8 de junho de 2015
por Esmael Morais
17 Comentários

“Beto Richa tem que limpar a corrupção no governo”, diz professora

[espro-slider id=135304] ... 

Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

PMDB pró Beto Richa vence eleição na Associação dos Municípios do Paraná

micheletto_sergioNem tudo é desgraça no arraial do governador Beto Richa (PSDB). O prefeito de Assis Chateaubriand, Marcel Micheletto (PMDB) venceu nesta segunda-feira (8) a eleição na Associação dos Municípios do Paraná (AMP). ... 

Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
6 Comentários

Resultado concurso de charges sobre o massacre de 29 de abril

[espro-slider id=135275]

O Blog do Esmael divulga nesta segunda-feira (8) as três primeiras charges melhor colocadas no concurso. A iniciativa teve como objetivo incentivar a participação dos leitores desta página e ilustrar o massacre dos professores e servidores promovido pelo governador Beto Richa (PSDB) no último dia 29 de abril.

Recebemos mais de 40 imagens, enviadas por mais de 20 leitores. Todas estão publicadas na página do Blog no Facebook nesta álbum.

Nesse meio tempo, o Blog do Esmael passou por problemas técnicos e tivemos que trocar o servidor, por isso o resultado atrasou. Apresentamos nossas desculpas. Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
34 Comentários

Ao vivo: Deputados debatem crise entre governo e professores


A greve dos professores pode não acabar amanhã, terça-feira, dia 9 de junho, como chegou a divulgar na última quarta (3) a bancada governista na Assembleia Legislativa do Paraná. A categoria está dividida e, de acordo com prévias, o movimento tende a continuar.

O Blog do Esmael transmite a sessão de hoje ao vivo em parceria com a TV 15 (transmissão encerrada às 16h50).

Antevendo o radicalismo da base, após consulta de seus 29 núcleos, a APP-Sindicato busca reabertura de negociação com o governo Beto Richa (PSDB). O Palácio Iguaçu diz que não rediscute a proposta de 3,45% que fez. A maioria dos educadores quer a reposição inflacionária de 8,17% ainda este ano, o que é lei.

Caso governo e grevistas não cheguem a um acordo, a “naba” voltará para a Assembleia Legislativa. A alternativa seria a apresentação de um “substitutivo suprapartidário” ao projeto de Beto Richa. O texto já está pronto e conta com 32 assinaturas, segun Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
16 Comentários

Além dos professores, como fica a greve do funcionalismo estadual?

categoriasOs educadores da rede pública estadual de ensino se reúnem em assembleia geral, nesta terça (9), para decidirem se encerram ou não a sua greve que já dura mais de quarenta dias. Por ser a maior categoria do funcionalismo estadual, é a greve que mais chama a atenção.

Mas, mesmo que professores decidam voltar ao trabalho, o que ainda é muito incerto, há diversas categorias de trabalhadores que podem prosseguir com suas greves, mantendo a pressão sobre o governador Beto Richa (PSDB) e seus aliados.

As universidades estaduais estão todas paradas, com os calendários acadêmicos suspensos, e se depender dos professores da Universidade Estadual de Londrina a greve continua até que o governo conceda os 8,17%, ou, pelo menos, se digne a negociar respeitosamente com os grevistas. Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
20 Comentários

Na véspera da assembleia, APP-Sindicato pede reabertura de negociações com governo Beto Richa

O clima continua muito tenso na véspera da assembleia geral que poderá ou não pôr fim à greve dos educadores. Nem governo nem APP-Sindicato arriscam um resultado, mas há uma leve vantagem pela continuidade do movimento paredista que hoje completou 44 dias.

Diante da incerteza da assembleia que deverá reunir 15 mil professores e funcionários de escolas no estádio Durival de Britto, na Vila Capanema, em Curitiba, a APP-Sindicato mandou interlocutores avisar ao governo Beto Richa (PSDB) que pretende reabrir as negociações.

Por sua vez, o Palácio Iguaçu respondeu de forma ríspida à consulta informal da APP: “Não tem a menor condição de reabrir negociação; se eles [educadores] não tiverem juízo, a situação vai piorar muito; vão ficar sem salário”, ameaçou o governo.

Vários núcleos regionais da entidade representativa dos educadores não aceitam o parcelamento da data-base a perder de vista. Eles querem receber 8,17% de reposição salarial ainda este ano. O governo propõe 3,45% em outubro e o saldo em janeiro de 2016.

