Por Esmael Morais

Richa afirma ser contra o PT e anuncia voto em Marina em eventual 2!º turno; assista ao vídeo

Publicado em 15/09/2014

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), candidato à  reeleição, em entrevista no início da tarde desta segunda-feira (15) na RPC TV, emissora afiliada à  Globo, afirmou que em eventual segundo turno entre Dilma Rousseff e Marina Silva vai optar pela candidata do PSB. “Eu sou contra o PT”, disse, ao descartar a reeleição da petista.

Richa é movido pelo ódio contra o PT e Dilma, pois é bom lembrar que Marina garantiu que não honraria compromissos de Eduardo Campos de subir em palanques do PSDB no Paraná e São Paulo.

O tucano rebateu as críticas sobre a falta de combustível nas viaturas da Polícia Militar. Segundo ele, é algo pequeno!, muito pequeno!, e atribuiu a crise à  armação petista. Richa também apontou “orquestração” nas 21 rebeliões nas penitenciárias do estado, mas não quis declinar o nome dos responsáveis. “Estamos investigando”, tergiversou.

Acerca da queda do Paraná no Ideb (àndice de Desenvolvimento da Educação Brasileira), de terceiro para 8!º lugar no país, o candidato do PSDB disse que em todo o país! houve queda na qualidade da educação.

Amanhã, terça 16, será a vez da senadora Gleisi Hoffmann (PT) ser entrevistada pela RPC TV. Na quarta, 17, está prevista a sabatina com o senador Roberto Requião (PMDB) responder à s perguntas do jornalista Sandro Dalpícolo.