Por Esmael Morais

Richa, primo, copiloto e fotógrafo viram ‘meme’ na internet

Publicado em 11/06/2015

quadrilha_gaeco_richaEm tempos de festa junina e de desbaratamento de quadrilhas pelo Gaeco, o governador Beto Richa (PSDB), amigos e parentes viraram ‘meme’ nas redes sociais.

Acusados de formação de quadrilha, pedofilia, corrupção na Receita Estadual, fraude em licitações, etc., o primo Luiz Abi Antoun, os parceiros Márcio Albuquerque Lima (500 Milhas) e Marcelo Tchello Caramori, figuram no viral espalhado na internet relacionando-os ao tucano.

“Junho é mês de quadrilha”, diz o texto colado numa fotomontagem dos quatro, ironizando o fato desses “homens do governador” estarem presos ou foragidos da polícia.

Noutro ‘meme’ é um convite “fake” para o “Arriá do Beto Richa”. O falso evento convida para a suposta no Palácio Iguaçu no dia 19 de junho, mas faz um alerta: “Se você não foi convidado é porque você não faz parte da quadrilha!” e traz “contato: Luiz Abi (o Brimo)”.