Faltam 48 horas para a prometida “bala de prata” de Requião

Publicado em 27 setembro, 2014
Compartilhe agora!

Na ofensiva política, Roberto Requião promete para daqui a 48 horas a tal "bala de prata" contra o governador Beto Richa; Haverá desagregação familiar, choro e desespero. Por isso eu sugiro que tirem os menores de 18 anos da sala!, recomendou o candidato peemedebista; a revelação dar-se-á na segunda-feira, dia 29, à s 20h30, durante a propaganda partidária na TV; nunca antes na história do Paraná esperou-se tanto pelo início horário eleitoral gratuito.
Na ofensiva política, Roberto Requião promete para daqui a 48 horas a tal “bala de prata” contra o governador Beto Richa; Haverá desagregação familiar, choro e desespero. Por isso eu sugiro que tirem os menores de 18 anos da sala!, recomendou o candidato peemedebista; a revelação dar-se-á na segunda-feira, dia 29, à s 20h30, durante a propaganda partidária na TV; nunca antes na história do Paraná esperou-se tanto pelo início horário eleitoral gratuito.
Ao longo desta semana o senador Roberto Requião (PMDB), candidato ao Palácio Iguaçu, prometeu uma “bala de prata” para a próxima segunda-feira, dia 29, à  noite, no horário eleitoral gratuito. Segundo o peemedebista, a revelação que fará tem potencial de tirar o governador Beto Richa (PSDB) da corrida eleitoral.

Pois bem, está chegando a hora de a onça beber água. Faltam apenas 48 horas para que o Paraná tome conhecimento da “bomba” ou “bala de prata” de Requião. O Palácio Iguaçu acredita em “peido de véia”, mas o candidato do PMDB reafirma o poder de explosão do artefato: “mais nefasto que o de Hiroshima e Nagasaki”.

Fato é que à s 20h30 de segunda-feira, no horário eleitoral, os paranaenses vão grudar em frente da televisão à  espera da revelação bombástica do peemedebista. Tem grupos de amigos marcando sair mais cedo do trabalho para assistir juntos, em bares e lanchonetes, à  propaganda política. Famílias inteiras também correram aos supermercados para reforçar o estoque de pipoca e guaraná para o atípico “evento” no começo da semana.

Será que a “bala de prata” de Requião vai explodir com efeito uma “bomba” ou “peido de véia”? Como nunca antes na história do Paraná, espera-se a contagem regressiva para o horário eleitoral gratuito.

Haverá desagregação familiar, choro e desespero. Por isso eu sugiro que tirem os menores de 18 anos da sala!, recomendou o candidato peemedebista.

Compartilhe agora!

Comments are closed.