Censurado na Assembleia Legislativa, criador da Paranáprevidência será ouvido pela Câmara Federal

João Arruda e o deputado Hugo Motta (PMDB-PB), da Comissão de Fiscalização, derrubaram hoje a censura ao criador da Paranáprevidência. “A Câmara Federal é uma Casa democrática aberta a todas às opiniões”, disse ao Blog do Esmael o deputado paranaense.

João Arruda e o deputado Hugo Motta (PMDB-PB), da Comissão de Fiscalização, derrubaram hoje a censura ao criador da Paranáprevidência. “A Câmara Federal é uma Casa democrática aberta a todas às opiniões”, disse ao Blog do Esmael o deputado paranaense.

O deputado federal João Arruda (PMDB) aprovou nesta quarta-feira (25), na Comissão de Fiscalização Financeira e de Controle da Câmara Federal, um requerimento para formação de uma audiência pública para analisar os fundos previdenciários estaduais.

No começo deste mês, a bancada governista da Assembleia Legislativa do Paraná censurou o idealizador da Paranaprevidência, Renato Follador, barrando convocação para que ele explicasse o impacto das mudanças que o governo estadual pretende realizar nas regras de concessão e destinação do fundo dos servidores públicos estaduais.

A audiência pública prevista para a semana que vem levará à Câmara o ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, além do censurado Follador.

“O evento será transmitido ao vivo pela TV 15 e o Blog do Esmael“, adianta João Arruda, reeleito hoje vice-presidência da Comissão de Fiscalização e Controle.

A ideia é analisar as mudanças realizadas pelos estados do Paraná, São Paulo e Minas Gerais no Regime Próprio de Previdência Social dos Servidores do Estado e que estão sendo questionadas pela Advocacia Geral da União (AGU).

Na justificativa da convocação, Arruda explica que a AGU considerou que o projeto de lei do governo do Paraná que extingue o Fundo Previdenciário está em desacordo com a técnica contábil e com o mandamento constitucional do “equilíbrio financeiro e atuarial, além de atentar contra os princípios constitucionais de eficiência e de economicidade”. “Temos que debater urgente este tema, uma vez que cabe ao Ministério da Previdência Social estabelecer os parâmetros e as diretrizes gerais para a organização e o funcionamento dos regimes próprios de previdência social”, afirmou o parlamentar, reeleito na reunião de hoje como vice-presidente da Comissão de Fiscalização Financeira e de Controle da Câmara Federal.

Paranaprevidência – Renato Follador, um dos idealizadores da Paranaprevidência em 1998, disse que a instituição está morta com a unificação dos dois principais fundos do órgão que libera o Executivo para usar uma “poupança futura” de R$ 8 bilhões de um deles para pagar a folha dos atuais inativos do Estado. “Em um governo que tem enfrentado dificuldades para quitar a folha de ativos, o risco que se corre é zerar esse saldo da previdência no curto prazo e ameaçar também o pagamento das aposentadorias”, analisou o especialista.

10 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. GRANDE RENATO FOLADOR SEM DUVIDA UM DOS GRANDES NOMES DO PARANÁ…CONHECEDOR PROFUNDO DA PREVIDENCIA…PARABÉEENNNSSS AO DEP. ARRUDA VAMOS LEVAR OS NOSSOS PARA BRASILIA

  2. Por essas e outras que peço pensão por invalidez e me negam, marcam pericias com, clinico, cardiologista pediátrico e ortopedista, sendo que o problema é de visão, apresento laudo médico, exames e eles nem leem, um me pesa e mede pressão, outro manda levantar os braços e o próximo bate no meu joelho com um martelinho. Isso é absurdo, enquanto preciso de tratamento para preservar um minimo de visão, O seu Rincha quer mexer nos cofres da Paraná Previdencia, sou filha de servidor falecido, solteira e sem renda. Minha acompanhante acha que devo entrar na justiça contra toda essa corja que tem medo do governador e não faz o trabalho necessário. Pois vou lutar até o fim por um direito conquistado a duras penas pelo meu paizinho. Não vou mais me humilhar para eles e nem viver de favor. Vou lutar. Deus vai me ajudar, pois contar com quem? Abraços e obrigada. Pelo desabafo

  3. Tenho certeza que agora vamos ter uma resposta para o que estamos precisando saber sobre o Paraná Previdência, confio muito no Deputado João Arruda, foi um dos deputados mais bem votados na nossa região,conheci pessoalmente na inauguração do Posto de saúde da Roseira, e sei que ele vai conseguir nos ajudar na nossa luta contra este governo que quer tirar nossos direitos, que tire os cargos comissionados, assim como os funcionários fantasmas do Sr. Nelson Justus.

  4. Quem sufragou Beto Richa com o “voto-libido” está cheio de felicidade:
    é que ele tá fod*+#&[email protected] com tudo!

  5. Acho bom, boa oportunidade para explicar o rombo no postallis, que os trabalhadores dos correios vão ter que pagar, antes de meter o bedelho aqui no Paraná. Também acho boa a chance para explicar o rombo na previdência social.

  6. Não sei se dá pra botar muita fé na deputaiada
    federada, mas pelo menos daremos visibilidade
    nacional à patifaria.

  7. A continuarmos nesta marcha bovina, o que seria uma volta ao regime feudal, o futuro do Estado do PR, corre o risco de simplesmente nos igualarmos aos povos mais primitivos do planeta Acorda povo do PR!

    • E esse o caminho que infelizmente trilhamos, visto que as meias verdades proferidas pelo desgovernador para se reeleger e o presentão (diga-se Pacotaço) mostrou que mais de 76% dos paranaenses desaprovam esse Governo.

      No 1º Ato de impeachment do Beto Richa de 20mil confirmados, foram só 3 mil as ruas, isso que aqui em Curitiba o cidadão conseguiu acho que 57% dos votos, cadê todo o restante que não votou nele? O governador tem a cara de pau pedir impeachment da presidenta, e com o seu PSDB são tão hipócritas de pedir a verdade ao PT!

      Mas infelizmente não vejo o nosso povo questionar com tanta ferocidade os problemas do estado (PSDB), tanto quanto os problemas da federação (PT), que são os bem praticamente os mesmos, vamos acordar povo, o inimigo também governa ao lado, bem pertinho, ali no palácio iguaçu!

  8. Já passou da hora de “demitir” esse governo incompetente!