Do presidente da Fiep para Beto Richa: “Antes da eleição era tudo bonito e colorido…”

Presidente da Fiep, Edson Campagnolo, criticou nesta quarta (10) tratoraço! que aprovou ontem (9) pacote de medidas do governo Beto Richa, em tramitação relâmpago, sem debates, na Assembleia Legislativa do Paraná.  "Antes da eleição era tudo bonito e colorido...", lamentou o empresário.

Presidente da Fiep, Edson Campagnolo, criticou nesta quarta (10) tratoraço! que aprovou ontem (9) pacote de medidas do governo Beto Richa, em tramitação relâmpago, sem debates, na Assembleia Legislativa do Paraná. “Antes da eleição era tudo bonito e colorido…”, lamentou o empresário.

O presidente da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Edson Campagnolo, nesta quarta-feira (10), abriu fogo contra a aprovação do pacotaço que aumenta impostos como o ICMS e o IPVA, dentre outras maldades. O empresário considerou as medidas do governador reeleito Beto Richa (PSDB) um verdadeiro “estelionato eleitoral”.

Ficamos chateados por este momento. Passado o período eleitoral, em que tudo era colorido e bonito, agora tudo começa a ficar preto e branco. Sabemos que o dia de amanhã não será bom, porque o consumidor está sendo convidado a pagar esta conta!, fuzilou o industrial.

O dirigente da Fiep criticou ainda o tratoraço que transformou a sessão da Assembleia Legislativa do Paraná em comissão geral, o que acelerou a tramitação de projetos polêmicos sem debate. Campagnolo, que esteve na Alep acompanhando parte da votação, manifestou-se contra o procedimento, já que pelo impacto que será causado pelas propostas, elas deveriam ter sido amplamente debatidas com a sociedade antes da apreciação pelos deputados.

Insisto que é uma irresponsabilidade (a rápida tramitação das propostas) no aspecto de as medidas não terem sido amplamente discutidas. Não se pode instalar uma Comissão Geral e simplesmente passar desta forma. Todos os deputados e o setor produtivo deveriam ter meios de se pronunciar!, disse Campagnolo.

Segundo o presidente da Fiep, o aumento de impostos !“ que no caso do ICMS passará a valer a partir de 1!º de abril de 2015 e, no do IPVA, já em janeiro !“ certamente resultará em aumento de preços, conta que será paga por toda a população.

Edson Campagnolo também afirmou que o setor produtivo entende a necessidade de o Estado readequar suas contas, mas em sua opinião, isso não deve ser feito com aumento da carga tributária.

Nenhum empresário apoia esse aumento de imposto. Todos compreendem que o Estado está em uma situação difícil. Não podemos desconsiderar isso, mas talvez não fosse este o momento, logo após as eleições, para trazer as medidas dessa forma!, comentou.

O presidente da Fiep também demonstrou preocupação em relação à  pressão inflacionária que o aumento de impostos deve gerar no Paraná e lamentou que a conta seja paga pela sociedade.

Está claro que o povo não aguenta mais essa estratégia de repassar o custo para a população. Isso vale para o governo federal, governo estadual e para muitos municípios!, disse. Temos aquela máxima de que o povo esquece rápido, mas espero que o povo não esqueça!, concluiu Campagnolo.

Medidas !“ O aumento de impostos no Paraná consta no projeto de lei 513/2014. Ele reajusta de 12% para 18% ou 25% as alíquotas do ICMS de uma extensa lista de produtos, que pode chegar a 95 mil itens, incluindo medicamentos, alimentos e produtos de higiene pessoal, entre outros. Além disso, aumenta em 40% a alíquota do IPVA e em um ponto porcentual a do ICMS de combustíveis (álcool e gasolina).

No mesmo pacote de propostas analisado nesta terça pela Alep, também foram aprovadas as extinções das secretarias estaduais da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul e do Trabalho e Emprego. As estruturas e atribuições dessas pastas serão assumidas por outras secretarias.

38 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Como bem disse o Requião, esse Beto é um moleque…digo mais , moleque que gosta de se aparecer, enquanto deixa um conselho de bandidos governando o Parana.

  2. QUERO DIZER O SEGUINTE DE TUDO ISSO AI: BEM FEITO! VOTARAM NELE AGORA NÃO ADIANTA CHORA… DA LHE PAU BETO VÉIO, CHEGUE O RELHO NO POVO DO PARANÁ.

  3. Os Petistas reclamam de que ????? Esperem o pacotaço da Dilmona……rsss,
    Fora os relatório camuflado da CPMI da Petrobras…
    Pais de políticos oportunistas de todos os lados.

