1 de junho de 2015
por Esmael Morais
55 Comentários

Nova proposta prevê reajuste 8,17% a professores e servidores em duas vezes ainda este ano

richa_fes_romanelliO deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), líder do governo na Assembleia, atravessou a Praça 29 de Abril — a antiga Nossa Senhora Salete — rumo ao Palácio das Araucárias. Ele foi levar uma nova proposta para o secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, interventor do PSDB nacional nas finanças do Paraná.

Pela sugestão, o salário dos servidores teria um reajuste de 3,45% em outubro e outro de 4,56% em dezembro, sem alterações na data base de 2016. Isto traria um impacto adicional ao orçamento de 2015 da ordem de quase R$ 1 bilhão.

Ajustando-se a parte econômica, também tem a parte política para resolver. O movimento dos educadores põe à mesa como condição de volta às aulas o fim das perseguições, a retirada de faltas e punições. Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
22 Comentários

Professor Lemos levanta a voz para Traiano: “Mentiroso!”; assista ao vídeo

traiano_profs_lemosO presidente da Assembleia Legislativa e do PSDB do Paraná, Ademar Traiano, bateu boca com o deputado Professor Lemos (PT) na sessão desta segunda-feira (1º). A tensão entre os dois teria ocorrido porque o tucano foi preterido na interlocução com os grevistas.

O presidente da Assembleia tem espalhado por aí – inclusive no plenário da Casa – que a proposta de 3,45% partiu do petista.

“É mentira. O presidente Traiano mentiu descaradamente”, declarou ao Blog do Esmael Professor Lemos.

Assista ao vídeo

“Ele mentiu e eu tenho testemunha de cinco deputados, pois sempre defendi 8,17% de aumento na data-base”, disse Lemos ao repórter César Setti, da TV 15.

Para o deputado do PT, a “mentira” de Traiano seria uma estratégia do Palácio Iguaçu para dividir o movimento dos professores. Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
6 Comentários

Movimentos sociais realizam plenárias pelo impeachment de Beto Richa

impeachmentSerão realizadas hoje (1), em Maringá, e amanhã (2), em Curitiba, plenárias em defesa da renúncia ou do Impeachment do governador Beto Richa (PSDB).

A reunião de Maringá está sendo convocada por sindicatos, entidades estudantis, movimentos sociais e organizações políticas de esquerda.

A reunião de Curitiba está sendo organizada pelo advogado e blogueiro Tarso Violin, autor do pedido de impeachment do governador protocolado Assembleia Legislativa semana passada e pelos demais signatários da ação. Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
3 Comentários

Ao vivo: Assembleia volta a discutir fim da greve dos professores

O Blog do Esmael, em parceria com a TV 15, transmite ao vivo mais uma sessão da Assembleia Legislativa.

Deputados tentam uma saída para a greve que nesta segunda-feira (1) completou 35 dias.

O clima está muito tenso no Centro Cívico.

Entre o fim de semana e hoje, parlamentares tiveram “visitas” de grevistas em suas casas; houve bate-boca, vaias, e deputado que saiu correndo de manifestantes…

Do outro lado da Praça 29 de Abril, o governador Beto Richa (PSDB) promove demagogia ao doar sangue. Bem menos do que fora derramado no massacre.

Há quem diga que o sangue do tucano será usado em transfusão para deputado da base aliada. A conferir.

Transmissão encerrada às 16h45.

Veja como foi a sessão

Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
42 Comentários

Quiproquó envolve clã dos Barros na Assembleia Legislativa do Paraná

O k-suco ferveu no início desta tarde no oitavo andar da Assembleia Legislativa do Paraná.

Por volta das 13 horas, um grupo de professores e servidores públicos encontraram-se com a deputada Maria Victoria (PP). Foram pedir-lhe apoio ao reajuste na data-base de 8,17% e pelo fim da greve.

Os educadores foram ríspidos ao cobrar uma posição da parlamentar que se diz na Casa “defensora da educação”.

