8 de março de 2015
por esmael
48 Comentários

Na TV, Dilma pede “paciência e compreensão” aos brasileiros; assista

dilma_pronunciamentoA presidenta Dilma Rousseff (PT) utilizou esta noite a cadeia de televisão para pedir “compreensão” dos brasileiros acerca das medidas econômicas para enfrentar a crise e “paciência” com reajustes no preço da energia porque, segundo ela, esta situação é “passageira”.

No pronunciamento desta noite, Dia da Mulher, Dilma também anunciou a Lei do Feminicídio que transforma em crime hediondo, o assassinato de mulheres decorrente de violência doméstica ou de discriminação de gênero.

Abaixo, assista ao vídeo e leia a íntegra do pronunciamento:

8 de março de 2015
por esmael
76 Comentários

Sob o signo da desconfiança, educadores definem fim da greve! em assembleia desta segunda-feira

Milhares de professores e funcionários de escolas da rede pública estadual voltarão amanhã à  Vila Capanema, estádio do Paraná Clube, em Curitiba, a partir das 8h30, para decidir pelo fim da greve. O movimento paredista completará um mês nesta segunda-feira (9).

O comando geral da greve da APP-Sindicato deverá encaminhar proposta pelo retorno à s aulas, haja vista que o governo do estado assinou na última sexta (6) carta-compromisso! com os educadores numa reunião mediada pelo Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR).

O Blog do Esmael prospectou que o término da greve não é unanimidade entre os grevistas, mas o movimento já causa certa fadiga! na linha de frente e na base.

Há um sentimento na categoria de que é melhor encerrar na alta! e preservar o apoio de 90% dos paranaenses à s reivindicações da educação. Se precisar voltar [à  greve] é mais fácil!.

Entre os educadores prevalece o clima de desconfiança em relação ao governador Beto Richa (PSDB). Ainda permanecem na memória de professores e funcionários de escola os calotes do tucano cujos compromissos foram assumidos durante a greve de abril do ano passado.

Na época, em entrevista a uma emissora de televisão nacional, Richa debochou dos educadores ao classificar a greve de uma semana como uma grevezinha!.

à‰ importante ressaltar que nesta jornada a educação impôs derrotas estratégicas a Beto Richa. A principal delas foi jogar na lata de lixo o entulho da Comissão Geral! que lhe permitia acionar o tratoraço! na Assembleia Legislativa. A segunda foi obrigar o tucano calçar as sandálias da humildade!, pois o embate arrancou-lhe a popularidade de maneira incrível.

Também não é de somenos os recuos do governador nas demandas pontuais, tais como registra a APP-Sindicato: Decreto garante nomeação de 1015 pedagogos!; PDE: Resolução da SEED estabelece nova turma para 2o semestre!; Fundo Rotativo: Governo deposita R$ 8 milhões referente atrasados de 2014!³; e Desistência da fusão da Previdência e do Pacotaço!.

8 de março de 2015
por esmael
20 Comentários

Fora Richa x Fora Dilma. Quem levará mais gente à s ruas nesta semana?

Na sexta, dia 13, movimentos sociais vão à s ruas paranaenses pelo Fora Richa, impeachment já!!; no domingo, dia 15, será a vez dos partidos de direita e da velha mídia gritarem Fora Dilma!; quem levará mais gente para os protestos?

Na sexta, dia 13, movimentos sociais vão à s ruas paranaenses pelo Fora Richa, impeachment já!!; no domingo, dia 15, será a vez dos partidos de direita e da velha mídia gritarem Fora Dilma!; quem levará mais gente para os protestos?

O Blog do Esmael já deu pistas anteriormente de que o movimento pelo “Fora Richa, impeachment já!” tem mais apelo que o “Fora Dilma” nas ruas do Paraná. Os motivos já foram elencados no último dia 28 de fevereiro em postagem sobre o tema (clique aqui). Leia mais

8 de março de 2015
por esmael
57 Comentários

Projeto da deputada Maria Victoria estimula reflexões nas escolas sobre o combate à  violência contra a mulher

vic_maria_penha.jpgA deputada estadual Maria Victória (PP) conseguiu aprovar semana passada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), da Assembleia Legislativa, um projeto de lei que institui nas escolas estaduais do Paraná a Semana Estadual Maria da Penha!.

Segundo o projeto, no mês de março de cada ano serão realizadas atividades nos colégios com o objetivo de apresentar aos alunos a Lei Maria da Penha, que criminaliza e pune atos de violência contra a mulher.

