1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
15 Comentários

Murilo Hidalgo na à‰poca: “Marina é Lula, em quem nada colava?”

Felipe Patury, na à‰poca

Murilo Hidalgo, presidente da Paraná Pesquisa, à  revista à‰poca, disse nesta segunda-feira (1!º) que Marina Silva passará por uma prova de fogo na semana que vem; ele traçou dois cenários possíveis para a candidata do PSB: 1- bateu no teto e começa cair a partir do Datafolha e 2- continua a trajetória de alta ou mantém o resultado da última pesquisa do Ibope.

Murilo Hidalgo, presidente da Paraná Pesquisa, à  revista à‰poca, disse nesta segunda-feira (1!º) que Marina Silva passará por uma prova de fogo na semana que vem; ele traçou dois cenários possíveis para a candidata do PSB: 1- bateu no teto e começa cair a partir do Datafolha e 2- continua a trajetória de alta ou mantém o resultado da última pesquisa do Ibope.

A pergunta expressa no título desta notícia espelha o momento atual da eleição, diz Murilo Hidalgo, diretor do instituto Paraná Pesquisas. E ela será respondida em consequência do debate dos presidenciáveis de hoje.  ... 

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
24 Comentários

Em debate polarizado entre Dilma e Marina, Fidelix rouba cena ao dizer que mídia é vendida

Como já era esperado, o debate foi polarizado pela presidenta Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB). O candidato tucano ficou em terceiro plano, refletindo as pesquisas de opinião. "Uma lista de promessas genéricas não é suficiente", disse presidente à  candidata do PSB. Acusado de ser "laranja" de Aécio Neves (PSDB), contra o PT, o candidato Levy Fidelix partiu para o ataque no debate encerrado nesta noite pelo SBT. A pergunta de Kenedy Alencar, da Folha, gerou revolta no candidato do PRTB, que acusou o jornal de ser "vendido".

Como já era esperado, o debate foi polarizado pela presidenta Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB). O candidato tucano ficou em terceiro plano, refletindo as pesquisas de opinião. “Uma lista de promessas genéricas não é suficiente”, disse presidente à  candidata do PSB. Acusado de ser “laranja” de Aécio Neves (PSDB), contra o PT, o candidato Levy Fidelix partiu para o ataque no debate encerrado nesta noite pelo SBT. A pergunta de Kenedy Alencar, da Folha, gerou revolta no candidato do PRTB, que acusou o jornal de ser “vendido”.

Acusado de ser “laranja” de Aécio Neves (PSDB), contra o PT, o candidato Levy Fidelix partiu para o ataque no debate encerrado nesta noite pelo SBT. A pergunta de Kenedy Alencar, da Folha, gerou revolta no candidato do PRTB, que acusou o jornal de ser “vendido”. ... 

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
34 Comentários

Requião faz “talk show” na internet para bombardear horário eleitoral

DA FOLHA DE S. PAULO
ESTELITA HASS CARAZZAI, DE CURITIBACandidato ao governo do Paraná, o senador Roberto Requião (PMDB) tem estrelado na internet, logo após o horário eleitoral, um programa de comentários! da propaganda oficial.

Toda segunda, quarta e sexta-feira, logo após o horário eleitoral dos candidatos ao governo, Requião liga uma câmera em sua casa e comenta os programas do dia, criticando, com o humor cáustico habitual, seus principais rivais: Beto Richa (PSDB) e Gleisi Hoffmann (PT).

à€s vezes, chama políticos convidados, que sentam ao seu lado e também fazem comentários. Convoca os internautas a enviarem perguntas pela internet, que lê e responde ao vivo.

O programa eleitoral de Gleisi, diz ele, parece produção de Hollywood!, e Richa está plastificado! e é só musiquinha para lá e para cá!.

O tucano, candidato à  reeleição e que disputa a liderança com Requião nas pesquisas, é seu principal alvo. O menino moreno!, como diz o senador, é acusado de gastar dinheiro demais em propaganda e só falar com teleprompter e cromaqui [chroma key]!.

Mas que está bonito o programa do Beto, está. Eu não tenho esse dinheiro todo para fazer um programa maravilhoso, mas estou aqui!, diz Requião, ex-governador por três mandatos.

O momento de maior repercussão entre os internautas até agora foi quando o peemedebista fez as vezes de Silvio Santos: prometeu enviar uma barra de ouro (cenográfica, na verdade) a quem apresentasse um projeto do atual governador que tivesse dado certo.

Manda o endereço que eu envio. Mas tem que ser um programa que exista de verdade!, disse, chacoalhando a barrinha de mentira.