  4. fica bravo não minha gente, é só um presentinho de natal estilo PSDB!!! KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  5. Concordo com o presidente da FIEP,porem acho que foi mais do “esquema prometido”traido,agora vem de chororó mais um inocetente ou conivente?me poupe disto…

  6. Parabéns seo Campagnolo, ao senhor e aos empresários do Paraná, doutrinaram os cabeças das empresas e fizeram campanha para o Beto Richa… Parabéns empresários do Paraná que fizeram doação para a campanha do governador…Parabéns Klabin do Paraná que fez doação gorda para a campanha do governador…

    O SUJEITO NÃO ERA DE CONFIANÇA, NUNCA FOI CHEGADO NO TRABALHO, GOSTA DE VIDA FÁCIL…

    Agora, e agora?
    Vamos às ruas, vamos para a porta da casa dele, vamos pressionar, vamos fazer o homem renunciar ao mandato… PRESSÃO NO CARA…

  7. “O imposto sobre veículos irá de 2,5% para 3,5%, depois de dez anos sem reajuste. (Perguntinha: reajuste em alíquota?”, isso representa nada menos nada mais que um reajuste de 40% no valor final do IPVA.
    Isso só o IPVA, fora outros produtos que também sofreram reajuste de alíquotas.
    “Richa é um comediante: “Evidentemente (o pacote) aumenta impostos, mas com muita responsabilidade.”

  8. temos que cobrar dos politicos que elegemos seriedade, ética e moral p/ com o cargo que confiamos neles. Temos que passar mensagens a eles cobrando de suas proposta em campanha. Quando criticarem,zombarem de mensagens mal escrita temos qdue repudia-los pela falta de educação com os menos instruídos escolarmente. Os eleitores do Beto é que tem maior responsabilidade de cobrar suas boas propostas de campanha, se é que houve boas propostas. Os paranaenses e brasileiro que conseguiram (conseguem) um alto nível ascolar deve aplicar seus conhecimentos em benefício do Estado e Brasil e não dar preferência em aplicar em outro país, vejo isso uma covardia. O povo deve amar seu município, estado, país independente do grau escolar apr4endendo votar no menos pior candidato seja pra que cargo for. Temos que acompanhar o mais perto possível a política municipal, estadual e federal para sabermos melhor votar. O cidadão que não ama seu município, estado,pais prova que não ama seu próxímo e muito menos o Criador do Universo (
    Deus em Jesus Cristo)

  9. Governador,o Sr já afundou a Agência do trabalhador,junto com o seu comandado,agora o Sr extinguiu a Secretaria do Trabalhador, querendo agora a junção com a Secretaria da Familia e a Secretária do trabalhador.E uma só comandante
    Governador alguma coisa está começando errada, no seu Governo

  10. Quanta ingenuidade deste empresário !!
    agora vai colher demissões promovidas por quem nunca soube administrar nada,que quase quebrou Curitiba e agora F… o Estado.
    Não sei quem é pior se Beto Play ou a Dilmula

  11. Sr. Governador que vergonha….eu que votei em voce, sabe quando votarei novamente NUNCA MAIS NA MINHA VIDA…..por que voce não mandou esse “pacote” para a Assembléia antes das eleições??

  12. O que eu realmente gostaria de saber: Como um Estado como nosso que é um dos mais ricos da união, está tão quebrado? Se o ilustre Betão não construiu uma escola, um hospital, uma penitenciária sequer, não restaurou, duplicou ou fez qualquer km de asfalto(salvos os das pedagieiras que ele apossou). Não melhorou a segurança pública(está um caos, a nível de Rio de Janeiro), o Ideb caiu, etc.. e onde foi para o dinheiro então? cadê o MP para investigar? cadê os anticorrupção que falam tanto, ,os protestantes dos “não é por 0,20″³? parece que agora sumiram com o rabo entre as pernas? A matemática não fecha, pela falta de dinheiro que está, nosso estado deveria já ter construido 50 escolas, 30 presídios, 50 hospitais, 10 aeroportos, metros, etc”¦

  13. Vamos ser coerentes
    Apesar de não ter muita idade lembro bem das investidas do REQUIÃO quanto a contibuição dos inativos para a previdencia.
    Lembro tambem do cancelamento do repasse da contribuição estatal.
    Não estou defendendo o Beto, só não acho que os requianistas tem a moral que estão falando que tem.
    Precisou do Beto mecher na ferida e impor as decisões que são necessarias e a gritaria foi geral.
    No tempo da maria louca, faltou-lhe os colhões que agora o Beto richa demonstou ter.
    Apesar de impopulares, futuramente, contrariados, muitos morderão a língua.
    Mas ainda sei que o estado do Paraná esta muito inchado de sanguessugas comissionados sem qualquer serventia.
    Isso poderia ser mudado e se valorizar os servidores de carreira que dão o suor por este estado.

    • Perdão! Mas porque ele não fez dessas medidas sua bandeira para as eleições? Medo de ser impopular? Porque não tomou essas medidas no início de 2013? E a pergunta principal onde ele colocou o dinheiro da arrecadação do Estado?

  14. KKKKK….desculpem,mas isso me faz rir da cara destes paranaenses que reelegeram este cidadão ao cargo de governador do estado, e quando ele disse que iria ficar melhor, só esqueceu que isso iria ficar melhor para ele e não para os paranaense, infelizmente neste pacote, até os que não votaram nele vão pagar pelo erro dos que não sabem votar ainda no Paraná, mas como dizem, VOCÊS MERECEM, REELEGERAM O “HOME”.

