Servidores do Detran convocam ‘greve geral’ contra pacotaço de Beto Richa

detran.jpg

O Sindicato dos Servidores do Detran-PR (Sisdep) publicou uma carta aberta! com uma série de críticas pelo descaso com que os trabalhadores do órgão vêm sendo tratados pelo governador Beto Richa (PSDB).

Além disso, o Sisdep convocou assembleia geral da categoria para este sábado (06) com um único ponto de pauta: deflagração de greve geral.

A principal reivindicação dos servidores é um plano de carreira próprio, compatível com a importância do órgão e das funções executadas. Mas eles também reclamam de uma série de problemas que atingem todos os servidores do estado, como a precariedade do Sistema de Assistência a Saúde (SAS), o não pagamento de promoções e progressões, o parcelamento do terço de férias, dentre outros itens do pacotaço tucano.

Na carta aberta, os servidores também lembram o tarifaço de Beto Richa que tem no Detran-PR uma das principais fontes de arrecadação do governo.

Não custa lembrar que no período de fim de ano e férias, o Detran tem sua demanda aumentada, pois muita gente quer colocar seus documentos e veículos em dia para viajar com tranquilidade. Uma greve geral à s vésperas do Natal seria um “desastre”.

Leia a seguir a íntegra da carta aberta dos servidores do Detran-PR:

CARTA ABERTA à€ COMUNIDADE

Prezado cidadão paranaense é com muita tristeza que nós servidores do DETRAN/PR, devido ao descaso por parte do GOVERNADOR BETO RICHA, enfrentamos uma série de problemas.

à‰ claro que a má administração do Estado, bem como as tentativas desesperadoras para arrecadar fundos, que vão desde um projeto para antecipação de recolhimento de impostos de 2015 até o aumento da alíquota, bem como a retirada de fundos judiciários, e com o mérito de ter sido o governo que mais gastou com publicidade nos últimos tempos, o fato que parece que mesmo com arrochos, contorcionismos fiscais o caixa do Governo do Estado do Paraná não fecha.

O Sistema de Assistência a Saúde(SAS), encontra-se precarizado. Como demoras absurdas para se agendar uma consulta, sem falar em regiões que se quer possui atendimento por falta de repasse financeiro do estado. E no quesito ParanaPrevidência o Projeto do governo pretende fixar a taxa de 11% sobre benefício do servidor que ganha mais do que o teto do INSS.

Não temos recebido promoções e progressões que são direito legal dos servidores. E este mês fomos surpreendidos, pois os de acordo com a Secretaria de Administração e Previdência do Estado do Paraná os servidores que sairão de férias nos meses de dezembro e janeiro, não receberão os valores de direto referentes ao terço de férias, e sem qualquer aviso prévio,e sem nada pro escrito, o recursos humanos informou os servidores que isto é uma determinação do governo e o valor será parcelado em três vezes, a partir de janeiro de 2015.

Não bastasse isso ainda corremos o risco de não recebermos o décimo terceiro devido a situação do caixa. Também vivemos o constante medo de termos nossas atividades específicas e exclusivas, e prevista na Constituição Federal serem terceirizadas, trazendo sérios prejuízos a população, para a segurança e para a vida.

E por fim temos reivindicado há anos nosso Plano de Carreira, que é fortalecido pela Emenda Constitucional 82. Nosso projeto está nas esferas do governo e nos parece que não há interesse real em valorizar nossos servidores, e que apenas protelam a cada dia nosso sonho.

Lembramos que o DETRAN/PR é o segundo órgão que mais arrecada sobre tudo após o TARIFAà‡O, que reajustou as taxas algumas em mais de 200%.

Diante do exposto não temos outra alternativa a não ser convocar uma assembleia para deliberar sobre uma paralisação, que visa exclusivamente fazer com que o governo nos ouça.

Atenciosamente,

SERVIDORES DO DETRAN/PR( SERES HUMANOS, PAIS, MàƒES E FILHOS ASSIM COMO VOCàŠ).

