo, Traiano com suas formosa Leia mais

18 de outubro de 2015
por Esmael Morais
10 Comentários

Chega ao fim governo ostentação de Traiano. Agora é com a viche-governadora Cida Borghetti

Os dez dias de governo ostentação do deputado Ademar Traino, que assumiu interinamente o Palácio Iguaçu no último dia 9, terminam hoje com polêmicas e críticas. A principal delas vem do prefeito Cantelmo Neto (PMDB), do município de Francisco Beltrão, região Sudoeste, cidade natal do tucano.

Cantelmo, um aliado de Traiano, foi quem conseguiu melhor traduzir esses dias de ostentação em seu perfil do Facebook: “Nos orgulhamos em ter um beltronense como governador, mas expresso aqui a indignação dos servidores públicos da prefeitura que estão sendo revistados para acessar o trabalho devido à presença do governador em exercício na Câmara de Vereadores, ao lado do paço municipal”.

O aparato de ostentação do governador interino foi descrito pelo Jornal de Beltrão.

Traiano assumiu o governo em virtude das viagens do governador Beto Richa (PSDB) para França, Rússia e China, e da viche-governador Cida Borghetti (PROS), que foi à Itália.

O acordo consiste agora que “faixa governamental” seja passada amanhã, segunda-feira, para Cida, que ficará uma semana como governadora do Paraná.

Leia mais