Requião: A ocupação das Malvinas pelo Reino Unido é uma agressão à  soberania da América Latina!

requiao_malvinas.jpgO Parlamento do Mercosul (Parlasul) aprovou nesta segunda-feira (10) declaração de firme respaldo! aos legítimos direitos! da Argentina na disputa com o Reino Unido pela soberania das Ilhas Malvinas, Georgias do Sul e Sandwich do Sul, além dos espaços marítimos circundantes.

Em sessão extraordinária dedicada unicamente ao tema, com a presença dos ministros de Relações Exteriores da Argentina e do Uruguai, o parlamento ressaltou o permanente interesse! dos países da região por uma solução pacífica e definitiva! para essa questão.

O senador Roberto Requião, vice-presidente do Parlasul, considerou uma questão de princípio! a aprovação da resolução reconhecendo a legitimidade da reivindicação argentina:

-Desde sempre, as Malvinas são argentinas, assim como Fernando de Noronha, Marajó, Abrolhos, Atol das Rocas e dezenas de outras ilhas de nossa costa são brasileiras. A ocupação das Malvinas, Georgias e Sandwich pelo Reino Unido é uma agressão também à  soberania continental. Nossa solidariedade à  Argentina é irrestrita, afirmou o senador.

A declaração aprovada também considera necessário cumprir os objetivos propostos pela Resolução 41/2011 da Assembleia Geral das Nações Unidas, que considera as ilhas uma Zona de Paz e Cooperação do Atlântico Sul e manifesta oposição à  presença militar do Reino Unido na região, por ser contrária à  busca de uma solução pacífica da disputa de soberania!. O Parlasul manifestou ainda seu repúdio a operações não autorizadas pelo governo argentino de exploração de hidrocarbonetos na plataforma continental daquela região.

Em seu pronunciamento aos parlamentares, o chanceler argentino, Héctor Timernan, criticou a decisão do governo do Reino Unido de promover licitações para a contratação de empresas que poderão promover a exploração de petróleo na região. Ele condenou ainda a crescente militarização das ilhas pelo governo britânico.

– O imperialismo segue com novas roupas, mas com a mesma essência !“ disse Timerman, ao pedir a manutenção da unidade dos governos da região em defesa da soberania argentina das ilhas ocupadas pelo Reino Unido.

Por sua vez, o ministro de Relações Exteriores do Uruguai, Luis Almagro, considerou a situação das ilhas como um caso de recolonização!. Ele defendeu a busca de uma solução pacífica e definitiva! da questão e observou que, ao contrário de outras colônias e ex-colônias, a população local não é composta por habitantes nativos da área, mas sim por pessoas provenientes da potência colonial. Por isso, ele não considera legítima a manifestação da população local em favor do domínio britânico sobre as ilhas.

– O Uruguai acredita que uma população transplantada não tem o direito à  autodeterminação que têm os povos subjugados !“ afirmou Almagro.

(Com Marcos Magalhães, Agência Senado)

30 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Não demora muito um grupinho de índios da Raposa Serra Do Sol invade aquelas ilhas e diz que tudo é deles.

  2. Requión me gustaria agradecerte hombre. Solo no entiendo porque el pueblo del Paraná no te quierem ni para portero de cabaret? Creo que estás loco.

  3. Se “a ocupação…” é uma agressão, a declaração do senador é também uma agressão à inteligência daqueles que costumam votar em Requião. O senador não se conforma em ficar no ostracismo, está sempre criando factóides, que só repercutem na mídia alternativa.

  4. Não sei se o senador vai conseguir reingressar no Brasil. Quando descer do avião poderá ser retido pelas autoridades aeroportuárias, pois doido só pode entrar no país com camisa de força.

  5. …tsk…tsk. A que se reduziu o meu ídolo até a sua primeira eleição ao governo do Estado, em cuja campanha quase fui preso pela PM de Santa Isabel do Ivai. Me flagraram num sítio de amigos, projetando “A Farsa” com Ferreirinha e Baiano da Foice.

