12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
134 Comentários

A Batalha da Assembleia; assista

Assista todos os detalhes sobre da histórica Batalha da Assembleia nesta quinta-feira, dia 12, em Curitiba: ... 

Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
71 Comentários

Quem ganhou e quem perdeu com a ‘Batalha da Assembleia’

richa_alep.jpgà‰ óbvio que o maior derrotado na ‘Batalha da Assembleia’ foi o governador Beto Richa (PSDB). Até as capivaras do Parque Barigui, em Curitiba, sabem disso, mas o Palácio Iguaçu já procura bodes expiatórios para levar a culpa pela desastrada estratégia no lugar do chefe. ... 

Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
37 Comentários

Beto Richa “afrouxa a tanga” e retira “pacotaço” contra funcionários públicos do Paraná

deputdos_camburaoDepois de bombas, tiros com balas de borracha, cães contra professoras e o furo de bloqueio policial por uma massa ensandecida, o governador Beto Richa (PSDB) retirou o “pacotaço de maldades” da pauta da Assembleia Legislativa do Paraná. ... 

Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

“Só voto no plenário e em segurança”, diz deputado Luiz Carlos Martins

luiz_ocupacao.jpgDiante da possibilidade dos deputados realizarem a sessão extraordinária para a votação do pacote do governo na tarde desta quinta-feira (12) fora do prédio da Assembleia Legislativa, ocupado por manifestantes, o deputado estadual Luiz Carlos Martins (PSD), divulgou nota informando que não vota nenhum projeto fora da Assembleia.

Não voto nenhum projeto fora da sede do Poder Legislativo, que é a Assembleia do Paraná. Nada pode ser decidido de forma precipitada e é preciso oferecer total segurança tanto aos parlamentares quanto aos manifestantes. Aproveito para informar que não estou viajando para o exterior. Estou em Curitiba. Aqui é o meu lugar. E reitero que tudo tem que ser decidido de forma democrática na sede da Assembleia, sempre a Casa do Povo!, informa Martins.

Os deputados da oposição também se recusam a votar fora do plenário da Assembleia. Em Nota Oficial, a bancada condenou a ‘sessão escondidinha’ no prédio administrativo da Casa.

Leia a íntegra da Nota Oficial da Bancada de Oposição na Alep: Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
9 Comentários

TJ nega liminar contra tratoraço. Assembleia mantém ‘sessão escondidinha’

Educadores fecham entrada do Tribunal de Justiça, que possibilita passagem para a Assembleia.

Educadores fecham entrada do Tribunal de Justiça, que possibilita passagem para a Assembleia.

O desembargador Luís Espíndola, do Tribunal de Justiça do Paraná, há pouco, negou liminar em mandado de segurança impetrado pelos deputados oposicionistas contra a comissão geral (tratoraço) na Assembleia Legislativa. O magistrado disse que o legislativo tem autonomia para decidir a questão. ... 

Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
30 Comentários

Richa tem mais quatro baixas na Assembleia Legislativa do PR

felipe_batista_curi_vitoria.jpgO governador Beto Richa (PSDB) vai perder nesta quinta (12) quatro votos na sessão tratoraço da Assembleia Legislativa do Paraná. ... 

Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
21 Comentários

Dia D: Richa e funcionários em greve travam hoje a senhora das batalhas

batalha_diaD.jpgO governo Beto Richa (PSDB) e o funcionalismo público em greve geral protagonizam nesta quinta-feira, dia 12, a senhora de todas as batalhas no Centro Cívico, em Curitiba, onde mais de 30 mil pessoas são esperadas no protesto contra o pacote de maldades! do tucano. ... 

Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
48 Comentários

Deputado denuncia mensalão tucano: “Governo Richa está comprando votos contra funcionalismo público”

richa_adelino.jpgO deputado Adelino Ribeiro (PSL), da região de Cascavel, faz grave denúncia de compra de voto pelo governo Beto Richa (PSDB) contra os funcionários públicos do Paraná. ... 

Leia mais

12 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
9 Comentários

Itália decide extraditar Pizzolato

do Brasil 247
henrique-pizzolatoA Corte de Cassação de Roma, na Itália, decidiu nesta quinta-feira (12) aceitar o pedido de extradição do Brasil do ex-diretor de marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, condenado a 12 anos e 7 meses de prisão no julgamento do chamado “mensalão”. Ele deve ser preso ainda nesta quinta-feira (12).

Segundo a GloboNews, a decisão agora irá para o Ministério da Justiça da Itália, que tem até três semanas para se pronunciar.

Em outubro do ano passado, a extradição de Pizzolato foi negada pela Corte de Apelação de Bolonha, por alegações de inadequação no sistema prisional brasileiro. Os magistrados italianos aceitaram os argumentos da defesa do réu, de que as condições das prisões brasileiras não atendem aos direitos humanos. Leia mais