Propina com recibo? Chama o síndico

galvao_propina_tim.jpgO cantor e compositor Tim Maia, morto em 1998, costumava dizer que o Brasil era esquisito e por isso não tinha como dar certo.

“Este país não pode dar certo. Aqui prostituta se apaixona, cafetão tem ciúme, traficante se vicia e pobre é de direita.”

Se ainda estivesse vivo, em tempo de Operação Lava Jato, o síndico acrescentaria à  sua antológica frase: “corruptor dá recibo de propina para corrupto”.

A empreiteira Galvão Engenharia apresentou ontem (24) recibos que comprovariam o pagamento de R$ 8,8 milhões em propina para uma empresa de consultoria.

Chama o síndico.

Comentários encerrados.