Requião Filho impõe derrota ao governo Richa antes mesmo de assumir cadeira na ALEP

Publicado em 24 outubro, 2014
Compartilhe agora!

richa_requiaofilho.jpgO governo de Beto Richa (PSDB), por meio da Secretaria de Estado da Educação (SEED), pode ter iniciado processo de recuo ao projeto de visava prorrogar os mandatos dos atuais 2,1 mil diretores das escolas da rede pública do Paraná. A avaliação é do deputado estadual eleito Requião Filho (PMDB) que ontem (23), em sua coluna no Blog do Esmael, “enquadrou” o Palácio Iguaçu e Assembleia Legislativa (ALEP) antes mesmo de assumir sua cadeira a partir de 1!º de fevereiro de 2015. Pelo Twitter, hoje ele comemorou:

Na tuitada, o peemedebista considera a prorrogação do prazo de inscrições dos candidatos à s eleições de diretores das escolas estaduais do Paraná, de hoje (24) para a próxima quarta-feira (29), como um recuo! do governo Richa.

Requião Filho anotou ontem neste espaço que os futuros colegas deputados não estavam muito dispostos a discutir, pois era ordem do governador [Beto Richa] acatar o adiamento das eleições nas escolas. Peço aos futuros colegas que não acatem esta decisão de cima para baixo a toque de caixa!, escreveu o filho do senador Roberto Requião (PMDB), em tom de enquadramento! (clique aqui).

Richa pretende encaminhar na semana que vem uma mensagem à  Assembleia Legislativa prorrogando a eleição de diretor de escola para novembro de 2015. A comunidade escolar paranaense se dividiu sobre o tema, conforme registrou o Blog do Esmael.

O líder do governo no parlamento, deputado Ademar Traiano (PSDB), confirmou a intenção do Palácio Iguaçu em adiar o processo eleitoral nos estabelecimento de ensino (clique aqui). A prorrogação dos atuais mandatos dos diretores foi acenada pelo governador do PSDB em junho passado, conforme cravou o Blog do Esmael (clique aqui).

Compartilhe agora!

Comments are closed.