1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
50 Comentários

Aécio será processado por chamar PT de organização criminosa! em entrevista na Globonews

O presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, Rui Falcão, informou, nesta segunda-feira (1!º), que a legenda interpelará na justiça o senador e candidato do PSDB derrotado nas eleições presidenciais, Aécio Neves (MG), por ter chamado o PT de organização criminosa!.

O tucano fez a declaração em entrevista transmitida pelo canal Globonews! no sábado (29). Na verdade, eu não perdi a eleição para um partido político. Eu perdi a eleição para uma organização criminosa que se instalou no seio de algumas empresas brasileiras patrocinadas por esse grupo político que aí está!, acusou o tucano.

Já estamos interpelando o senador mineiro derrotado. Em seguida, processo crime no Supremo Tribunal Federal. O PT não leva recado para casa!, afirmou Rui Falcão, pelo Twitter.

De acordo com o líder do governo na Câmara dos Deputados, Henrique Fontana (PT-RS), com as declarações, Aécio perde todos os limites da razoabilidade. Segundo ele, o candidato derrotado não tem o direito de partir para a agressão contra o PT.

Alguém tem de dizer para o senador Aécio que ele não é juiz e que ele não tem o mínimo direito de agredir todos os eleitores da presidenta Dilma, do mesmo jeito que não tem o direito de agredir nosso partido!, defendeu.

Derrotado em exercício – Ainda segundo Fontana, é preciso que o tucano aceite a derrota sofrida nas eleições presidenciais. O senador Aécio Neves precisa compreender de uma vez por todas que ele perdeu a eleição, porque a presidenta Dilma foi reeleita com 54,5 milhões de votos. Ele tem que parar de contestar o resultado da eleição.!, diz o deputado.

O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PT-PE), também repudiou a afirmação de Aécio Neves. Em sessão no plenário da Casa, o senador afirmou que as declarações desastradas! reduzem a estatura política do tucano.

Para Costa, a derrota subiu à  cabeça! de Aécio. O candidato derrotado, que tem se sentido cada vez mais à  vontade na sofrível interpretação do papel de vítima do processo eleitoral, quer agora reinventar a história ao negar que tenha perdido a disputa para a presidenta Dilma!, disse Costa.

à‰ uma infame ópera-bufa, essa protagonizada pelo que chamo de candidato derrotado em exercício!, completou o senador.

Também no plenário, o senador Lindbergh farias (PT-RS) disse que Aécio Neves age como Leia mais

1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
5 Comentários

Procuradores vão à  Suíça à  caça de contas secretas do trensalão tucano

do Brasil 247
trensalao_tucano_suicaAs autoridades financeiras da Suíça vão receber esta semana mais uma delegação de promotores e procuradores brasileiras. Desta vez a missão é para a coleta de informações sobre contas bancárias, extratos e provas sobre supostas propinas pagas a altos funcionários do governo do Estado de S. Paulo pela multinacional Alstom.

Um porta-voz da Justiça suíça tem divulgado que o país tem “amplo material” sobre o caso. As autoridades estariam dispostas a colaborar com os pedidos da comissão de representantes do Ministério Público brasileiro. Com as informações sobre a movimentação desses consultores, a esperança dos promotores brasileiros é o de chegar a novos funcionários públicos e até políticos que tenham sido beneficiados com o dinheiro do cartel que, entre o final dos anos 90 e 2008, ganhou contratos bilionários da CPTM e do Metrô do Distrito Federal. Leia mais

1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
19 Comentários

Requião na oposição a Dilma?

levy_dilma_requiao.jpgO senador Roberto Requião (PMDB-PR) afirmou ao Blog do Esmael, nesta segunda-feira (1!º), que está desolado com os rumos que o governo reeleito de Dilma Rousseff (PT) está tomando. Segundo ele, a composição do ministério é o reflexo da conciliação do PT e do ex-presidente Lula com o mercado!. ... 

Leia mais

1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Autópsia para determinar causa da morte de Jango é inconclusiva

da Agência Brasil

jango_comicio.jpgA autópsia dos restos mortais do ex-presidente João Goulart, morto há 38 anos na Argentina, não identificou a presença de medicamentos tóxicos ou veneno que pudessem ter causado a morte de Jango, como era conhecido. O laudo final da perícia dos restos mortais concluiu que o ex-presidente, deposto pela ditadura miliar, realmente pode ter sido vítima de um enfarte, como foi informado à  época por autoridades do regime militar, devido a histórico de cardiopatias.

A negativa da presença de medicamentos tóxicos ou veneno, no entanto, não significa que Jango não tenha sido assassinado. De acordo com peritos que participaram das investigações, as análises foram prejudicadas pela ação do tempo.

Do ponto de vista científico, as duas possibilidades [morte natural e envenenamento] se mantêm!, disse o perito cubano Jorge Perez, indicado pela família Goulart para participar das investigações. Foram investigadas 700 mil substâncias químicas, de um universo de mais de 5 milhões conhecidas. Leia mais

1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
1 Comentário

Trabalhadores em greve da BB Tecnologia fazem assembleia hoje

unnamed

Os trabalhadores da empresa Banco do Brasil Tecnologia e Serviços (BBTS), antiga Cobra Tecnologia, em greve desde o dia 25 de novembro, farão nova assembleia em Curitiba nesta segunda-feira para decidir sobre a continuidade do movimento grevista no estado.

