25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
61 Comentários

O que explica a diferença gritante entre Datafolha e Ibope?

O diabo é que a diferença é gritante em relação ao Datafolha divulgado há dez dias, também a soldo da RPC/Folha de S. Paulo (Datafolha não possui contrato com o governo Richa). Segundo esse instituto, Richa tem 39% e Requião 33%, o que se configura em empate técnico dentro da margem de erro. Gleisi aparece com 11%. De acordo com o iBeto, Beto Richa (PSDB) tem 43% das intenções de voto na corrida pelo Palácio Iguaçu, seguido de Requião (PMDB), com 26%, Gleisi Hoffmann (PT), com 14%, e Tulio Bandeira (PTC), com 1%.

O diabo é que a diferença é gritante em relação ao Datafolha divulgado há dez dias, também a soldo da RPC/Folha de S. Paulo (Datafolha não possui contrato com o governo Richa). Segundo esse instituto, Richa tem 39% e Requião 33%, o que se configura em empate técnico dentro da margem de erro. Gleisi aparece com 11%. De acordo com o iBeto, Beto Richa (PSDB) tem 43% das intenções de voto na corrida pelo Palácio Iguaçu, seguido de Requião (PMDB), com 26%, Gleisi Hoffmann (PT), com 14%, e Tulio Bandeira (PTC), com 1%.

Até as capivaras do tradicional Parque Barigui, em Curitiba, ficaram com a pulga atrás da orelha depois dessa pesquisa divulgado esta noite pelo Ibope/RPC. O instituto, também conhecido nos bastidores da política como “iBeto”, possui contrato milionário com o governo do Paraná. ... 

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
113 Comentários

Ibope: Richa tem 43%, Requião, 26%, e Gleisi, 14%; quem acredita?

do G1 Paraná
Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (25) aponta Beto Richa (PSDB) com 43% das intenções de voto para o governo do Paraná, seguido de Requião (PMDB), com 26%, Gleisi Hoffmann (PT), com 14%, e Tulio Bandeira (PTC), com 1%. Esta é primeira pesquisa de intenção de voto feita pelo instituto sobre a eleição estadual após o registro das candidaturas.

A pesquisa foi encomendada pela RPC TV.

Os candidatos Bernardo Pilotto (PSOL), Geonisio Marinho (PRTB), Ogier Buchi (PRP) e Rodrigo Tomazini (PSTU) somaram, juntos, 1%. Brancos e nulos somaram 8%, e 7% não responderam.

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):

Beto Richa (PSDB) !“ 43% das intenções de voto
Requião (PMDB) !“ 26%
Gleisi Hoffmann (PT) !“14%
Tulio Bandeira (PTC) !“ 1%
Outros com menos de 1% – 1%
Brancos e nulos – 8%
Não sabe ou não respondeu – 7%

Rejeição

O Ibope também pesquisou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Confira abaixo:

– Requião: 30%
– Beto Richa: 20%
– Gleisi Hoffmann: 20%
– Tulio Bandeira: 8%
– Bernardo Pilotto: 7%
– Geonisio Marinho: 6%
– Ogier Buchi: 6%
– Rodrigo Tomazini: 6%
– Poderia votar em todos: 10%
– Não sabe ou não respondeu: 18%

A pesquisa foi realizada entre os dias 21 e 23 de agosto. Foram entrevistados 1.008 eleitores em 59 municípios do estado. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de três pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.
A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) sob o número 00411/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR- 00411/2014.

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
12 Comentários

Beto Richa, já multado em R$ 500 mil, perde em mais uma tentativa de censura ao Blog do Esmael

O governador Beto Richa (PSDB), candidato à  reeleição, vai se desmoralizando perante o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE) ao banalizar as representações contra o Blog do Esmael. Nesta segunda-feira (25), o juiz Leonardo Castanho Mendes negou multa e censura à  interpretação dos números do Datafolha (Por que o Datafolha não divulgou simulação do 2!º Turno? Por quê?).

No início da tarde de hoje, outro pedido de censura, formulado por Richa contra o Blog do Esmael e o colunista Enio Verri, também havia batido na trave (clique aqui).

Desorientado juridicamente, Richa já foi multado em mais de meio milhão nesta eleição. Para ser mais exato, o tucano deve à  Justiça R$ 587.636,80 em condenações (o valor é de até sexta, 22 de agosto). Se fossem infrações de trânsito, o governador fatalmente teria perdido CNH quatro vezes pelo tanto de multas que fez nesta eleição (clique aqui).

