Caso envolvendo ‘primo de Richa’ derruba procurador-geral do Paraná

Publicado em 2 junho, 2015
Compartilhe agora!

abi_richa_pgeO governador Beto Richa (PSDB) demitiu ontem (1º) o procurador-geral do Estado, Ubirajara Ayres Gasparin, após o Ministério Público anunciar investigação sobre a conduta do procurador Sergio Botto de Lacerda no pedido de habeas corpus do lobista Luiz Abi Antoun, primo do governador tucano, acusado de fraudar uma licitação do governo do Paraná.

Os promotores de Justiça investigam se Botto de Lacerda, que era subordinado ao ex-procurador-geral, atuava no órgão ao mesmo tempo em que defendia o parente do governador Beto Richa.

O Ministério Público viu conflito de interesses entre a defesa de Luiz Abi e a defesa da administração pública pelo mesmo procurador.

Gasparin é o quinto integrante do primeiro escalão do governo defenestrado este ano. Ele se somou a Fernando Francischini (Segurança), Fernando Xavier (Educação), César Kogut (Polícia Militar) e Marcelo Cattani (Comunicação).

A seguir, leia a íntegra do decreto governamental:

DECRETO No 1580
O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ

Resolve exonerar UBIRAJARA AYRES GASPARIN, RG no 1.612.975-5, do cargo, em comissão, de Procurador-Geral do Estado. Curitiba, em 01 de junho de 2015, 194° da Independência e 127° da República.

CARLOS ALBERTO RICHA
Governador do Estado
ALEXANDRE TEIXEIRA
Chefe da Casa Civil em exercício

Compartilhe agora!

Comments are closed.