PSOL coloca Cunha na marca do pênalti. Câmara terá coragem de cortar a própria cabeça?

Compartilhe agora!

do Brasil 247

cunha_cassacao

Poucas horas depois da notícia de que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deverá ser denunciado por corrupção pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, os deputados mais críticos à atuação do deputado já abrem caminho para sua cassação.

Alguns parlamentares preparam o pedido de investigação de Cunha pelo Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Casa, o que pode resultar na perda de seu mandato. Uma reunião para discutir o assunto, chamada pelo PSOL, deverá ocorrer assim que Janot formalizar a denúncia.

“Estamos só esperando a denúncia para que possamos embasar este pedido e já protocolar amanhã (quinta-feira). Na medida em que a PGR oferece a denúncia, ele passa de uma condição de indiciado para uma condição de denunciado e isto é muito mais concreto”, disse o deputado Ivan Valente (PSOL-SP), ao portal iG.

“Além disso, já temos notícias de contas do presidente da Suíça, que também deverão constar em nosso pedido de investigação”, revelou o parlamentar. “Nós, do PSOL, entraremos como partido, mas vários deputados, de outras legendas, se juntarão a nós. Só estamos aguardando o procurador”, acrescentou.

A reunião desta quarta discute os argumentos a serem usados pelos deputados na representação ao Conselho de Ética. O documento que denuncia Cunha está sendo finalizado por Janot e procuradores. O próximo passo é do Supremo Tribunal Federal, que deverá dizer se aceita ou não a denúncia. Caso aceite, o deputado se torna réu e passa a ser investigado pela corte.

Compartilhe agora!

Comments are closed.