16 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Curte Carros? Então ira gostar desse programa aqui, acesse aqui: http://vejasobre.com/16HUd ou clique no nome. 🙂

  2. O DETRAN É UM ÓRGÃO DOS QUE MAIS ARRECADA DINHEIRO, ENTÃO NÃO JUSTIFICA ESSE ÓRGÃO NÃO OAGAR O ADIANTAMENTO E O TERÇO DE FÉRIAS DE ACÔRDO COM A LEI DOS ESTATUTÁRIOS E CLT.
    SERÁ QUE ALGUÉM, OU O SECRETÁRIO DE FINANÇAS DO ESTADO ME DIZ PARA ONDE ESTÁ INDO O DINHEIRO ARRECADADO PELO DETRAN-PR?

  3. Nós funcionários do Detran Pr, não queremos reajuste
    e sim tratamento justo, somos em torno de 1000 funcionários, dividam isto pelos 399 municípios do Estado, ou pela frota de veículos do estado somado á divisão dos condutores habilitados.

  4. Toma funcionários burros,sem representatividade na ALEP todos vão continuar sendo escravos.Só lembrando pra melhorar o relacionamento com os escravos está voltando no PLANEJAMENTO o todo poderoso que cai BLIZ da carteirada na PM e vai implantar o plano de cargos e salários na base da chicotada.

  5. ESMAEL E DEMAIS SE A IMPRENSA DO PARANÁ NÃO ESTIVER ERRADA, SALVO MELHORES JUIZOS TÉCNICOS E POLÍTICOS, BETO RICHA FALIU, ESTÁ FALINDO E VAI FALIR MAIS O ESTADO DO PARANÁ! E O “CHOQUE DE (INDI) GESTÃO” CONTINUA! FAZER O QUE? SE NÃO HOUVE FRAUDE NAS URNAS ELETRÔNICAS O POVO O ESCOLHEU! AGORA ELE QUER AUMENTAR IMPOSTOS!
    Segundo a lógica capitalista neoliberal anti povo de direita sucateadora de administrações públicas, que é bandeira política do PSDB e quem lhes apoia, quanto maior é o Estado, maior é a necessidade de se arrecadar recursos junto à sociedade. Segundo os direitistas neoliberais, quanto mais ineficiente for o setor público, tanto mais custoso será ao trabalhador manter a estrutura estatal que nas suas argumentações seria “gordurosa, inchada e pesada”. Dessa maneira, um Estado pequeno e extremamente eficiente é algo desejável aos trabalhadores, segundo políticos e governantes apoiados pelos empresários neoliberais “mercadistas”. Afinal, dentro desta visão o Estado se limitaria a um conjunto específico de funções essenciais e, vejam só, as exerceria com maestria, provendo à população um bem público de qualidade, e a um custo justo. Do ponto de vista econômico o crescimento do Estado gera a necessidade do aumento da carga tributária (total de contribuições obrigatórias e impostos arrecadados divididos pelo seu Produto Interno Bruto o PIB que é a riqueza total produzida). Mas há detalhe corrosivo neste “paraíso de sonhos econômicos” que é o aumento (de impostos) da carga tributária torna o recebimento dos bens e serviços públicos mais caros para o trabalhadores comuns e humildes. Isto é, são obrigados a trabalharem mais horas para pagarem seus impostos. De maneira semelhante, o crescimento desordenado do Estado também é caro aos empresários, fazendo com que estes invistam menos. Sendo assim, um aumento (de impostos) da carga tributária acima de determinado nível afeta negativamente o padrão de vida de longo prazo de uma sociedade nas camadas mais baixas, diga-se de passagem. A implicação de política econômica desse fato é óbvia: a carga tributária brasileira já é está por demais elevada, e uma redução da mesma levaria a uma dinamização do crescimento de longo prazo da economia brasileira. Mas no Paraná o governo de Beto Richa vai aumentar impostos!
    SÓ PARA EXEMPLIFICAR E ENTENDERMOS MELHOR, OU SEJA: De maneira geral, os impactos negativos dos impostos aumentados sobre o crescimento econômico de um estado vêm de algo que os economistas chamam de “peso morto dos impostos”. O “peso morto” é a perda de eficiência associada a um imposto específico. Toda vez que o governo aumenta ou cria impostos, uma quantidade de trocas que antes era realizada na economia deixa de ser realizada. Essa redução nas trocas econômicas é justamente o peso morto do imposto. Por exemplo, suponha que você aceite pagar 10 reais para que lavem seu carro. Suponha também que exista alguém disposto a lavar seu carro por 7 reais. Sendo assim, você terá seu carro lavado por um preço entre 7 e 10 reais. No caso do preço acordado ser de 8 reais, você teve um acréscimo de 2 reais em seu bem-estar (toparia pagar 10 reais e pagou apenas 8 reais). E o lavador de carro teria um acréscimo de 1 real em seu bem estar (toparia lavar o carro por 7 reais e recebeu 8 reais). Isto é, o bem estar da sociedade aumentou em 3 reais. Suponha agora que o governo crie um imposto de 4 reais sobre cada carro lavado. Neste caso, a troca anterior passa a ser impossível. Consequentemente, o bem estar da sociedade é reduzido em 3 reais. Esta redução no bem estar da sociedade decorrente do imposto é o que chamamos de peso morto dos impostos.

