Malucelli, suplente de àlvaro, pula a cerca para apoiar o genro João Arruda

 Deputado João Arruda reúne "gregos e baianos", nesta sexta-feira (1!º), em lançamento de sua candidatura à  reeleição, à s 13 horas, no Clube da Urca, durante seminário sobre as eleições; bilionário aposentado Joel Malucelli, sogro do moço, que cisca para os lados do Palácio Iguaçu, vai dividir palanque hoje com o senador Roberto Requião e com o também bilionário Marcelo Almeida, que concorre ao Senado; em suma, primeiro sobrinho une hoje, ao vivo e a cores, o poder político ao poder econômico.


Deputado João Arruda reúne “gregos e baianos”, nesta sexta-feira (1!º), em lançamento de sua candidatura à  reeleição, à s 13 horas, no Clube da Urca, durante seminário sobre as eleições; bilionário aposentado Joel Malucelli, sogro do moço, que cisca para os lados do Palácio Iguaçu, vai dividir palanque hoje com o senador Roberto Requião e com o também bilionário Marcelo Almeida, que concorre ao Senado; em suma, primeiro sobrinho une hoje, ao vivo e a cores, o poder político ao poder econômico.

O bilionário aposentado Joel Malucelli (PSD), candidato ao cargo de primeiro suplente na chapa do senador àlvaro Dias (PSDB), nesta sexta-feira (1!º), vai pular a cerca para declarar apoio à  reeleição de seu genro, o deputado federal João Arruda (PMDB), sobrinho predileto do senador Roberto Requião (PMDB), que concorre ao governo do Paraná.

Arruda lança sua candidatura hoje durante um seminário à s 13 horas no Clube Urca, Rua Albano Reis, 170, Bairro Ahú, em Curitiba.

O parlamentar pretende adestrar correligionários do interior acerca das eleições de outubro em temas vão de condutas vetadas na propaganda eleitoral a importância das redes sociais na disputa do voto.

Entretanto, a proeza principal de João Arruda será de colocar no mesmo palanque Requião, Marcelo Almeida (que concorre ao Senado) e o sogrão bilionário, que cisca para os lados dos tucanos àlvaro Dias e do governador Beto Richa, que tenta a reeleição.

Resumo da ópera: o primeiro sobrinho une hoje, ao vivo e a cores, o poder político ao poder econômico.

Comentários encerrados.