Produtor da Globo que investiga primo de Richa sofre ameaça de morte no PR

abi_richa_reporter

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor-PR), por meio de nota, denuncia tentativa de assassinato do produtor James Alberti, da RPC TV (afiliada da Globo), durante investigações de esquemas de corrupção no governo Beto Richa (PSDB).

Alberti também é produtor nacional do programa Fantástico. Ele investigava em Londrina, Norte do estado, pessoas muito próximas ao governador Beto Richa, como seu parente, Luiz Abi Antoun, e o ex-inspetor geral de fiscalização da Receita Estadual, Marcio de Albuquerque Lima, foragido da Justiça.

De acordo com a nota do Sindijor, o produtor foi ameaçado por meio de um telefonema na quinta-feira (9) em que se revelava um esquema para matá-lo por meio de um suposto assalto a uma churrascaria em Londrina.

A RPC TV informa o jornalista está em lugar seguro fora do Paraná.

Há quase duas semanas, o Sindijor já havia anotado que profissionais da RPC TV/Gazeta do Povo haviam sofrido ameaças devido às reportagens denunciando irregularidades cometidas por policias civis e militares.

O Blog do Esmael se solidariza com James Alberti e demais profissionais de imprensa que sofreram — ou ainda sofrem — tentativas de cerceamento na liberdade de bem informar à sociedade.

Comentários encerrados.