11 de junho de 2015
por Esmael Morais
13 Comentários

Richa continua ameaçando emprego de William Bonner na TV Globo

richa_bonnerO governador Beto Richa (PSDB) continua envergonhando o Paraná em rede nacional. Hoje, a exemplo de ontem, ele apareceu no telejornal da Globo em virtude de propina Receita Estadual.

O tucano que teria modelo de gestão copiado pelo senador Aécio Neves (MG), caso fosse eleito presidente da República, é acusado de receber propina da Receita Estadual para a reeleição.

Assista ao vídeo

Pior: o primo do governador, Luiz Abi Antoun, seria o arrecadador do esquema de corrupção; todos os fiscais indicados pelo governador do PSDB foram presos pelo Gaeco.

O parente do governador, que estava foragido da polícia desde ontem (10), se entregou esta noite para o Ministério Público do Paraná.

E onde entra o jornalista Willian Bonner, da bancada do Jornal Nacional, nessa história? Ora, ele poderá perder o emprego para Beto Richa tal a frequência do tucano no horário nobre global. Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
6 Comentários

Corrupção na Receita Estadual leva milhares às ruas de Foz do Iguaçu pelo “Fora Beto Richa”; assista ao vídeo

richa_fozMilhares de pessoas protestaram ontem (10) contra o governador Beto Richa (PSDB) durante desfile dos 101 anos do município de Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná. A manifestação foi puxada por educadores que encerraram greve de 45 dias.

O protesto coincidiu com a prisão de todos os auditores fiscais da Receita Estadual indicados pelo governador tucano. Segundo o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), delator aponta que R$ 4,3 milhões em propinas irrigaram a campanha de reeleição de Beto Richa.

Assista ao vídeo*

O escândalo de corrupção é agravado porque envolve o primo de Beto Richa, o lobista Luiz Abi Antoun, foragido da polícia. Ele seria o arrecadador do esquema na Receita e quem teria indicado todos os principais cargos no órgão fazendário.

Na manifestação de Foz, sobrou também para a deputada estadual Claudia Pereira (PSC), mulher do prefeito iguaçuense Reni Pereira (PSB), ambos da base de sustentação do governador encrencado. Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
5 Comentários

Requião e Veneri abrem nesta sexta-feira 3º encontro de blogueiros no PR

tadeu_blogs_requiaoO senador Roberto Requião (PMDB) e o deputado estadual Tadeu Veneri (PT) estarão entre os presentes, nesta sexta-feira (12), às 19h, na abertura do 3º encontro estadual de blogueiros do Paraná.

O Blog do Esmael, em parceria com a TV 15, vai transmitir ao vivo o evento, para o Brasil e o mundo, a partir do auditório da APP-Sindicato (Curitiba, Av. Iguaçu, 880, Rebouça).

Os dois parlamentares debaterão a ofensiva conservadora no Brasil e o massacre dos professores em Curitiba. Também participará da mesa Ualid Rabah, da Federação Palestina.

O encontro de blogueiros também vai debater a democratização das comunicações e a defesa jurídica dos ativistas digitais.

Abaixo, veja a programação completa: Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
11 Comentários

Doleiro ligado a Beto Richa é preso pela Polícia Federal em Curitiba

richa_carvalhoO ex-secretário municipal de Curitiba para a Copa do Mundo de 2014, Luiz de Carvalho, foi preso hoje (11) na capital paranaense pela Polícia Federal (PF). Ele é acusado de agir como doleiro cuja atividade do grupo à qual pertence desviou R$ 3 bilhões nos últimos três anos. ... 

Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
11 Comentários

Deputado do PCdoB bate-boca na Câmara contra redução da maioriadade penal

alielO clima esquentou ontem (10) na Câmara dos Deputados durante a votação do relatório sobre a Redução da Maioridade Penal. Alguns parlamentares que são a favor da redução queriam impedir a entrada dos jovens da União Nacional dos Estudantes (UNE), da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e da União da Juventude Socialista (UJS), que se manifestaram contra a proposta.

