Veja essa: Richa esperou o leão! virar as costas para cantar de galo! contra os professores; assista ao vídeo

Beto Richa esperou a assembleia suspender a greve hoje pela manhã para, só então, atacar os professores e funcionários de escolas que lutavam por dignidade, respeito e seus direitos ameaçados pelo governo do tucano; Nós concedemos em quadro anos 60% de aumento para os professores e eu não me arrependo. Educação é prioridade na nossa administração!, disse cinicamente ao apresentador Galo, da Rede Massa, emissora de TV de Ratinho; abaixo, assista a entrevista completa.

Beto Richa esperou a assembleia suspender a greve hoje pela manhã para, só então, atacar os professores e funcionários de escolas que lutavam por dignidade, respeito e seus direitos ameaçados pelo governo do tucano; Nós concedemos em quadro anos 60% de aumento para os professores e eu não me arrependo. Educação é prioridade na nossa administração!, disse cinicamente ao apresentador Galo, da Rede Massa, emissora de TV de Ratinho; abaixo, assista a entrevista completa.

O governador Beto Richa (PSDB) saiu da toca nesta segunda-feira (9) tão logo soube que a assembleia dos educadores suspendeu a greve nas 2,1 mil escolas da rede pública do Paraná. Antes, porém, o tucano estava acuado, desnorteado com a queda de popularidade.

Na prática, o tucano que estava escondidinho esperou o leão! virar as costas para cantar de galo! durante longa entrevista no programa Tribuna da Massa, do apresentador Galo, na Rede Massa (SBT).

A assembleia dos educadores suspendeu a greve por volta das 11h10. Richa concedeu a entrevista perto das 13h. Ou seja, bem depois da decisão da categoria retornar à s aulas. E é evidente que o trocadilho no título tem a ver com o presidente da APP, Hermes Leão, e o apresentador Galo.

A emissora de TV pertence ao aliado Carlos Roberto Massa, o Ratinho, cujo filho, Ratinho Júnior, é deputado licenciado do PSC e secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano (SEDU).

O tucano disse que os professores foram usados por um sindicato comandado em boa parte pelo PT. A greve foi marcada a pretexto de pagar terço de férias, nunca salários e 13!º salário, e servidores temporários PSS. Aqui está tudo em ordem!.

Nós concedemos em quadro anos 60% de aumento para os professores e eu não me arrependo. Educação é prioridade na nossa administração!, discorreu o governador, que ainda afirmou que o sindicato inflama a categoria contra o governo dele.

Beto Richa culpou o antecessor, Roberto Requião (PMDB), pela greve encerrada hoje no Paraná. Atacou o ex-governador do PMDB, acusando-o de truculência, bravata e desrespeito!, que não mandava recursos aos municípios.

O tucano fez autocrítica por não ter contado a “verdade” para o povo. Espalharam maldade contra mim, dizendo que eu ia tomar dinheiro dos velhinhos!, lamentou, referindo-se à  tentativa de confisco de R$ 8 bi da Paranáprevidência.

Os professores são ordeiros, o problema é que foram inflamados por interesses políticos-partidos!, disse o governador, que no início da greve havia classificado os educadores que ocuparam a Assembleia como baderneiros!.

Beto Richa defendeu as manifestações contra Dilma Rousseff no próximo dia 15, inclusive o impeachment da presidenta da República.

Assista a íntegra da entrevista de Richa na Rede Massa:

Comentários encerrados.