Por 275 a 46, Câmara aprova a terceirização