adir_gaeco_richa.jpg

| Comente agora

Governador Beto Richa perdeu nesta quarta-feira (6) importante coordenador de campanha à reeleição na região da Associação dos Municípios do Norte do Paraná (Amunop); prefeito tucano de São Jerônimo da Serra, Adir dos Santos Leite, foi preso pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) sob a acusação de formação de quadrilha, peculato, corrupção passiva e ativa, lavagem de dinheiro, fraude a licitação e organização criminosa. O Ministério Público também faz operação nos municípios de Santa Cecília do Pavão, Maringá, São Sebastião da Amoreira, Fazenda Rio Grande, Pinhalão, Nova Santa Bárbara e Mandirituba.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.