Para o leitor ter uma ideia de como será emocionante a assembleia do magistério, amanhã cedo, enquete do Blog do Esmael encerrada nesta segunda-feira (8) aponta que 64% dos 5,9 mil votantes únicos são favoráveis à continuidade da greve ante 36% contrários (clique aqui).

Na base da APP há setores mais radicalizados, que não aceitam a “rendição” ao governo Beto Richa. A derrota de uma proposta da direção, se encaminhar pelo encerramento da greve, compromete a hegemonia do grupo que comanda a entidade.

Enfim, cada voto dos educadores será disputado até o último momento na assembleia de amanhã. O Blog do Esmael, em parceria com a TV 15, vai transmitir o evento ao vivo para o Brasil e o mundo a partir das 9 horas.

Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
19 Comentários

Professores tomam café da manhã na “casa” de Beto Richa; assista ao vídeo

Dezenas de educadores em greve se reuniram na manhã desta segunda-feira, 8, para um inusitado ‘café da manhã’ em frente ao condomínio de luxo em que mora o governador Beto Richa (PSDB); categoria realiza assembleia geral amanhã, terça, para decidir se encerram ou não a greve de mais de 40 dias; abaixo, assista ao vídeo.

Dezenas de educadores em greve se reuniram na manhã desta segunda-feira, 8, para um inusitado ‘café da manhã’ em frente ao condomínio de luxo em que mora o governador Beto Richa (PSDB); categoria realiza assembleia geral amanhã, terça, para decidir se encerram ou não a greve de mais de 40 dias; abaixo, assista ao vídeo.

Um grupo de educadores em greve foi tomar café da manhã nesta segunda-feira, dia 8, em frente ao condomínio de luxo do governador Beto Richa (PSDB) no chique bairro Ecoville, em Curitiba. ... 

Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
14 Comentários

Coluna da Gleisi Hoffmann: Aos mestres com carinho

gleisi_profsGleisi Hoffmann*

O Paraná inteiro acompanhou desde o início o movimento dos professores, trabalhadores em educação, servidores públicos, em defesa de seus direitos.

Corajosos, fortes, compromissados com o Estado, colocaram às claras a verdadeira personalidade do governador Beto Richa, encoberta à custa de muita propaganda e publicidade: autoritário, adepto da violência, dissimulado.

Foi um movimento histórico, em defesa da educação, da liberdade, do respeito. Nesta semana, a assembleia dos professores terá de tomar uma decisão: encerrar ou continuar com a greve iniciada há quase 70 dias, após receberem uma proposta de reposição salarial mediada pela Assembleia Legislativa. Leia mais

8 de junho de 2015
por Esmael Morais
57 Comentários

Coluna do Luiz Claudio Romanelli: E o diálogo, vai vencer a intolerância?

romanelli_profsLuiz Claudio Romanelli*

“Todos nós queremos ajudar uns aos outros, os seres humanos são assim. Todos nós queremos viver pela felicidade dos outros, não pela miséria alheia. Não queremos odiar e desprezar o outro. Neste mundo há espaço para todos e a terra é rica e pode prover a todos” – Charles Chaplin em “O Grande Ditador”.

Eu, como sempre, estou esperançoso e confiante. Estamos a poucas horas de vencer mais um impasse que se tornou histórico e que foi resolvido com muito diálogo e bom entendimento. A volta das aulas nas escolas é a vontade dos professores, pais, mães, estudantes, do sindicato, das autoridades e dos agentes políticos, enfim, é a vontade de toda a sociedade paranaense.

Espero, como já disse, que a volta às aulas venha a ser a melhor notícia deste semestre logo após a assembleia da APP-Sindicato na manhã desta terça-feira, 9, na Vila Capanema em Curitiba. A greve e seus desdobramentos consumiram, em muito, as energias de todos nós envolvidos nessa discussão. Aprendemos com tudo o que aconteceu neste tensionamento que nos marca de forma indelével e com lições a aprender.

A nova proposta de reajuste – é bom sempre lembrar – é resultado do amplo diálogo na Assembleia Legislativa entre a bancada de apoio e a bancada da oposição. Ao mesmo tempo, foi negociada de forma direta com o Fórum das Entidades Sindicais e com a APP-Sindicato. Leia mais