Eleitor mostra “arrependimento” depois de reeleger Beto Richa

richa_arrependimento.jpgReeleito no primeiro turno com 55,67% dos votos válidos na eleição de 5 de outubro, o governador Beto Richa (PSDB) terminará o mandato em 31 de dezembro e iniciará o segundo em 1!º de janeiro, em menos de uma semana, sob os signos da desconfiança e da desaprovação dos paranaenses.

Enquete realizada pelo Blog do Esmael entre os últimos dias 22 e 24 mostra que nada mais nada menos 73% reprovam a administração do governador tucano, o que se configura no maior “arrependimento” coletivo do mundo. à‰ como se 956 mil eleitores (28,67%) acordassem repentinamente de hipnose e caíssem na real.

“Infelizmente votei nele sim, se me arrependo? Muito, mas fica minha promessa…nunca mais votar pra que o outro não ganhe…”, escreveu no Facebook Fernanda, moradora de Londrina.

Se arrependimento matasse!¦!, a maioria dos 3.301.322 eleitores que deu vitória a Beto Richa estaria mortinha da silva. As primeiras manifestações de arrependimento surgiram ainda em novembro (clique aqui) com o fechamento de escolas no estado.

O desalento se aprofundou no início deste mês com a aprovação na Assembleia Legislativa do “pacote de maldades” do governador do PSDB, que consiste no aumento de impostos (IPVA e ICMS), fechamento de escolas, fim de eleição para diretor de escola, autorização de reajuste no pedágio, taxação de aposentados, escolha de novos secretários com perfil privativista, dentre outras sacanagens.

Diante da desgraceira geral para 2015, há luz no fim do túnel. Na metade deste dezembro, na UFPR, propôs-se a criação no ano vindouro de uma frente para combater as políticas neoliberais de Beto Richa (clique aqui). Portanto, alvíssaras!

Comentários encerrados.