“ESCOLINHA DO REQUIàƒO PARTE 2!²

O senador costuma dizer que é o marqueteiro de si mesmo, e que não faz propaganda política para ganhar o leão em Cannes, mas para debater propostas para o Paraná!.

Mesmo seu programa eleitoral é simples. Na maior parte do tempo (são quase três minutos), quem aparece é ele, de frente para a câmera, em fundo branco, criticando o governo de Richa e apresentando propostas.

No entanto, especialistas apontam que seu comportamento rústico e sua televisão caseira! podem ser uma forma de reforçar a imagem de político avesso ao marketing e, por isso mesmo, autêntico, que fala a verdade.

No meio das transmissões pela internet, por exemplo, Requião já pediu para o câmera melhorar o enquadramento (à” câmera, você está me cortando a cabeça aqui!) e atendeu telefone celular.

Meu telefone batendo aqui no bolso e a assessoria desesperada, como se isso fosse um crime. Vou tirar a campainha dele!, disse.

à‰ uma estratégia, claro. O marketing dele é justamente isso, é falar que não tem!, comenta o especialista em marketing eleitoral Achiles Ferreira Junior, professor do Centro Universitário Uninter.

As críticas incisivas a Richa e Gleisi também são características do estilo de Requião, que tem um gosto pelo confronto.

Ele não trabalha com mediação, trabalha com conflito!, diz Marcos José Zablonsky, professor da PUC-PR e especialista em opinião pública.

Os professores apontam que muito da rusticidade de Requião é autêntica. Estrategicamente, porém, ele amplifica essas características usando instrumentos como a televisão caseira! e o discurso de desapego ao marketing.

à‰ algo, aliás, que ele já fazia como governador, lembra Zablonsky. No seu último Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
Comentários desativados em Luiz Fernando Pereira faz palestra sobre ‘riscos jurídicos’ para empreendedores

Luiz Fernando Pereira faz palestra sobre ‘riscos jurídicos’ para empreendedores

Luiz Fernando Pereira, advogado e consultor jurídico, fará uma palestra sobre riscos jurídicos e orientações dos tribunais na Câmara de Comércio Americana (Amcham-Curitiba), na quarta-feira, 03 de setembro.  A palestra será parte do evento Empreendedorismo no Brasil! da Amcham.

Luiz Fernando Pereira, advogado e consultor jurídico, fará uma palestra sobre riscos jurídicos e orientações dos tribunais na Câmara de Comércio Americana (Amcham-Curitiba), na quarta-feira, 03 de setembro. A palestra será parte do evento Empreendedorismo no Brasil! da Amcham.

O advogado e consultor nas áreas de Direito Público e Privado, Luiz Fernando Pereira, ministra a palestra Mapeando Riscos Jurídicos e Decifrando a Orientação dos Tribunais! nesta quarta-feira, 3 de setembro, à s 9h40, na Câmara de Comércio Americana (Amcham-Curitiba). ... 

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
22 Comentários

Virou rotina: Richa perde mais uma na Justiça Eleitoral

Já virou rotina. O! governador-candidato Beto Richa (PSDB), sua vice Cida Borguetti (PROS) e sua equipe de advogados perderam mais uma na Justiça Eleitoral ao tentar censurar um jingle da candidata Gleisi Hoffmann(PT), em que são questionadas as promessas não cumpridas por Richa que mesmo assim tenta a reeleição.

Os advogados de Richa sustentaram que o jingle seria ofensivo à  sua honra na medida em que lhe imputa a pecha de mentiroso e enganador, o que lhe atingiria e a honra, a dignidade e a credibilidade, lhe prejudicando na disputa. Confira o trecho citado na ação:

Para o Governador que prometeu quase tudo na última eleição e não cumpriu quase nada, e agora promete tudo de novo, cante essa canção:! à‰ papo furado, é conversa mole pra boi dormir. Quer me enrolar, quer me enganar e me engrupir.

Mas o Juiz Auxiliar Leonardo Castanho Mendes não acolheu a tese de Richa e justifica em seu despacho: !Não constatei que a mesma tenha o condão de ofender ou denegrir a imagem do candidato representante. Ela trata de críticas à  sua atuação política, ao cumprimento – ou a ausência de cumprimento – de suas promessas de campanha.! Anotou o Juiz.

Confira a íntegra da decisão:

http://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2014/09/Decisão-Monocrática.pdf

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
2 Comentários

‘Distraídos venceremos’, calculava a campanha de Gleisi Hoffmann

Campanha de Gleisi Hoffmann, ao governo do Paraná, poderá ser influenciada pela subida de Marina Silva nas pesquisas; explica-se: PT necessitará negociar mais com aliados (leia-se Requião) visando o segundo turno de Dilma; antes do Datafolha, porém, petistas adotavam o lema "distraídos venceremos" -- o mesmo que levou Gustavo Fruet (PDT) para o segundo turno em Curitiba, na eleição de 2012.

