2 de junho de 2015
por Esmael Morais
57 Comentários

Justiça notifica Beto Richa sobre bloqueio de R$ 1,3 bi para garantir data-base aos servidores

liminarA Juíza da 5ª Vara da Fazenda Pública do Estado do Paraná, Patrícia de Almeida Gomes Bergonse, determinou no final da tarde desta terça-feira (2) que o Estado do Paraná se pronuncie em, no máximo, 72 horas, sobre a disponibilidade financeira do governo para arcar com o reajuste da data-base do funcionalismo. ... 

Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
75 Comentários

Para terminar greve na educação, Assembleia “suprapartidária” ameaça atropelar intransigência de Beto Richa

Pericles-MelloO deputado Péricles Mello (PT) anunciou nesta terça-feira (2), da tribuna da Assembleia, a elaboração de um substitutivo ao projeto do governador Beto Richa (PSDB) concedendo 8,17% de reajuste na data-base de professores e servidores do Paraná. A proposta seria “suprapartidária” teria a assinatura de 32 dos 54 parlamentares.

Péricles leu nomes de colegas de parlamento e partidos que subscreverão o novo substitutivo, que na prática significa atropelar e impor uma fragorosa derrota à intransigência do governador tucano.

O objetivo da Assembleia é resolver o imbróglio da greve, sobretudo na educação básica, que hoje completou 36 dias. Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
24 Comentários

Caso envolvendo ‘primo de Richa’ derruba procurador-geral do Paraná

abi_richa_pgeO governador Beto Richa (PSDB) demitiu ontem (1º) o procurador-geral do Estado, Ubirajara Ayres Gasparin, após o Ministério Público anunciar investigação sobre a conduta do procurador Sergio Botto de Lacerda no pedido de habeas corpus do lobista Luiz Abi Antoun, primo do governador tucano, acusado de fraudar uma licitação do governo do Paraná.

Os promotores de Justiça investigam se Botto de Lacerda, que era subordinado ao ex-procurador-geral, atuava no órgão ao mesmo tempo em que defendia o parente do governador Beto Richa.

O Ministério Público viu conflito de interesses entre a defesa de Luiz Abi e a defesa da administração pública pelo mesmo procurador.

Gasparin é o quinto integrante do primeiro escalão do governo defenestrado este ano. Ele se somou a Fernando Francischini (Segurança), Fernando Xavier (Educação), César Kogut (Polícia Militar) e Marcelo Cattani (Comunicação).

A seguir, leia a íntegra do decreto governamental: Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
30 Comentários

“Está difícil o fim da greve”

Fervilha os bastidores políticos no Centro Cívico. Desde a manhã desta terça-feira (2), são intensas as negociações que “podem” pôr fim à greve de professores e servidores públicos.

Os grevistas reivindicam reposição inflacionária de 8,17%, mas o secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, interventor nacional do PSDB nas finanças do Paraná, como governador de facto, joga duro.

“Está difícil o fim da greve”, reconheceu o deputado Professor Lemos (PT) ao ser questionado esta manhã pelo Blog do Esmael sobre as negociações da data-base com o Palácio Iguaçu.

O líder do governo na Assembleia, deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), às 11h45, afirmou que tinha acabado de sair de uma reunião com o governador Beto Richa (PSDB). No entanto, o peemedebista não quis antecipar o resultado da conversa.

Há ceticismo entre os educadores em greve há 36 dias, que anseiam voltar às salas de aula. Eles rejeitam o retorno à escola humilhados, desconfiam de calote no parcelamento da reposição e da intransigência do tucano que estaria fazendo “cortina de fumaça” sobre os escândalos de corrupção envolvendo o governo Beto Richa.

Romanelli levou ao Palácio Iguaçu a seguinte proposta: o salário dos servidores teria um reajuste de 3,45% em outubro e outro de 4,56% em dezembro, sem alterações na data base de 2016. Isto traria um impacto adicional ao orçamento de 2015 da ordem de quase R$ 1 bilhão.

Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
23 Comentários

Educadores em greve “infernizam” deputados pró-governo no Paraná; assista ao vídeo

bandab_LCMOs deputados que compõem a base de sustentação do governador Beto Richa (PSDB), na Assembleia, não aguentam mais serem “infernizados” pelos educadores em greve há 36 dias no Paraná.

Todos os dias um ou mais parlamentares são visitados por um grupo de grevistas. Na manhã desta terça-feira (2), o “premiado” foi Luiz Carlos Martins (PSD), dono da Rádio Banda B, que não compareceu ao trabalho alegando “doença”.

Assista ao vídeo, com narração do professor Paulo Vieira:

Teve palavra de ordem, faixas, buzinaço, etc. Quem não gosta da muvuca são os vizinhos das suas excelências.

Por causa do barulho dos grevistas em suas bases eleitorais, muitos deputados já começaram a “afrouxar a tanga” na Assembleia. Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
9 Comentários

Para nunca esquecer: Richa deu 128% de reajuste a comissionados

tetasTrês coisas que professores e servidores públicos jamais podem esquecer: 1- que foram covardemente massacrados no dia 29 de abril; 2- que o governador Beto Richa (PSDB) concedeu 128% de reajuste a comissionados (sem concurso); e 3- que o tucano nega reposição inflacionária de 8,17% ao funcionalismo concursado.