O pai da moça, o deputado federal Ricardo Barros (PP), ao perceber que a filhota estava em “apuros”, foi acudi-la. Foi aí que começou o quiproquó.

“Leitão Vesgo”, como é conhecido o marido da vice-governadora Cida Borghetti (PROS), partiu para o insulto. Recebeu o revide da tropa da APP-Sindicato e o bate-boca quase terminou em sopapos.

Mais cedo, no município de Sarandi, no Noroeste do estado, outro Barros borrou a “cueca de seda” — segundo professores de Maringá. O secretário de Estado do Planejamento, Silvio Barros II (PHS), irmão do Leitão Vesgo, não conseguiu palestrar numa escola sobre meio ambiente devido aos intensos apupos.

Assista ao vídeo

Os grevistas fazem corpo a corpo na Assembleia desde a manhã desta segunda-feira (1º). Pedem aos deputados estaduais a rejeição da mensagem do governador Beto Richa (PSDB), que destrói a carreira no magistério, e solicitam emenda ao projeto para encerrar a greve de 35 dias.

Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
52 Comentários

Beto Richa apela para demagogia depois de ‘arrancar sangue’ de professores no dia 29 de abril

richa_demagogiaO governador Beto Richa (PSDB), mais em baixa do que bunda de cobra, apelou nesta segunda-feira (1º) para a demagogia barata visando limpar a barra.

Depois de surrar e fazer jorrar o sangue de professores e servidores em praça pública, no dia 29 de abril, manter-se intransigente nas negociações e prolongar a greve por 35 dias na educação, eis que surge o tucano doando sangue:

“Doar sangue, um gesto simples de solidariedade que pode fazer a maior de todas as diferenças: salvar vidas”, escreveu esta manhã o governador do PSDB.

Enquanto Beto Richa encena com a doação de sangue, a 50 metros do Palácio do Iguaçu tem três pessoas em greve de fome contra o massacre do dia 29 de abril, pela reposição data-base de 8,17%, pelo fim da greve.

Quem se habilita a receber alguns mililitros de sanguinho do chupa-cabra?

Em tempo: reproduzo abaixo trecho de um artigo do compositor brasileiro Aldir Blanc, publicado ontem n’O Globo, sobre a covardia do governador paranaense: Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

Professores fecham cerco e fazem vigílias em frente à casa de deputados governistas

vigiliadepsO fim de semana dos professores grevistas foi movimentado e teve vigílias em frente das residências de deputados da base do governador Beto Richa (PSDB).

Os deputados Ademar Traiano (PSDB), Alexandre Curi (PMDB), Mauro Moraes (PSDB) e Claudia Pereira (PSC) tiveram suas residências “visitadas” por grevistas, que protestaram com faixas e cartazes e realizaram longas vigílias para tentar “sensibilizar” os parlamentares para suas reivindicações.

Os moradores do bairro do deputado Ademar Traiano, presidente da Assembleia Legislativa, deram início a um abaixo-assinado pedindo que o deputado se mude para outro lugar. Para os vizinhos do tucano, o luxuoso bairro Batel não combina com esse tipo de manifestação.

Já o deputado Wilmar Reichembach (PSC) foi “recepcionado” por grevistas em uma festa popular no município de Nova Esperança do Sudoeste. O deputado decidiu abandonar a festa, mas foi seguido pelos manifestantes e literalmente fugiu dos professores, sob gritos de “traidor da educação”. Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

Proposta de Richa ‘extingue piso’ e achata carreira no magistério; ouça

A mensagem de reajuste do funcionalismo estadual enviada na semana passada pelo governador Beto Richa (PSDB) à Assembleia Legislativa já foi rejeitada pelos professores e servidores, pois, segundo eles, que entram hoje no 35º dia de greve, não cumpre a lei da data-base e tenta enganar a todos jogando a reposição da inflação para o segundo semestre e o início do ano que vem.

Um dos pontos que está chamando a atenção, é a “extinção” do piso nacional dos professores, que passa a ser aplicado somente no início da tabela, não estendendo-se aos demais níveis da carreira (abaixo, leia a íntegra do projeto tucano). Essa manobra causará novamente um achatamento nos vencimentos dos professores.

