Senadora Gleisi Hoffmann vai disputar a Prefeitura de Curitiba

Candidatura de Gleisi Hoffmann pode embaralhar corrida eleitoral e levar ao segundo turno disputa pela Prefeitura de Curitiba; senadora petista deverá defender na campanha realizações e investimentos do governo Dilma na capital paranaense; no último final de semana, no bairro Santa Cândida, Gleisi participou de inauguração de casas populares financiadas pela Caixa Econômica Federal.

Candidatura de Gleisi Hoffmann pode embaralhar corrida eleitoral e levar ao segundo turno disputa pela Prefeitura de Curitiba; senadora petista deverá defender na campanha realizações e investimentos do governo Dilma na capital paranaense; no último final de semana, no bairro Santa Cândida, Gleisi participou de inauguração de casas populares financiadas pela Caixa Econômica Federal.

A senadora Gleisi Hoffmann vai colocar seu nome à disposição do PT para disputar a Prefeitura de Curitiba em 2016.

A parlamentar vinha resistindo à ideia de concorrer com o prefeito Gustavo Fruet, do PDT, mas fatos novos a colocam na pista.

O pedetista distancia-se cada vez mais dos petistas, que deverão perder a condição de indicar o vice na chapa reeleitoral e até mesmo espaço na coligação proporcional.

Gleisi encomendou pesquisas qualitativa e quantitativas sobre sua entrada no jogo na capital paranaense. Ela calcula que só a candidatura própria resgataria a bancada do PT na Câmara Municipal de Curitiba, que hoje tem 3 vereadores, mas, com a coligação com Fruet, poderá ser reduzida a apenas um parlamentar.

Aos poucos, Gleisi Hoffmann vai retomando a agenda política em Curitiba. Semana passada, por exemplo, ela esteve na inauguração de casas populares no bairro Santa Cândida. Nesta sexta, ela se reuniu com a diretoria da Ocepar na capital.

Além de pleitear a Prefeitura, a senadora teria o papel na campanha de defender o PT e as realizações e investimentos do governo federal em Curitiba. Ou seja, Gleisi vem aí mais “vermelhinha” do que nunca.

Comentários encerrados.