Em outubro de 2011, o tucano concedeu reajustes nas gratificações dos funcionários comissionados que representam aumentos entre 63% e 128% (clique aqui). Muitos atribuem a isso o gasto com pessoal extrapolando o limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Dito isto, quem ganhou uma “boquinha comissionada” com símbolo DAS-5 — coisa de R$ 6 mil ao mês — foi Letícia Trento Comin, filha da secretária interina da Educação, Ana Ceres Comin. A moça foi lotada na Casa Civil, segundo o Diário Oficial. Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
9 Comentários

Greve dos professores e servidores perto do fim? Depende de Richa

greve

Chegando ao 36º dia da segunda greve do ano, os professores e servidores da rede pública estadual se mantêm firmes no propósito de dobrar a intransigência do governador Beto Richa (PSDB) e sua equipe liderada pelo secretário da Fazendo, Mauro Ricardo Costa, interventor nacional do PSDB nas finanças do Paraná.

Caminham juntos nesta batalha os professores e servidores das universidades estaduais, também em greve há mais de um mês. E mais recentemente, uniram-se ao movimento os servidores de outras categorias como a saúde, agricultura, meio ambiente e socioeducadores; sem falar nos agentes penitenciários que foram proibidos de fazer greve pela justiça, mas que estão presentes no movimento.

Nesta segunda-feira (1º) aconteceu um fato curioso. Os professores em greve foram protestar em frente a Secretaria de Educação (SEED) e ao chegarem no local, os servidores do órgão abandonaram o prédio às pressas por ordem da titular. Eles acharam que o prédio seria ocupado pelos manifestantes, mas isso não aconteceu. Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
29 Comentários

Beto Richa prolonga a greve dos professores e servidores para encobrir escândalos de corrupção no governo?

profs_richa_gaeco

Nos últimos dias, não foram nem uma nem duas vezes que leitores do Blog do Esmael levantaram suspeitas sobre o prolongamento da greve dos educadores, que hoje entrou no 36º dia, deixando mais de 2 mil escolas fechadas e 1 milhão de alunos sem aula.

Para os mais incrédulos, o governador Beto Richa (PSDB) utiliza a justa reivindicação de 8,17% na data-base como “cortina de fumaça” para algo de muito mais podre no reino do tucanada: a roubalheira na Receita Estadual e outros escândalos cujo núcleo central disso tudo estaria no Palácio Iguaçu.

Não é segredo para ninguém que o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), braço policial do Ministério Público, investiga corrupção a partir de auditores fiscais da Receita Estadual; pedofilia; fraude em licitações; etc. Os promotores chegaram ao gabinete no tucano, ou melhor, à primeira-dama Fernanda Richa, secretária da Família e comandante-em-chefe do Provopar (Programa do Voluntariado Paranaense). Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
24 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: “Odorico Paraguaçu das Araucárias”

odoricoMarcelo Araújo*

Ninguém até agora entendeu a propaganda da Prefeitura de Curitiba sobre as melhorias no trânsito em relação às novas trincheiras. A Prefeitura lança um comercial com um bebê ‘meio perdidinho’,  que representa nosso prefeito descobrindo coisas que pra ele são novas, mas que já existiam; dizendo que as novas trincheiras mudam a vida dos moradores da cidade.

As trincheiras, que ligam o Jardim Botânico ao Capão da Imbuia, e também aquela feita no fim da rua Fagundes Varela, foram construídas pelo ex-prefeito Luciano Ducci (PSB), mas parece que só agora a comunicação do prefeito Gustavo Fruet descobriu que elas existem, talvez pesquisando no próprio site da Prefeitura no período de novembro/2012.

A empolgação com a descoberta é tanta que o anúncio delas também foi feito no programa eleitoral. Aliás ,você saberia dizer qual é a obra que o prefeito Gustavo Fruet fez durantes esses 3 anos e meio? Qual é a marca da sua gestão? Porque todos os prefeitos que os antecedeu marcaram a cidade.

Nem ‘Pinduca’, nem ‘Suvinil’, talvez Prefeito ‘Compilação’, pois junta tudo o que foi feito e lança o livro de obras. Poderia ser nosso ‘Odorico Paraguaçu’ que estimula o uso da bicicleta sem oferecer segurança porque quer inaugurar o cemitério da nossa Sucupiratiba. Leia mais

2 de junho de 2015
por Esmael Morais
13 Comentários

Coluna do Enio Verri: “O mundo particular de Beto Richa”

mundobetoEnio Verri*

O descompasso do governador Beto Richa (PSDB) com a realidade é cada dia maior e mais assustador. Em artigo publicado no jornal Gazeta do Povo do último domingo (31), o tucano mostrou mais uma vez que vive em um mundo paralelo, bem longe da realidade e do cenário de caos e desesperança do Paraná atual.

O governador garantiu que a grave crise financeira e política que o Estado atravessa é culpa do governo federal. Disse que foi “vítima” das projeções econômicas. Ressaltou que seu governo adotou ações administrativas para cortar gastos e economizar, sem abrir mão da responsabilidade e equilíbrio e jurou que fez investimentos recordes na educação, saúde e segurança pública, sempre com diálogo e muito trabalho.

O cenário que Richa imprimiu existe apenas na cabeça do governador. Está tão distante da realidade quanto os pés do tucano estão do chão.

Os estados brasileiros foram submetidos às mesmas condições de temperatura e pressão do cenário macroeconômico dos últimos anos. Ninguém enganou particularmente o governador do Paraná e o obrigou a dirigir o estado rumo ao abismo.

A culpa pela crise financeira sem precedentes, com dívida com fornecedores que supera R$ 1,6 bilhão, é de Beto Richa e de mais ninguém. A responsabilidade pelo aumento do IPVA em 40%, do reajuste do ICMS sobre mais de 95 mil itens de consumo popular, do confisco da previdência do funcionalismo, medidas que empurraram  a inflação no Paraná para 1,46%, a maior do Brasil, é do governador tucano. Leia mais