Campanha de Gleisi Hoffmann, ao governo do Paraná, poderá ser influenciada pela subida de Marina Silva nas pesquisas; explica-se: PT necessitará negociar mais com aliados (leia-se Requião) visando o segundo turno de Dilma; antes do Datafolha, porém, petistas adotavam o lema “distraídos venceremos” — o mesmo que levou Gustavo Fruet (PDT) para o segundo turno em Curitiba, na eleição de 2012.

A campanha da senadora Gleisi Hoffmann (PT) ao Palácio Iguaçu, antes da pesquisa Datafolha, que colocou Marina Silva (PSB) em condição de igualdade com a presidenta Dilma Rousseff (PT), dizia que levava a sério aquela máxima extraída do título de livro do poeta curitibano Paulo Leminski: ‘Distraídos venceremos’. ... 

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
23 Comentários

Richa, se ficar brabo apelido pega feito carrapato #FicaAdica

Beto Richa é autor de representação mais ridícula que o Tribunal Regional do Paraná já recebeu em sua história; Folha de S. Paulo registrou, nesta segunda-feira, a história da alcunha "Kinder Ovo" dada semana passada ao tucano pela petista Gleisi Hofffmann no debate da Band Curitiba; se ficar brabo apelido pega feito carrapato, diz o ditado popular.

Beto Richa é autor de representação mais ridícula que o Tribunal Regional do Paraná já recebeu em sua história; Folha de S. Paulo registrou, nesta segunda-feira, a história da alcunha “Kinder Ovo” dada semana passada ao tucano pela petista Gleisi Hofffmann no debate da Band Curitiba; se ficar brabo apelido pega feito carrapato, diz o ditado popular.

Diz ditado o popular que apelido pega feito carrapato, se ficar brabo com a alcunha. Pois bem, o governador Beto Richa (PSDB) entrou na Justiça — e perdeu — contra a senadora Gleisi Hoffmann (PT) que o chamou de “Kinder Ovo” no debate da Band Curitiba, no último dia 28. Até o jornal Folha de S. Paulo achou graça, divulgando nacionalmente na coluna Painel: ... 

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
15 Comentários

Requião: ‘Por que a Dilma desapareceu da propaganda de Gleisi?’

O senador Roberto Requião (PMDB), candidato ao Palácio Iguaçu, pelo Twitter, estranha a ausência da presidenta Dilma Rousseff (PT) nos cartazes da senadora Gleisi Hoffmann (PT) que também concorre ao governo do Paraná: ... 

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
1 Comentário

Hoje tem novo debate com presidenciáveis à s 17h45; acompanhe

O Blog do Esmael entrará em rede na tarde desta segunda-feira (1!º), à s 17h45, na transmissão ao vivo do segundo debate com os candidatos à  Presidência da República.

Será o primeiro confronto após pesquisa Datafolha apontar empate entre Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB), com 34%. Aécio Neves (PSDB) aparece com 15%, em terceiro lugar.

Além dos três principais oponentes na disputa presidencial, participarão os candidatos Pastor Everaldo (PSC), Eduardo Jorge (PV), Luciana Genro (PSOL) e Levy Fidelix (PRTB).

O debate será nos estúdios em Osasco, São Paulo. A transmissão será feita na internet por Folha de S. Paulo e UOL, na televisão pelo SBT e no rádio, pela Jovem Pan.

Leia mais

1 de setembro de 2014
por Esmael Morais
24 Comentários

Marcelo Araújo: Assassinaram um agente de trânsito. Culpa de quem?

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, lamenta a morte do agente de trânsito Reinaldo Lopes, de 50 anos, executado na última sexta-feira (29) com quatro tiros no bairro CIC; "O prefeito Gustavo Fruet esteve com os agentes demonstrando sua solidariedade e lamentar o ocorrido. Justo, mas insuficiente. Já falei anteriormente, esse é o papel de soldado, não de comandante", critica o colunista, que reivindica concurso na Secretaria de Trânsito e o emprego de membros da Guarda Municipal para atuarem como agentes de trânsito; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, lamenta a morte do agente de trânsito Reinaldo Lopes, de 50 anos, executado na última sexta-feira (29) com quatro tiros no bairro CIC; “O prefeito Gustavo Fruet esteve com os agentes demonstrando sua solidariedade e lamentar o ocorrido. Justo, mas insuficiente. Já falei anteriormente, esse é o papel de soldado, não de comandante”, critica o colunista, que reivindica concurso na Secretaria de Trânsito e o emprego de membros da Guarda Municipal para atuarem como agentes de trânsito; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo* ... 

Leia mais