O magistrado também aproveitou para puxar a orelha de Richa:

“… em nenhum momento o representado divulgado resultado de pesquisa desprovida de registro. Isso se extrai da leitura integral da postagem impugnada – que não pode ser lida aos trechos, de forma isolada e descontextualizada como propõem os representantes -, onde está expresso que a pesquisa divulgada não aferiu intenções de voto no segundo turno.”

Enfim, o juiz Leonardo Castanho Mendes afirma que o Blog do Esmael não cometeu irregularidade alguma e não publicou pesquisa sem registro. Apenas exerceu a liberdade de expressão, prevista na Constituição Federal, que tanto incomoda Richa.

A seguir, leia a íntegra da decisão judicial:

REPRESENTAà‡àƒO n!º 2437-73.2014.6.16.0000

Representante : Carlos Alberto Richa

Representante : Coligação “Todos pelo Paraná”

Advogados : Cristiano Hotz e outros

Representado : Esmael Alves de Morais

Advogado : Clélio Toffoli Júnior

RELATà“RIO

Trata-se de representação eleitoral formulada por Carlos Alberto Richa e Coligação “Todos Pelo Paraná” em face de Esmael Alves de Morais, visando à  apuração de veiculação de resultado de pesquisa sem registro, em suposta violação ao artigo 33 da Lei n.!º 9.504/97.

Sustenta o representante que o representado em seu blog, aos 17 de agosto de 2014, publicou texto intitulado !¿Por que o Datafolha não divulgou simulação do 2!º Turno? Por quê?” , em que, após informar que a pesquisa Datafolha, registrada neste Tribunal sob o número PR_00014/2014, não inquiriu os entrevistados acerca da intenção de votos no eventual segundo turno das eleições majoritárias no Estado, interpretou os resultados divulgados pela pesquisa quanto ao primeiro turno, fazendo projeções do segundo turno.

Afirma que, ao fazer essas projeções, o representado divulgou pesquisa sem registro, o que é vedado pela Lei 9.504/97, em seu art. 33, !§ 3!º, razão pela qual requereu liminar para exclusão da matéria do blog e a condenação do representado à s penas por divulgação de pesquisa sem registro.

A liminar pleiteada foi indeferida à s fls. 55/57.

Devidamente notificado (fl. 60), o representado apresentou defesa à s fls. 62/68, sustentando que em momento algum divulgou o resultado da pesquisa espontânea realizada pelo Datafolha como se fosse uma simulação de segundo turno, mas limitou-se a criticar a falta de pesquisas referentes ao segundo turno e interpretar os dados constantes da pesquisa devidamente registrada.

A Procuradoria Regional Eleitoral ofereceu parecer à s fls. 72/74, opinando pela improcedência da demanda.

FUNDAMENTAà‡àƒO

A presente demanda visa a apuração da divulgação de pesquisa eleitor Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
9 Comentários

Gleisi promete subsídio ao transporte público para Curitiba, Londrina, Umuarama e Maringá

Em entrevista à  Rádio CBN Curitiba na manhã desta segunda-feira (25), a candidata à  governadora Gleisi Hoffmann reafirmou o compromisso de garantir o subsídio do Estado ao transporte coletivo para todas as regiões metropolitanas do Paraná legalmente constituídas. Pela proposta, além de Curitiba, passariam a ter rede integrada e receber o subsídio as regiões metropolitanas de Londrina, Maringá e Umuarama.

Queremos fazer uma política legal, ou seja, que não dependa apenas de convênios do subsídio do transporte coletivo de Curitiba e da conveniência política do governador. à‰ preciso que se tenham critérios claros e técnicos, e que seja estabelecido em lei. Esse hoje é um grande desafio para nossas cidades, nossos centros urbanos. à‰ papel do governo do estado ajudar nesta política e nessa integração para estas regiões legalmente constituídas!, disse Gleisi.

O subsídio

Hoje, o governo do estado subsidia em R$ 7,7 milhões/mês a Rede Integrada de Transportes (RIT), que reúne Curitiba e outros 13 municípios. A Prefeitura da capital entra com outros R$ 4,5 milhões/mês para manter a tarifa nos atuais R$ 2,70. Para garantir uma tarifa mais justa nas demais regiões metropolitanas estimasse que o subsídio do estado deve ser R$ 2,2 milhões/mês para Londrina, R$ 1,6 milhão/mês para Maringá e R$ 1,2 milhão/mês para Umuarama.

