Por Esmael Morais

PT anuncia abertura de CPI para investigar propina no metrô de SP

Publicado em 06/08/2014

A investigação será conduzida por 13 senadores e 14 deputados. A maioria faz parte do bloco de apoio ao governo federal. O pedido para a criação da comissão foi apresentado no mês de maio. O prazo previsto para as averiguações é de 120 dias.

O nosso desafio será o de dar quorum para a reunião marcada para as 15h. Se isso ocorrer, se houver quorum, será uma vitória política. O presidente Renan não vinha se empenhando. Não é revanche!, garante o líder do PT no Senado, Humberto Costa.

Pelo rodízio, o relator da CPI do Metrô será o deputado Renato Simões (PT-SP). O presidente será um senador do PMDB.