Por Esmael Morais

Ministro da Fazenda rebate Marta: “Não faltou dinheiro”

Publicado em 12/11/2014

Longe do Planalto, Marta já articula brigar pela prefeitura de São Paulo, em 2016. Segundo a colunista Mônica Bergamo, ela estaria disposta até a disputar prévia no partido contra o atual prefeito petista, Fernando Haddad. Outra aposta em relação à  ex-ministra é a de que, se não tiver espaço no PT até o fim de seu mandato como senadora, em 2018, ela pode até deixar a legenda.