Professores corrigem: Ensino Médio do Paraná caiu da primeira para a 11!ª posição no ranking do Ideb

Queda na nota do Ensino Médio do Paraná no àndice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2013 foi maior do que inicialmente divulgado pela mídia; segundo Professor Marlus, do Eureka, em análise especial para o Blog do Esmael, em apenas cinco anos, a gestão dos tucanos Beto Richa e Flávio Arns derrubou o estado da primeira para a 11!ª posição no ranking nacional; Professor Paixão, que concorre à  direção da APP-Sindicato, afirmou que a queda no Ideb prova que a educação precisa mais investimentos e de menos discurso do governo!; abaixo, confira a tabela corrigida pela Nota Média Padronizada do Ensino Médio! do Ministério da Educação (MEC).

Queda na nota do Ensino Médio do Paraná no àndice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2013 foi maior do que inicialmente divulgado pela mídia; segundo Professor Marlus, do Eureka, em análise especial para o Blog do Esmael, em apenas cinco anos, a gestão dos tucanos Beto Richa e Flávio Arns derrubou o estado da primeira para a 11!ª posição no ranking nacional; Professor Paixão, que concorre à  direção da APP-Sindicato, afirmou que a queda no Ideb prova que a educação precisa mais investimentos e de menos discurso do governo!; abaixo, confira a tabela corrigida pela Nota Média Padronizada do Ensino Médio! do Ministério da Educação (MEC).

O professor universitário Marlus Geronasso, em análise especial para o Blog do Esmael, contesta a informação divulgada pela velha mídia segunda qual “houve queda na nota do Ensino Médio para a oitava posição” no àndice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2013.

“Surpreendentemente”, o mestre afirma que o correto seria afirmar que o Ideb do Ensino Médio paranaense despencou da primeira para a 11!ª posição no ranking nacional em apenas cinco anos.

“O estado apresentou um retrocesso de 0,27, em relação à  Nota Média Padronizada do Ensino Médio, segundo o INEP, o que coloca o Paraná entre as piores Unidades da Federação”, assegura Professor Marlus, que comandava na TV Paraná Educativa o programa Eureka destinado a estudantes.

Em 2011, o governo de Beto Richa e Flávio Arns, vice e secretário da Educação, conseguiu derrubar a nota no Ideb para 3,7. Em 2013, segundo divulgou na semana passada o Ministério da Educação (MEC), a nota caiu novamente para 3,4 deixando o Paraná na vergonhosa 11!ª posição entre os estados.

Em 2009, no governo Roberto Requião (PMDB), o Paraná ocupava a 1!ª posição no Ideb com nota 4,2.

A queda no Ideb prova que a educação precisa mais investimentos e de menos discurso do governo!, criticou ontem no Blog do Esmael Professor Paixão, que disputa a presidência da APP-Sindicato.

Abaixo, confira a tabela corrigida pelo Professor Marlus:

http://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2014/09/tabela_Ideb_Marlus.pdf

Comentários encerrados.