O deputado federal Aliel Machado (PCdoB), que é contra a redução da maioridade penal, defendeu com veemência durante a manifestação a entrada dos estudantes e o direito da liberdade de expressão. Empurrado, o parlamentar paranaense bateu boca com outros colegas de Câmara — quase indo para as vias de fato. Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
20 Comentários

Garganta Profunda de Londrina cria roteiro exclusivo para encontrar primo de Richa foragido da polícia

richa_gaeco_abiGarganta Profunda de Londrina, homem do Palácio Iguaçu, assíduo frequentador do 3º andar do Palácio Iguaçu, altruísta que é, fez um roteiro para o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) encontrar o lobista Luiz Abi Antoun, primo do governador Beto Richa (PSDB), foragido da polícia desde ontem (10).

O parente do governador tucano é acusado de comandar uma quadrilha que desvia recursos da Receita Estadual e de fraudar licitações no governo do Paraná.

Para quem chegou agora, Garganta Profunda de Londrina é um informante do Blog do Esmael dentro do Palácio Iguaçu. A seguir, leia o roteiro exclusivo:

Abi foragido? Vamos ajudar o Gaeco a encontrá-lo: Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
8 Comentários

Richa, primo, copiloto e fotógrafo viram ‘meme’ na internet

quadrilha_gaeco_richaEm tempos de festa junina e de desbaratamento de quadrilhas pelo Gaeco, o governador Beto Richa (PSDB), amigos e parentes viraram ‘meme’ nas redes sociais. ... 

Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
13 Comentários

Deputado petista vê evolução na roubalheira tucana: “Proprimoduto”

pericles_richaO deputado estadual Péricles Mello (PT) recorreu ao naturalista Charles Darwin para explicar o envolvimento do primo do governador Beto Richa, o lobista Luiz Abi Antoun, em propinas na Receita Estadual. Para o petista, pelo Twitter, há um “Proprimoduto” no Paraná. ... 

Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
8 Comentários

Artigo de Marcelo Araújo: “Dia dos Namorados sem cobertor”

Marcelo Araújo*

Na noite desta quarta-feira o prefeito Gustavo Fruet fez um discurso emocionado na festa de aniversário de 98 anos do Instituto dos Advogados, no qual sentenciou que estará em franca vantagem eleitoral quem tiver menos denúncias, gabando-se de contar com umas 60 ações civis públicas contra si, mas nenhuma criminal.

Nesse mesmo dia houve flagrante do caminhão da Prefeitura recolhendo agasalhos e cobertores de moradores de rua. Estivéssemos em Fortaleza não passaria de um reconhecimento de incompetência na função social do executivo, representado pela FAS, mas em Curitiba poder-se-ia qualificar de ‘limpeza étnica’ ou ‘genocídio’. O primeiro se caracteriza pela remoção forçada de determinado grupo (uma espécie de deportação) e no outro é o homicídio de determinado grupo.

Se considerarmos que não foram os moradores de rua colocados num caminhão de lixo, para serem levados a outra cidade, e sim sua singela proteção ao frio; que em Curitiba há pessoas que morrem de frio, seja por omissão ou por essa ação deliberada, creio que a primeira ação criminal poderia ser intentada, na modalidade da tentativa devido ao ‘veranico’ que passamos.

No mesmo discurso o prefeito falou emocionado pelo prédio da Prefeitura ter servido de célula de proteção e atendimento a manifestantes agredidos pelo Governo do Estado. Pois agora, enquanto o prefeito tira agasalhos dos menos favorecidos, o Governo Estadual pelas mãos da Secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social Fernanda Richa está com a agenda lotada no dia dos namorados, em Antonina, Campina Grande do Sul e Curitiba para distribuição de cobertores.

Para tentar isentar-se de responsabilização e pela repercussão negativa, que passaria em branco se alguém não tivesse feito o registro fotográfico, a Prefeitura ‘confessa’ o crime e tenta fazer uma delação premiada abrindo uma sindicância para apurar responsabilidades.

