Coluna do Mac Donad: Morte súbita

Publicado em 24 outubro, 2014
Compartilhe agora!

Ricardo Mac Donald, em sua coluna desta sexta-feira, conta causos dos anos 70 e fala da expectativa dos brasileiros com a apuração dos votos em um país de dimensão continental; "Como todos temos que esperar o Acre, que tem três horas a mais de fuso horário, apenas após as 20 horas o TSE poderá anunciar o resultado", observa o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet; colunista comparação a eleição deste domingo a um clássico de futebol; e lembra que hoje à  noite tem debate entre Dilma e Aécio na TV Globo; leia o texto e compartilhe.
Ricardo Mac Donald, em sua coluna desta sexta-feira, conta causos dos anos 70 e fala da expectativa dos brasileiros com a apuração dos votos em um país de dimensão continental; “Como todos temos que esperar o Acre, que tem três horas a mais de fuso horário, apenas após as 20 horas o TSE poderá anunciar o resultado”, observa o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet; colunista comparação a eleição deste domingo a um clássico de futebol; e lembra que hoje à  noite tem debate entre Dilma e Aécio na TV Globo; leia o texto e compartilhe.
Ricardo Mac Donad*

Na década de 70, o popular Marreco, antigo funcionário do TRE, se divertia com várias pessoas que, ao regularizar a sua situação eleitoral, eram encaminhadas para receber isenção, e logo replicavam: Meu senhor, eu não tomo injeção!!.

Domingo é dia de pegar o tito! (outra corruptela popular) e ir votar no 2!º turno da eleição presidencial, a mais disputada desde a retomada da democracia. Outro fenômeno ocorrerá, trata-se da morte súbita, graças ao longínquo Estado do Acre e o malsinado horário de verão.

Funciona assim: no Paraná e na maioria dos estados, as eleições acabam à s 17 horas; e com a rapidez com que a Justiça Eleitoral está atuando, num par de horas teríamos o resultado final. Como todos temos que esperar o Acre, que tem três horas a mais de fuso horário, apenas após as 20 horas o TSE poderá anunciar o resultado.

Nessa hora, em que praticamente todos os demais estados estarão totalizados, haverá uma explosão de alegria, de um lado, tristeza e lágrimas, de outro.

Como o Brasil está dividido exatamente ao meio, e somos o País do futebol, o clima no domingo será de Fla x Flu, Palmeiras x Corinthians, Coritiba x Atlético, etc.

Então, termino a coluna com frase de um conhecido comentarista: Haja coração!

E olho no debate de hoje à  noite.

*Ricardo Mac Donald Ghisi é advogado, secretário Municipal de Governo de Curitiba. Escreve à s sextas no Blog do Esmael.

Compartilhe agora!

Comments are closed.