requiao_445_richa.jpg

| Comente agora

Enquanto o governador Beto Richa atribuiu ao antecessor a paralisação de obras no Paraná, Requião pede providências ao Ministério Público acerca da ausência do prévio empenho e a reserva no orçamento, como prevê a lei, na ordem de serviço de R$ 100 milhões autorizada pelo tucano sem possuir rubrica; “Não tem empenho, portanto, não tem como pagar. A obra começou sem rubrica. Isso é crime e dá cadeia”, disse; abaixo, leia a íntegra da representação do senador do PMDB.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.