Ora, a prefeitura já se mostrou omissa em não apresentar o responsável pela perda das 60 mil notificações de multas que se tentou fraudar, premiou com novo cargo o besuntador de carros estacionados irregularmente, agora quer mostrar indignação por algo que é de sua responsabilidade, e da pessoa com quem compartilha o mesmo teto e o mesmo quarto. Cada um comemora o Dia dos Namorados como sabe, uns embaixo dos cobertores e outros tirando os cobertores.

*Marcelo Araújo é advogado, presidente da Comissão de Trânsito, Transporte e Mobilidade da OAB/PR. Escreve nas terças-feiras para o Blog do Esmael.

Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
27 Comentários

APP nega acordo com Assembleia pela votação de reajuste de 3,45%

O diretor de comunicação da APP-Sindicato, Luiz Fernando Rodrigues, em nota nas redes sociais, esclarece que a entidade que dirige e o Fórum de Entidades Sindicais (FES) não fecharam acordo algum com os deputados pela aprovação de reajuste diferenciado de 3,45% , para os professores e servidores do executivo, enquanto os funcionários do judiciário terão a reposição de 8,17% em parcela única.

“A APP e o FES não fecharam qualquer acordo. Cada categoria avaliou suas condições. E mais: os deputados têm toda a autonomia de melhorar a proposta e isso é bom”, liberou o dirigente da APP-Sindicato.

Segundo a carta de Luiz Fernando, a categoria apenas deliberou a suspensão da greve e “não decidiu pelo acordo com o projeto”.

Na sessão de ontem (10) à tarde na Assembleia Legislativa, o líder do governo Luiz Cláudio Romanelli (PMDB) disse havia feito um acordo com a APP e deputados da oposição pela votação dos 3,45%. Aliás, os oposicionistas argumentaram que não podiam apresentar emenda ao projeto do governador Beto Richa (PSDB) porque estavam “amarrados” ao acordo da APP e do FES.

Portanto, esclarecido que não há acordo, por que nenhum deputado veio a público ainda afirmar que apresentará a emenda ao projeto do Palácio Iguaçu que destrói a isonomia salarial? Será que o “pacto de sangue” é mais forte do que se imagina?

É bom recordar que vários parlamentares e bancadas inteiras, como a do PSC, a maior da Assembleia, se comprometeram publicamente em votar pelo reajuste de 8,17% ainda este ano. Ou seja, se a emenda for a plenário certamente o governador será derrotado nessa matéria.

A seguir, o Blog do Esmael publica a íntegra da nota de esclarecimento do diretor da APP-Sindicato:

Com todo o respeito que sempre tive preciso responder as avaliações citadas pelo Professor Paixão:

Primeiro: mais uma vez o desrespeito à avaliação de todos os nossos dirigentes do Estado ao dizer que foi apelo da Direção Estadual para encerrar a greve. Foi avaliação de 29 NS. O professor Paixão não votou no Conselho e reclamou que não tinha se posicionado pq deveríamos ouvir a categoria. Foi o que a direção fez e votou. Como na Assembleia, a votação no Conselho da App foi de 70% a 30%.

Segundo: a categoria não decidiu pelo acordo com o projeto. Pelo contrário, o tempo todo nossa luta foi por 8,17% esse ano. A suspensão da greve não passou exclusivamente pelo PL. Ao contrário: foi a avaliação das condições de continuidade da Greve.

Terceiro: a App e o Fes não fecharam qualquer acordo. Cada categoria avaliou suas condições. E mais: os deputados tem toda a autonomia de melhorar a proposta e isso é bom. Hoje votaram contrários com coerência, pois continuam defendendo os 8,17%.

Quarto: não há como fazer reajuste diferenciado para o executivo como o texto do professor insinua. Que pode ter para alguns e outros não. Isso é uma inverdade. O reajuste será o mesmo para todas as categorias.

Quinto: que bom que os docentes ligados ao ANDES resolveram fazer um trabalho intenso na Alep. Nós estivemos por mais de 73 dias durante nossa greve nessa batalha.

E não desistiremos de toda nossa luta. Tudo o que for para melhorar e não perder em tempos de resistência nós faremos coletivamente.