  15. Os deputados e esse governador choque de feijão estão tirando do povo paranaense não só o dinheiro,mas também a alegria de viver no Paraná,eu quero acreditar que o Paraná sai dessa mas só daqui a 4 anos.

  16. É, quem quiser aguá salgada neste ano pode tratar de colocar um ou dois pacotinhos de sal dentro da caixa d’água, mas que não passe de dois para economizarmos…

  17. No comentário acima:
    “Segundo o presidente da FIEP, o aumento de impostos ““ que no caso do ICMS passará a valer a partir de 1º de abril de 2015 e, no do IPVA, JÁ EM JANEIRO ““ certamente resultará em aumento de preços, conta que será paga por toda a população.”

    Acho que aí há um engano, pois o IPVA quando trata de alteração de alíquota, também está sujeito à noventena e só poderá ser cobrado a partir de 1º de abril, a oposição poderia ir à justiça para impedir uma cobrança antecipada.

  18. A FIEP não ta muito diferente poucos dias após as eleições demitiu 170 funcionários do colégio SESI para corte de gastos alegando problemas financeiros, e nesse bolo foi juntamente eu…

  19. Enquanto uns roubam da Petrobrás outros roubam do bolso do povo…

  20. Essa turma da Fiesp são uns bando de chorão. Não está gostando mude para o nordeste e vái vender água para aqueles pobres criador de cabrito. O Beto sabe o que faiz.

    • Prezada Patrícia, você deveria antes de qualquer coisa aprender a escrever. Continue acreditando cegamente no BETO e você vai ver no que vai dar. Espero que vc tenha dinheiro sobrando e que esses aumentos não interfiram na sua vida, mas pelo jeitão que você escreve…. sei não….

    • Cara Patricia antes de dar sua opinião, seria melhor você estudar um pouco mais política, se alfabetizar e acima de tudo conhecer o povo nordestino…xenofobia é crime !!! Se não tem nada a acrescentar mantenha-se calada!!!

    • Patricia vc ja ouviu falar do ditado que lamari e arigó diminui mas não acaba e vc não é o lambari vc é o ARRIGÓ

    • Isso mesmo Patrícia KaGhona, é legal zoar com esses eleitores trouxas do Beto Richa….

      Mas o mal tá feito e no final das contas estamos todos Kaghados…

    • Para começar não é faiz é faz, e você não usa a concordância correta para escrever… Antes de defender o Beto Richa vai aprender a escrever…

    • mais uma preconceituosa . se quer mandar mande para são Paulo pois a falta d´agua está acontecendo lá graças ao desgoverno do psdb e espere pois agora o paraná vai afundar e que vc afunde junto.

    • mais uma preconceituosa. se quer mandar manda pra são Paulo, a falta d´agua está lá graças ao desgoverno do psdb e espere pois agora o paraná vai afundar e que vc afunde junto. preconceituosa. preconceito da cadeia.

  21. Que mal “le pregunto”, ó Presidente da FIEP: – Votaste no Richa? Se votaste, diga sim! Se não votaste, diga não! É só para a gente saber …

  22. o povão gostou do “eu acredito” da campanha do beto com efeitos especiais agora a realidade é trevas e assalto na cara dura pelo desgoverno.

  23. Eu só gostaria de saber em quem votou Edson Campagnolo. O Sr.e mais os 60% não estavam vendo tudo colorido? Reclamam de que??

  24. Esse Gov não sabia que o presidente da Fiep é desafeto do vice governador Barros?
    Inocente. Essa briga ainda vai longe, podem escrever.

  25. O pessoal da FIEP já é bastante crescidinho pra ter acreditado nas “promessas de campanha” do Beto.Votaram nele, agora aguentem o rojão…

  26. Estou perplexo. Mas é com os Paranaenses,como é que aceitam esse tipo de imposição, e os nobres Deputados que votaram a favor da aprovação dessas medidas a pedido do Palácio Iguaçu, todos vocês também são responsáveis pelo arroxo no salário dos Paranaenses. Aumento do IPVA, ICMS,contribuição previdenciária aos aposentados.Definitivamente estamos sem rumo.Um Estado que vem ano após ano batendo recorde em arrecadação, não poderia se curvar a essa situação. Senhores a conta vai chegar em Janeiro 2015 e vai ser salgada, mas não se desesperem pois ainda virá as contas de Fevereiro, Março ……….2018.

    • Vergonha dos eleitores paranaenses, especialmente a turma do norte do Paraná que votou em massa no Beto Richa…errar tudo bem, o problema é a arrogância…

      • Aqui a coisa está dominada com Ricardo Barros, a vice cida boqueti e os belinatis… barba, cabelo e bigode. E pau no “zóio” do povo. chooooorrrraaaaaaaa paranaenses. Chora largaaaaaaaaado. Eu? Chorando junto, mesmo tendo votado contra tudo isso daí.