Fruet adia reforma no secretariado

fruet_camara_diorio.jpgO prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), pisou o freio e só vai mexer no secretariado em janeiro de 2015. Ele vai esperar o desfecho da disputa pela presidência da Câmara de Vereadores.

Até agora, três pré-candidatos se apresentam para a eleição de 16 de dezembro: Pedro Paulo (PT), Pastor Valdemir Soares (PRB) e Ailton Araújo (PSC).

A Prefeitura teme uma nova crise política no legislativo municipal (clique aqui).

Salvo modificações pontuais, como a que alçou o arquiteto João Carlos Diório para a Superintendência da Secretaria Municipal de Governo, os integrantes do primeiro e segundo escalões não morrerão como perus na véspera de Natal.

Fruet tem em mente uma “reforma agrária” no secretariado. Pretende buscar partidos que estão fora do governo, como PMDB e PCdoB, para o primeiro escalão. Também ampliará a participação do PT na gestão, pelos motivos já anotados aqui no Blog do Esmael (clique aqui).

Comentários encerrados.