Todas as decisões da App foram assim. É la Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
25 Comentários

Beto Richa colocará na internet os salários de policiais do Gaeco? Professores duvidam

gaeco_prof_richaO governador Beto Richa (PSDB) determinou durante a greve que os salários dos professores fossem divulgados no Portal Transparência. O objetivo era minar o apoio da sociedade ao movimento disseminando informações falsas contra o magistério paranaense.

A pergunta é: terá Beto Richa coragem de utilizar mesma tática de guerra contra os policiais do Gaeco que investigam corrupção no governo? Os cibertucanos da “Tenda Digital” invadirão os perfis dos agentes no Facebook como fez com os educadores?

Contra os bravos professores, além de expor salários na internet, o governador tucano também mandou a PM surrar com cassetetes, disparar bombas, tiros de balas de borracha, spray de pimenta, e atacar com cães pitbull. Leia mais

11 de junho de 2015
por Esmael Morais
31 Comentários

Coluna do Requião Filho: Cadeia nele!

Requião Filho*

Antes da greve dos professores da APP ter chegado ao fim eu protocolei uma Ação Pública pedindo explicações oficiais sobre as reais condições financeiras do Estado, uma vez que o governador Beto Richa insiste em dizer que não tem dinheiro para dar o reajuste de 8,17% aos servidores.

A Justiça determinou a notificação do Estado do Paraná para se pronunciar se tem ou não dinheiro em caixa para pagar o reajuste obrigatório aos servidores… para explicar o porquê de não ter dinheiro em caixa para pagar o reajuste dos professores.

Já que o governo não abre a caixa preta para a Assembleia Legislativa, estava na esperança de que não fariam palhaçada frente a um pedido judicial. Ledo engano. O Governo, aparentemente, apresentou informações que fogem à realidade, omite ou manipula dados ao que tudo indica.

Lembrem-se ninguém pode mentir em processos judiciais. Os dados apresentados serão confrontados na justiça e o governador poderá responder às penas da lei e até ser condenado por má-fé.

Afirmei na tribuna e coloco aqui minhas palavras: “Eu imaginei que a Justiça do Paraná seria levada a sério, mas esse demonstrativo que demandaria vários números foi apresentado em apenas uma página e uma tabela, o que demonstra que o secretário Mauro Ricardo não levou a Ação a sério. Isto aqui é um desrespeito a todos nós. O código penal, em seu artigo 299, diz que é crime omitir, alterar ou manipular dados em documentos oficiais e este apresenta um faturamento que sequer leva em consideração os recursos arrecadados pelo estado com o pacote de maldades do governo. E se for comprovada a omissão do documento que o senhor assina, pode ter certeza que irei pedir a cadeia para o senhor”.

Reafirmo aqui nesta coluna a minha posição neste assunto. É 8,17%, que é o devido por lei. A exceção prevista em lei só existe se o governo provar por “A” mais “B” que a correção de acordo com o IPCA iria colocar o governo em descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal, e isso até agora não foi feito.

Que prove, de acordo com a Lei, que não é possível dar o 8,17% e apresente um plano para posteriormente readequar as perdas salariais.

A ação continua. Não posso garantir o seu resultado, mas tenho esperança em uma decisão que mande o governo cumprir a Lei.

Caro leitor, não se iluda que a greve acabou porque os professores aprovaram a proposta do governo. A greve acabou por uma única razão: por respeito aos alunos e aos pais.

Chega de enrolação!

Aqui no Paraná nós levamos as coisas a sério. Se o governador e seu secretário não têm respeito pelo estado, vamos ensinar a eles a respeitarem as leis e aos paranaenses.

*Requião Filho é advogado, deputado estadual pelo PMDB, vice-líder da oposição Leia mais

Esmael Morais 2009-2019. O Blog do Esmael é liberto das excludentes convenções mercantis Copyright ©. O site não cobra pelos direitos autorais, portanto, pode e deve ser reproduzido no todo ou em parte, além de ser liberado para distribuição desde que preservado seu conteúdo e o nome do autor. | A política como ela é em tempo real.

Topo