  6. per’ hombre!!! porque non te callas??? requion, por favor,desapareça!

  7. Requião e uma moeda de três centavos, hoje, tem a mesma credibilidade.
    Cade a camisa de força ???????

  8. Depois dessa jogo a toalha, a Guerra das Malvinas aconteceu a trinta e quatro anos atrás, os argentinos invadiram a ilha e foram rechaçados pelos ingleses.Foi mais um momento de delírio dos militares argentinos que estavam certo que tinha apoio dos países como Brasil e Uruguai na guerra, mas foi bem o contrário. O Brasil ficou na dele, o Uruguai também e o Chile até sedeou bases militar para os ingleses em um primeiro momento da guerra. Agora eu me pergunto. Porque Requião está nesta? Será que não tem nada no Brasil para ser esclarecido e resolvido? Acredito que isso já é história e como se diz no popular “cada um com os seus problemas”.

  9. a Argentina realmente é um país de muita sorte por ter o senador bolivariano Robierto Requion como representante , que defende incansavelmente os hermanos , será que algum dia teremos um senador tão aguerrido e destemido como este defendendo nosso estado ; Esmael ??

    • Talvez o Rey Quion queira fazer uma reforma agrária nas ilhas Falklands para plantar MAMONA. Mas como diria o Garrincha: ele já combinou com os ingleses?

  10. AH Requião, cadê a bala de prata? Vc envergonha nós desse jeito, já não chega a lavada que tomou nas urnas.

  11. 50 anos após ainda esta falando, o problema é deles e não nosso, problema nosso é os dolares do guarda-roupa

  12. ERRATA.
    Em vez de desemcapado, DESENCAPADO.

  13. É isso aí Requião.
    Guerra ao Reino Unido!
    Vamos levar um “pau” latino-coletivo maior do que os
    Argentinos levaram sozinhos.
    Aí é só contamos os mortos e inaugurarmos + 1 túmulo
    do soldado desconhecido.
    Seria uma atitude estúpida, certo?
    Ora, Requião como advogado sabe, que a força do
    Direito está no direito da força.
    Se não temos força bélica pra competir, ficar de
    nhénhénhé, só nos humilha e ridiculariza.
    Requião tá se agarrando em fio desemcapado para se
    manter nas mídias, pode acabar eletrocutado.

  14. Se a Inglaterra não devolver já as ilhas para a Argentina o Requião dispara a bala de prata.

  15. EI REQUIÃO POR QUE VOCÊ NÃO VAI FALAR ISSO LÁ PRA RAINHA ELIZABETH???

  16. Agora com Requião na jogada os britânicos não terão paz. Deus salva a rainha! (Mesmo!)

  17. Foi uma briga de Davi e Golias, no entanto, desproporcional em todos os aspectos, nesse momento saída democrática, mas se a ilha está bem agora o que adianta mudar, tem situações já resolvidas, a menos que seja a salvação econômica da argentina

  18. É …… pelo jeito só reina na PAPUDA pessoas extremamente honestas do PT.

    http://www.fabiocampana.com.br/2014/11/em-encontro-da-contag-gilberto-carvalho-culpa-midia-por-petistas-serem-chamados-de-ladrao/

    A CULPA COMO SEMPRE É DA VELHA MÍDIA ……. SÓ FALTA CULPAREM A VERDADE TAMBÉM!

  19. Este PALHAÇO do Senador REQUIÃO!

    Se preocupe em defender os direitos do brasileiro com base neste nota abaixo:

    http://www.fabiocampana.com.br/2014/11/gastos-secretos-nos-cartoes-corporativos-do-planalto-batem-recorde/

    ACORDA REQUIÃO E FAÇA ALGO POR NÓS!

  20. Não ganha eleição nem pra síndico e quer dar pitaco sobre política internacional.

  21. Requião faça uma coisa útil ao Brasil: peça a cassação dos integrantes do PMDB por envolvimento no PETROLHÃO…..tem jeito não né???