Por Esmael Morais

Educadores denunciam mais um jantar “grátis” da campanha de Beto Richa

Publicado em 22/09/2014

Professores e funcionários da Secretaria de Estado da Educação (SEED) denunciam que estão sendo

Professores e funcionários da Secretaria de Estado da Educação (SEED) denunciam que estão sendo “convocados” para um jantar de campanha do governador-candidato Beto Richa (PSDB), hoje à  noite, no Hotel Hara, na Praça Ouvidor Pardinho, em Curitiba. Os organizadores dizem que é por adesão, mas fontes na SEED garantem que tudo será grátis!, o que é ilegal pela lei eleitoral vigente. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) promete mais uma blitz no local esta noite, a exemplo do que fez na última quarta-feira (17) durante jantar no Buffet Ilha do Mel.

Professores e funcionários da Secretaria de Estado da Educação (SEED) denunciam que estão sendo ‘convocados’ para participar de um jantar nesta segunda-feira (22), à s 19 horas, no Hotel Hara, Praça Ouvidor Pardinho, em Curitiba, pela reeleição do governador Beto Richa (PSDB).

Os organizadores afirmam que o jantar será pago, por adesão, mas as fontes de dentro da SEED garantem que é só para não parecer ilegal. No fim, o jantar seria! grátis mesmo, contrariando a legislação eleitoral, como já aconteceu há alguns dias no Buffet Ilha do Mel.

Fiscais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), alertados, prometem nova blitz hoje à  noite com o intuito de pegar mais essa no pulo. Será que conseguem? A conferir.