A empresa tem 400 trabalhadores no Paraná que são responsáveis pelo monitoramento e manutenção das máquinas e equipamentos eletrônicos das agências do Banco do Brasil no Estado.

A greve é nacional e conta com a adesão de profissionais de TI que prestam serviços para o Banco do Brasil em 17 estados brasileiros. Leia mais

1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
14 Comentários

Uruguaios elegem Tabaré Vasquez sucessor de Mujica

via Agência Brasil

MujicayVasquez

Os uruguaios elegeram nesse domingo (30) o sucessor do presidente José Pepe Mujica: no dia 1!º de março, o médico socialista Tabaré Vasquez será reconduzido ao cargo, que ocupou de 2005 a 2010. Este vai ser o terceiro governo consecutivo da coligação de partidos de esquerda, Frente Ampla.

No discurso em que festejou a vitória, Tabaré convocou a oposição a um diálogo. Convoco todos os uruguaios, não para que me sigam, mas para que me guiem e me acompanhem!, disse. Ao mesmo tempo prometeu que seu retorno ao poder não representará mais do mesmo! porque o país que vai presidir nos próximos cinco anos não é o mesmo de 2005 nem de 2010!.

Tabaré Vasquez disputou o segundo turno das eleições presidenciais com o candidato do tradicional Partido Nacional (ou Blanco), Luis Lacalle Pou. Ele obteve 53,6% dos votos, enquanto seu adversário ficou com 41,1%. A Frente Ampla ainda assegurou a maioria no Congresso, no primeiro turno das eleições, em outubro passado. Leia mais

1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
228 Comentários

Pedágio mais caro do mundo entrou em vigor nesta 2ª feira no Paraná

pedagio_richa.jpgDesde a 0h desta segunda-feira (1!º), o Paraná já está cobrando o pedágio mais caro do mundo nas rodovias paranaenses. A autorização foi dada pelo governador Beto Richa (PSDB). ... 

Leia mais

1 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
17 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: “Barrigada”

celso_cnh_marcelo.jpgMarcelo Araújo*

Na Gazeta do Povo do último dia 25 de novembro, o Colunista Celso Nascimento abordou a reestruturação do organograma do Estado que por meio do Decreto 12396 deslocou o Detran da Secretaria de Segurança para a Casa Civil, e ainda destacou que Em todos os estados, os departamentos de trânsito vinculam-se à s suas respectivas secretarias de Segurança Pública. O Paraná será exceção.! (clique aqui).

Além da imperdoável falha, cujo objetivo certamente é induzir o leitor a erro, vez que há mais de uma dezena de Detran que não são vinculados à s Secretarias de Segurança, sua conclusão é que tal mudança tem fins excusos com intenções políticas e financeiras à s quais não se encoraja de dizer claramente, apenas subentende maldosamente como lhe é peculiar.

O erro crasso foi tão gritante que não pude deixar de educadamente fazer-lhe um reparo e enviei um cordial e-mail alertando a “barrigada”: (e-mail abaixo enviado para o Celso no dia 25).

Em sua coluna do dia 27/11 o colunista retoma o assunto dizendo ter sido alertado por um “prestimoso colaborador que por algumas vezes foi personagem dessa coluna” sem ter coragem de nominá-lo, que posso ter sido eu entre vários leitores que perceberam a gritante “pançada”: (clique aqui).

Diz ainda que tal “colaborador” viu a árvore, mas não a floresta, pois o foco principal da coluna foi a velada (para não dizer covarde) acusação de que a mudança teria outras finalidades já citadas, financeiras e políticas, aliás o “guru” já condena por antecipação.

Um soldado ruim compromete a credibilidade da corporação, uma redação com erros de gramática compromete a credibilidade do conteúdo, uma “arvore podre” compromete a credibilidade da tal floresta! Simples!

Além do mais sua acusação contra o governo foi tão velada e covarde que nem daria para adentrar no mérito, sob pena de ele dizer que não foi quem disse, você que concluiu.

Mas o Celso é assim, não se preocupa com a verdade. Já fui vítima. Ele jogou a falaciosa notícia sem ter tido coragem de sentar na minha frente para ver a verdade, mas um dia vai, pois se você combina e não cumpre a vida se encarrega de agendar.

Ele pode ser esquecido, eu não!

Ele tem dificuldade em reconhecer quando erra, tanto que tenta minimizar sua barrigada tentando justificar a acusação de o PR ser o único em algo que não é relevante diante de acusação maior!.

Na sua coluna de ontem novo reparo de outra “barrigadinha” em relação a uma licitação de veículos para a Sanepar. Prestimoso e sábio colunista que também frequenta minha coluna. Quem vive no Céu pensa que todos a sua volta são anjos, quem vive no chiqueiro… Joguem-lhe as pérolas!

De multa eu entendo!

*Marcelo Araújo é advogado, presidente da Comissão de Trânsito, Transporte e Mobilidade da OAB/PR. Escreve nas segundas-feiras para o Blog do Esmael.

Leia a íntegra do e-mail enviado ao colunista Celso Nascimento: Leia mais