busse_drink

| Comente agora

Bancada da Cachaça pode ficar desfalcada na Câmara de Curitiba, caso a Justiça casse o mandato do vereador Paulo DRink por “infidelidade partidária”; primeiro suplente Diego Busse reivindica a vaga, pois o titular abandonou o PPS e está sem filiação partidária há 3 meses.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.