9 de Abril de 2015
por esmael
7 Comentários

Em nota oficial, Richa põe na marca do pênalti comandos da PM e da Civil

bonner_jornalistas_richaO governador Beto Richa (PSDB) desautorizou esta noite, com razão, os comandos das polícias Civil e Militar que estariam constrangendo repórteres investigativos. Leia mais

9 de Abril de 2015
por esmael
30 Comentários

Agora vai! Beto Richa visita FHC e pede conselhos para sair da crise e fugir de investigações no PR

betoefhcO governador Beto Richa (PSDB) visitou ontem o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso em seu instituto, em São Paulo, e publicou a foto acima em seu perfil no Facebook. Apesar de não confessar, Richa foi pedir conselhos sobre como tirar seu governo do buraco e escapar das investigações de corrupção que chegaram a sua família e rondam seu gabinete. Leia mais

9 de Abril de 2015
por esmael
15 Comentários

Frase do dia: “Próximo passo de Cunha é revogar a Lei Áurea”

cunha_lei_aureaDo leitor identificado como “Carlos” ao comentar no Blog do Esmael a aprovação do projeto da terceirização, que, na prática, extingue a CLT de Getúlio Vargas de 1943. Lei Áurea, extinguiu a escravidão no Brasil, foi sancionada pela Princesa Isabel em 13 de maio de 1888. Leia mais

9 de Abril de 2015
por esmael
10 Comentários

‘Fruet e Richa fingem que querem o metrô em Curitiba’, dispara Gleisi

gleisi_metroA senadora Gleisi Hoffmann (PT) perdeu a paciência com o governador Beto Richa (PSDB) e o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), que, segundo ela, estariam fingindo querer construir o metrô na capital paranaense.

“Olhando todo esse período, não me parece que a intenção de construir o Metrô em Curitiba seja para valer”, afirmou a parlamentar, nesta quinta-feira (9), pelo Facebook, ao analisar a demora para o início das obras do novo modal de transporte de massa.

Gleisi criticou o fato de Fruet pedir mais R$ 463 milhões ao governo federal para o metrô curitibano. Segundo ela, que acompanha a discussão desde o início, a presidenta Dilma Rousseff (PT) já reafirmou R$ 1,8 bi, recursos do orçamento federal, mais financiamento pelo BNDES, bancando a maior parte da obra.

“Enquanto isso, o sistema integrado de ônibus, que fez fama internacional para Curitiba, está se desmanchando”, disparou a senadora.

Embora dura na crítica, Gleisi Hoffmann elevou mais o tom contra o governador Beto Richa. Mas para a frente política essa puxada de orelha em Fruet, coincidente com o 5º congresso do PT, soou como um recado de que o partido não vai a reboque em 2016… Será que isso tudo vai terminar em rompimento? Será?

A seguir, leia a íntegra da crítica pública de Gleisi sobre a questão da crise no transporte público de Curitiba:

9 de Abril de 2015
por esmael
6 Comentários

Requião realiza comício nesta sexta contra a corrupção no governo Richa

pessuti_richa_requiaoO senador Roberto Requião retoma a cruzada nesta sexta-feira (10), às 19 horas, contra a corrupção no governo Beto Richa (PSDB). O novo comício será transmitido amanhã pelo Blog do Esmael em parceria com a TV 15. Leia mais

9 de Abril de 2015
por esmael
22 Comentários

Richa teme protesto de professores na abertura da ExpoLondrina

richa_protestoO governador Beto Richa (PSDB) poderá desconsiderar a ExpoLondrina 2015, que acontece entre hoje, 9, e 19 de abril no município de Londrina, no Norte do estado. Será a primeira vez que um chefe do executivo estadual faltará a uma das mais importantes feiras agropecuárias do país, que é organizada pela Sociedade Rural do Paraná (SRP). Leia mais

9 de Abril de 2015
por esmael
28 Comentários

Papa Francisco e CNBB se manifestam contra a redução da maioridade penal

maioridadeA escolha do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para a presidência da Câmara dos Deputados, conjugada com o isolamento político da presidenta Dilma Rousseff (PT), propiciaram uma intensa rebelião na base aliada do governo no Congresso que vem adotando uma pauta fortemente conservadora. Leia mais

9 de Abril de 2015
por esmael
52 Comentários

Contra a terceirização #vetatudodilma

vargas_dilma_cunhaO país regrediu ontem perto de 100 anos, à era pré-Vargas de 1930. Graças à Câmara Federal, presidida pelo deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que aprovou o projeto que regulamenta a terceirização da mão de obra — contra o trabalhador e a favor dos patrões.

