Por Esmael Morais

Greve dos professores e servidores perto do fim? Depende de Richa

Publicado em 02/06/2015

Já nas universidades estaduais, em função da greve, os calendários acadêmicos estão suspensos e devem ser refeitos quando o movimento terminar. Também por causa da greve, o Conselho de Administração da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) aprovou nesta segunda-feira a suspensão temporária do Vestibular de Inverno 2015.

A negativa da base governista na Assembleia Legislativa em votar na tarde de ontem (1º) a mensagem de reajuste enviada pelo governo do estado é uma mostra de que o isolamento do governador é cada vez maior. A proposta costurada pelos deputados e devolvida ao executivo garantindo os 8,17% ainda em 2015 não é ideal, pois leva o parcelamento até dezembro, mas é melhor do que a proposta do governo já rejeitada pelos servidores.

Agora a bola está novamente com Beto Richa e sua equipe. Não há justificativa de restrição pela lei de responsabilidade fiscal, nem de baixa arrecadação. O governo só não termina a greve se não quiser. Mas até parece que não quer mesmo.