Richa é desmentido pelo próprio líder do governo na Assembleia; assista

richa_roma.jpgO governador Beto Richa (PSDB) saiu ontem à  noite (12) da toca, assustadíssimo, para acusar professores e funcionários públicos em greve de “baderneiros”.

Os grevistas tomaram a Assembleia Legislativa do Paraná em protesto contra a votação à s escondidas do conhecido pacote de maldades, que previa os R$ 8 bilhões do fundo previdenciário dos servidores nas mãos de Richa.

Pois bem, o governador jurou que foi a presidência da Assembleia quem retirou o pacotaço da pauta. No entanto, o líder da bancada governista, deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), revelou que a iniciativa da retirada do pacotaço da pauta foi de Richa.

Líder e governador batem biela. Não falam a mesma língua. O desencontro leva o funcionalismo público a questionar: “há aí um desacerto de mitômanos?”. Afinal, diz um deputado oposicionista, “eles [Richa e Romanelli] só mentem quando piscam”.

Pelo sim pelo não, Romanelli também jurou que durante sua liderança na Assembleia não haverá mais requerimento para a famigerada Comissão Geral (tratoraço). Ou seja, depois de a casa ser arrombada os governistas cogitam tramela nas portas…

Assista ao vídeo:

Comentários encerrados.