O debate e o impasse voltam nesta segunda-feira (1º) ao plenário da Assembleia Legislativa com transmissão ao vivo pelo Blog Esmael, a partir das 14h30, em parceria com a TV 15.

Ouça a opinião de Marlei Fernandes, da APP-Sindicato:

Ou seja, na medida em que o piso acompanhar a inflação e os demais níveis não, como é o caso da mensagem enviada pelo governo para a Assembleia, a carreira deixa de fazer sentido, pois todos os níveis acima do piso vão perdendo poder aquisitivo, sendo achatados.

Além disso, a transferência da data-base para janeiro tem motivação estratégica. Como é período de férias dos professores e de grande parte do funcionalismo não há como promover mobilizações ou greves. O governador estará “livre” para fazer o que quiser.

Essa armadilha teria sido inserida na mensagem pelo secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, interventor nacional do PSDB nas finanças do Paraná.

O líder do governo na Assembleia, deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), jura que essas cascas de bananas serão removidas do texto governamental.

Leia a íntegra do projeto do governador Beto Richa:

Link alternativo para o arquivo clique aqui.

http://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2015/06/mensagem_richa_database.pdf

Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
17 Comentários

Coluna da Gleisi Hoffmann: Governador Beto Richa, menos desculpas, mais trabalho!

richa_gleisiGleisi Hoffmann*

Foi com muita perplexidade que assisti ao vídeo divulgado pelo governador Beto Richa na quinta-feira, no qual tenta colocar no Partido dos Trabalhadores a culpa pela greve dos professores paranaenses e tenta se isentar de qualquer responsabilidade pelos problemas que assolam as finanças do estado, colocando sua má gestão na conta do governo federal. Neste domingo retomou o assunto em um artigo publicado em jornal curitibano dizendo que o Brasil é o freio do Paraná.

É lamentável que uma pessoa na posição de governador subestime de forma tão explícita o senso crítico dos paranaenses sobre a responsabilização da gestão estadual e também subestime a inteligência dos professores, dos trabalhadores em educação, insinuando que eles não tenham vontade própria para protestar por seus direitos e por sua previdência.

Em seu vídeo, Beto Richa tenta passar uma informação inverídica, de que a sua proposta de reajuste salarial para os educadores chegaria a três parcelas de 3,45%, quando, na realidade, são três parcelas de 1,15%, totalizando os 3,45%. Além disso, soma um outro índice, de 8,5%, que dará em janeiro como reposição da inflação. Ele só omite que esta reposição, pelo IPCA, está prevista em lei desde 2007. Não é mérito seu. Leia mais

1 de junho de 2015
por Esmael Morais
24 Comentários

Coluna do Luiz Claudio Romanelli: O PIB e a economia do Paraná

romanelli_jornaisLuiz Claudio Romanelli*

Vivemos em tempos conflagrado de posições extremas, onde as boas notícias se perdem em função do apelo midiático do denuncismo e da espetacularização da violência sobrepondo à qualquer fato que possa levar a uma reflexão mais profunda daquilo que tenha impacto na nossa vida do ponto de vista econômico, político e social.

Neste sábado, 30, os jornais Folha de Londrina e O Diário de Maringá, nas suas manchetes principais, trazem, de forma positiva, um bom exemplo disso. O PIB, aquilo que chamamos do conjunto de riquezas produzidas no país, retraiu, entrou no negativo, ou seja, pior que a estagnação, o Brasil entrou em recessão, o que afeta a economia, o consumo e o emprego.

É um quadro grave que desencadeou a série de ajustes e cortes nas despesas e nos investimentos do governo federal e dos governos estaduais, entre eles o Paraná, que saiu na frente nas medidas que vem tomando desde o final do ano passado. Mas o que tem de bom na má notícia da economia brasileira. É o Paraná e um setor da economia que continua crescendo na contramão, como diriam alguns, daquilo que acontece no campo nacional. Leia mais