De acordo com o painel eletrônico, 324 deputados votaram favoravelmente ao projeto, 137 parlamentares foram contrários e apenas 2 se abstiveram (veja abaixo como votou seu deputado federal). Na sequência, o texto do PL 4330/04 seguirá para o Senado e, se confirmado pelo senadores, para a presidenta Dilma Rousseff (PT) sancionar ou vetar a proposta.

A terceirização do trabalho é um retrocesso no marco civilizatório brasileiro. Trata-se de um ataque contra os trabalhadores perpetrado pela Câmara, que impõe uma pauta conservadora e de direita, cujo programa também pertence ao PSDB de Aécio Neves.

Agora é hora de uma greve geral, puxada por todas as centrais sindicais, para exigir que Dilma vete essa excrescência surgia ontem, em Brasília, na calada da noite. Não basta apenas uma paralisação no próximo dia 15 abril, como prega a CUT.

O ritmo antipovo de Cunha na Câmara não deixa de ser um aprendizado à sociedade, pois se é ruim com o PT, pior sem ele. Portanto, vamos à greve geral, à correlação das ruas, para derrotar esse atraso.

Aliás, o pior ainda está por vir: vem aí a redução da maioridade penal; outra bandeira da direita, que é condenada até pela Igreja Católica do Papa Francisco. Mas isso é tema para novo post, em breve.

Veja como votou o seu deputado:

9 de Abril de 2015
por esmael
21 Comentários

Coluna do Requião Filho: “Chame, chame, chame, chame o ladrão!”

richa_requiaofilhoRequião Filho*

As eleições municipais estão se aproximando. O que nós temos a ver com isso? O desespero do atual desgoverno do estado para conseguir amealhar uma graninha e ver se consegue melhorar um pouco sua imagem. Sim, o desgovernador está louquinho para raspar o tacho e conseguir pagar uma ou duas promessas eleitorais para conseguir eleger prefeitos na próxima eleição.

Projetos e mensagens enviadas à Assembleia todas tratam de uma maneira imediata de levantar uma graninha e nenhum se preocupa com o futuro do estado. A ideia é fazer caixa agora para melhorar a imagem do governo. Não importa se as medidas causarão um impacto negativo irreparável no futuro de nosso estado.

O que os próximos prefeitos têm com isso? Nosso desgovernador precisa eleger pessoas de seu grupo para salvar a sua imagem. Precisa que seus correligionários tenham algum discurso para defendê-lo do caos em que se meteu.

A credibilidade de promessas vazias esvaiu-se como o dinheiro desviado pela Máfia da receita de Londrina.

Escândalos de corrupção e exploração sexual envolvem 3 figuras simbólicas, um primo distante, um co-piloto (do carro de corrida do Richa) que foi indicado politicamente para um cargo importantíssimo da receita e um fotógrafo tatuado que tinha um polpudo cargo na Governadoria/Casa Civil.

Um nome era azar, dois pura coincidência… 3 já levanta suspeitas. Suspeitas ao menos na capacidade do rapaz [Beto Rihca] em escolher suas companhias.

Com esta imagem destruída o rapaz, antes moreno e altivo, procura suicidas políticos para que defendam o seu governo nas próximas eleições. Com o atual desgaste de sua imagem, uma candidatura com o apoio do atual desgoverno é uma candidatura com o toque invertido de midas.

Mas se já está ruim a imagem hoje, imaginem os senhores depois de uma campanha onde todos jogarão no ventilador a atual situação do estado… Estado em choque, choque de caixa, choque no lóbulo frontal da administração.

O medo de a verdade vir a tona é tão grande que fazem de tudo para evitar uma CPI da Corrupção – a CPI para investigar a Receita e os MANDOS e desmandos político das últimas gestões.