Máfia dos ônibus quer aumentar a tarifa. Jogo ‘combinadinho’ com Fruet?

Publicado em 17 setembro, 2015
Compartilhe agora!

onibus_fruetAté as capivaras do Parque Barigui sabem que o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), é amiguinho do peito dos donos das empresas de ônibus.

Também não é novidade para ninguém que, ao contrário do que prometera na campanha de 2012, desvencilhar-se da máfia do transporte, o pedetista aprofundou a dependência da cidade de um sistema ultrapassado para não dizer arcaico (cadê o metrô?).

A cidade que era para ser um espaço feliz cedeu lugar, nos últimos dois anos e meio, para a apreensão por causa dos sucessivos tarifaços no ônibus. Os curitibanos sabem que esses aumentos virão, mas não quando e qual intensidade.

As empresas anunciaram que ingressarão na Justiça pelo reajuste da tarifa técnica. O Sindicato das Empresas de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Setransp) reivindica R$ 3,40.

O diabo é que o prefeito Gustavo Fruet, em julho, agindo como uma espécie de advogado da máfia, antecipara que poderia subir de R$ 3,30 para R$ 3,80. E, agora, coincidentemente, as empresas dos ônibus vêm com o mesmo discurso.

Seria jogo combinado entre prefeito e empresas para aumentar o preço da passagem de ônibus?

“O sonho de consumo dos ‘tarifeiros’ [profissionais das empresas de ônibus que propõem o valor da tarifa] oscila entre R$ 3,70 e R$ 3,80. Meus últimos fios de cabelo estão caindo por causa disso”, revelou Fruet há dois meses em entrevista para o jornal Gazeta do Povo. Na época, o Blog do Esmael repercutiu a declaração (clique aqui).

O prefeito, em nome do interesse da coletividade, ao invés de perder os últimos fios de cabelo, deveria ser mais assertivo e dizer que não dá aumento algum para essa máfia.

As empresas que operam o sistema contribuem com fabulosas quantias para as campanhas eleitorais, mas, depois de os beneficiários eleitos, quem paga a conta infinitamente mais são os usuários.

Pelo histórico acima, que indica suposta promiscuidade entre Prefeitura de Curitiba e máfia do transporte, o eleitor renovaria o mandato do prefeito Gustavo Fruet para mais 4 anos?

Compartilhe agora!

Comments are closed.