    A ECONOMIA DO ESTADO DO PARANÁ ESTÁ, ESTARÁ ASSIM SENDO LEVADA NO DESESPERO COM E DEVIDO O GOVERNO DE BETO RICHA!
    SENÃO VEJAMOS: http://www.parana-online.com.br/editoria/politica/news/846270/?noticia=RICHA+RECUA+EM+TARIFACO+E+PROMETE+DECRETO+MANTENDO+ISENCOES

  6. BETO RICHA CONVERSA COM SEUS BOTÕES:
    Esse povo panaca me reelegeu, agora eu faço o que bem entender, não posso ser governador de volta mesmo. Eles vão reclamar, me xingar, mas vão fazer o que quero e não vai acontecer nada, porque essa gente é tudo um bando de frouxo e bunda mole. Inauguro umas obrinhas aqui, outra obrinhas ali, Daqui a 4 anos acabo ainda me elegendo senador. BANDO DE IDIOTA”¦

  7. Bando de vagabundos. Estão reclamando de barriga cheia. Aposto que isso é coisa da turma do Requiao.

  8. Esse pessoal do detran parece leitão vesgo mama numa teta olhando para outra.

    Ficam chorando de barriga cheia… ganharam gratificação recentemente, querem o que mais… royalties pela agilidade e grosseria com o usuário.

    choradeira infernal!!!

    • cara primeiro se informa antes de falar besteira sou funcionário do detran nós não temos vale alimentação nem vale transporte e ainda ganhamos um salário menor do que muita gente que não é funcionário público e principalmente não temos assistência médica presta concurso e vai trabalhar no detran garanto que você muda de idéia e nunca mais vai dizer asneira

      • Por media o detran arrecada 700 mil por dia, vejo como são precárias as instalações, o funcionário não tem um beneficio alimentação, plano de carreira, apenas pq uns e outros tratam os usuários mal vcs querem julgar tds. Estudem e vão prestar concurso.

  9. Greve? Aprenderam com os professores!

  10. Isto é só o começo. Depois da posse de sua magestade que vocês reelegeram vem mais…!

  11. Uma coisa que não entendo a Prefeitura Municipal nos enche de multa ate de colocar o braço para fora, e com isso temos por obrigação legal fazer um curso de reciclagem no DETRAN, ou contratar uma empresa para tal pagando um valor maior, Acontece que o DETRN simplesmente não fornece cursos para a realização na cidade de Curitiba, fazendo com que tenhamos que procurar empresas privadas, coisa muita estranha pois antes tinha-se uma quantidade de cursos muito grande em curitiba!!

    • Andre não é só em curitiba que esta assim é em todo o estado aqui na minha cidade a PM tem meta de de numero X de multa por mes voce não pode nem piscar que ja estão multando nossos governates q fora mal escolhidos estão sem dinheiro de tanto por a mão grande dai o povo que pague.