Deputado da “bancada do camburão” tem almoço indigesto com protesto de professores; assista ao vídeo

Compartilhe agora!

elio

Os professores da rede estadual de ensino continuam protestando e manifestando o seu repúdio contra os deputados da chamada “bancada do camburão”, que apoiam o governador Beto Richa (PSDB) e aprovaram na Assembleia o confisco da previdência dos servidores, negaram o reajuste para reposição da inflação, votaram favoravelmente aos tarifaços, dentre outras maldades.

Desta vez foi o deputado Elio Rusch (DEM) que teve de ouvir o protesto dos educadores na comemoração do aniversário do município de Tupãssi, no Oeste do Paraná. O parlamentar foi abordado por educadores no domingo (6) durante o almoço da ‘Paleta ao Fogo de Chão’, tradicional naquela cidade.

O grupo de professores cercou Rusch e externou a indignação com relação aos posicionamentos do deputado em favor do governador Beto Richa e contra a categoria dos servidores públicos estaduais, contra a educação.

Apesar da música alta, é possível ouvir no vídeo: “Élio Rusch, nós queremos uma palavrinha”, diz uma das professoras; “todas essas pessoas que estão aqui hoje e as nossas famílias, que sempre apoiaram o senhor estão muito descontentes, e não é preciso dizer mais nada”.

Então, ouve-se palmas: “e não vai pensar que com essas palmas está sendo aplaudido”, avisou um dos manifestantes.

Enquanto ouve as críticas, Rusch continua comendo, mas a paleta parece lhe causar indigestão além de alguns sorrisos amarelos. Tudo isso, ao lado de sua esposa, Alita Rusch, do prefeito de Tupãssi, José Carlos Mariussi (DEM), e do visivelmente constrangido deputado federal, Dilceu Sperafico (PP).

Confira no vídeo a seguir:

As informações são da página Moscas nas Sopas no Facebook.

Compartilhe agora!

Comments are closed.