A ideia da parlamentar é estimular reflexões contra atos de violência e também conscientizar a comunidade escolar sobre a importância do respeito aos direitos humanos.

8 de março de 2015
por esmael
11 Comentários

Parabéns à s mulheres que lutam!

O Blog do Esmael homenageia hoje todas as mulheres com um mosaico de fotografias da greve dos professores e funcionários de escola. Fotos: Facebook/APP-Sindicato.

O Blog do Esmael homenageia hoje todas as mulheres com um mosaico de fotografias da greve dos professores e funcionários de escola. Fotos: Facebook/APP-Sindicato.

Bonita é a mulher que luta!, dizia um cartaz ontem, em Curitiba, na manifestação do “Dia de Luta da Mulher Trabalhadora”. Leia mais

8 de março de 2015
por esmael
Comentários desativados em ONU estima em 81 anos prazo para se atingir equidade de gênero na economia

ONU estima em 81 anos prazo para se atingir equidade de gênero na economia

da Agência Brasil

A igualdade entre homens e mulheres tem avançado lentamente, conclui relatório das Nações Unidas (ONU) que avaliou a equidade de gênero em 167 países. O documento será apresentado segunda-feira (9) pelo secretário-geral Ban Ki-moon, em referência ao Dia Internacional da Mulher comemorado hoje (8).

O relatório destaca que, no ritmo atual, serão necessários 81 anos para se alcançar a paridade de gênero na economia e 50 anos para a igualdade na representação parlamentar.

O levantamento é um balanço da aplicação das normas adotadas pelos países na Quarta Conferência Mundial sobre a Mulher, em Pequim, na China, há 20 anos. Lá, foi pactuada uma plataforma de ação para ser cumprida pelos governos, iniciativa privada e sociedade.

Há uma lacuna decepcionante entre as normas e a implementação da Plataforma de Ação de Pequim, e um fracasso coletivo de liderança nos progressos para as mulheres!, disse a diretora executiva da agência da ONU para Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngcuka, na sexta-feira (6). Os líderes com poder para fazer essas ações falharam com mulheres e meninas!, avaliou.

Em 1995, 189 países assinaram a Plataforma de Ação de Pequim. De la para cá, a ONU mostra que houve poucos progressos para acabar com leis discriminatórias, aprovar leis contra a violência dirigida a mulheres e meninas. No entanto, a ONU reconhece que caiu a mortalidade materna, aumentou o número de jovens em escolas primárias e a participação de mulheres mercado de trabalho.

Os ganhos contrastam com o fato de, apesar da melhoria de educação, as mulheres têm alguns dos piores empregos, enquanto o fosso salarial entre os gêneros é um fenômeno mundial!, diz a agência, em comunicado divulgado pela ONU Mulheres. A estimativa é que elas ganham salários 77% menores do que o dos homens.

Deixe-me sugerir três requisitos essenciais [para equidade de gênero]: vontade e liderança política inabaláveis; aumento dos investimentos na agenda para as mulheres e meninas e uma forte responsabilização que inclui a sociedade!, diz a diretora Phumzile Mlambo-Ngcuka.

8 de março de 2015
por esmael
1 Comentário

Jessica Nevel: “Mulheres ainda lutam pela liderança no trabalho”

Jessica Nevel, em artigo especial para o Blog do Esmael neste Dia Internacional da Mulher, aborda as dificuldades delas ocuparem espaço na liderança, embora gerem resultados operacionais 50% maiores; elas são responsáveis 80% da decisão pela compra, mas ainda estão atrás no comando e chefias de empresas. Temos apenas aproximadamente 20% de mulheres ocupando cargos de liderança!, revela a especialista em desenvolvimento humano; leia a íntegra do texto.

Jessica Nevel, em artigo especial para o Blog do Esmael neste Dia Internacional da Mulher, aborda as dificuldades delas ocuparem espaço na liderança, embora gerem resultados operacionais 50% maiores; elas são responsáveis 80% da decisão pela compra, mas ainda estão atrás no comando e chefias de empresas. Temos apenas aproximadamente 20% de mulheres ocupando cargos de liderança!, revela a especialista em desenvolvimento humano; leia a íntegra do texto.

Por Jessica Nevel*

O debate sobre diversidade está aquecido dentro das empresas. Pesquisas mostram que equipes mistas (com homens e mulheres, gerações diferentes, culturas diferentes) são mais produtivas. Leia mais