Professor Paixão: “Nós precisamos reinstalar a greve no Paraná”; assista

Publicado em 24 novembro, 2014
Compartilhe agora!

paixao_greve.jpgOs educadores paranaenses voltarão à s ruas nesta quarta-feira, dia 26, contra o governador Beto Richa (PSDB).

Inicialmente convocada em protesto contra o fim da eleição para diretor, a paralisação desta semana será encorpada agora contra o calote de Richa no pagamento de avanços e progressões na carreira de educadores, além de reivindicação de melhoria no atendimento da saúde.

De acordo com Professor Paixão, ex-candidato à  presidência da APP-Sindicato, a manifestação da quarta deverá ter como horizonte a reinstalação da última greve suspensa em abril deste ano.

Nós precisamos reinstalar a greve no Paraná porque o governo Beto Richa está nos tirando direitos e ampliando os calotes. Em fevereiro teremos uma assembleia geral, onde vamos defender greve por tempo indeterminado a partir de março de 2015!³, adianta Paixão.

Agora na oposição da APP, Professor Paixão disse esperar que a entidade representativa dos professores, pedagogos e funcionários de escola não retorne à  “política do cafezinho” com o governo Richa. “A luta sempre é o melhor caminho para avançarmos nas conquistas da educação”, ensina.

A APP-Sindicato elegeu em setembro último o professor Hermes Leão para o triênio 2014-2016. A disputa foi apertadíssima, definida no foto sharp.

Assista ao vídeo:

Compartilhe agora!

Comments are closed.