Estamos assegurando subsídio para região de Curitiba e estendendo para as demais regiões metropolitanas legalmente constituídas. à‰ assim que se faz política pública. Com responsabilidade e planejamento!, completa Gleisi. O cálculo aproximado tem como base o número de municípios e de passageiros de cada região e o valor atual das tarifas.

à‰ importante que estas cidades tenham rede integrada de transporte, como acontece em Curitiba. Só assim, conseguiremos beneficiar uma maior número de pessoas!, explica a candidata. Se somadas as regiões metropolitanas de Curitiba, Londrina, Maringá e Umuarama, o custo anual do subsídio será de aproximadamente R$ 150 milhões.

Com o Paraná bem administrado, teremos recursos. Basta definir melhor as prioridades. O atual governador, por exemplo, aumentou em mais de 668% de 2011 para 2012 os gastos com publicidade. Nos três últimos anos, ele gastou em média R$ 145 milhões/ano em propaganda. Mas diz que não tem dinheiro para ajudar os paranaenses a pagarem uma tarifa mais justa no transporte!, finaliza Gleisi.

Valores estimados de subsídios mensais:

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
46 Comentários

Richa bate-boca nas redes sociais por causa de aumento na conta de luz

Nas redes sociais, consumidores dizem não entender o motivo de governo Richa não ter autonomia para segurar reajustes nas tarifas da Copel; em bate-boca com internautas, tucano novamente colocou a culpa do aumento da conta de luz no governo federal; polêmica voltou à  tona nesta segunda-feira (25) quando Richa informou, pelo Facebook, que a estatal paranaense foi eleita a melhor distribuidora de energia da América Latina. De que adianta prêmios se temos uma tarifa alta!, reagiu uma consumidora no perfil do governador.

Nas redes sociais, consumidores dizem não entender o motivo de governo Richa não ter autonomia para segurar reajustes nas tarifas da Copel; em bate-boca com internautas, tucano novamente colocou a culpa do aumento da conta de luz no governo federal; polêmica voltou à  tona nesta segunda-feira (25) quando Richa informou, pelo Facebook, que a estatal paranaense foi eleita a melhor distribuidora de energia da América Latina. De que adianta prêmios se temos uma tarifa alta!, reagiu uma consumidora no perfil do governador.

O governador Beto Richa (PSDB), candidato à  reeleição, está sendo pressionado pelas redes sociais a se manifestar sobre o reajustão na conta de luz que chegou aos 4,2 milhões de consumidores paranaenses. ... 

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
15 Comentários

Debate na Câmara de Cascavel: ‘Rebelião em presídio era esperada e mostra falência do governo Richa’

A rebelião na PEC (Penitenciária Estadual de Cascavel) foi pauta de debates na sessão desta segunda-feira (25) na Câmara Municipal de Cascavel. Em pronunciamento, o vereador Paulo Porto (PCdoB) prestou solidariedade aos agentes penitenciários da unidade e criticou a falência do sistema penitenciário no Estado do Paraná, refletida na falta de investimentos, de estrutura e de quadro de servidores. O Blog do Esmael já havia noticiado nesta manhã a apatia do! governador Beto Richa (PSDB), que ainda não havia se pronunciado sobre a rebelião.

Segundo o vereador, o fato foi a “crônica de uma morte anunciada”, que vinha sendo alertada pelo Sindarspen (Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná), que inclusive apontou recentemente a possibilidade de uma paralisação por más condições de trabalho e segurança.

Para Porto, a rebelião reflete a ausência de políticas públicas. “à‰ íntima a relação do crime organizado com a ausência e falência do estado. Essa política do estado mínimo, do choque de gestão é terreno propício para outras formas de organização a margem do estado”.

As más condições de trabalho e funcionamento da penitenciária também foram lembradas pelo vereador. Segundo o sindicato que representa os agentes, existe uma determinação que aponta cinco presos por servidor, enquanto que na PEC são 30 presos por agente. “Quando os detentos tomaram a unidade, havia nove servidores para mais de mil detentos, um verdadeiro barril de pólvora”, lembrou Porto.

Além da ausência de efetivo no quadro de servidores, o parlamentar apontou o quadro de superlotação na PEC, de não revisão de pena dos detentos !“ o que é direito !“ e a falta de itens básicos de higiene, como sabonete, escovas e creme dental. “Chega-se ao ponto de servidores e diretores de unidades do sistema penitenciário do Paraná terem que pedir doações destes produtos a empresários e comerciantes”.

Para terminar, o vereador prestou sua solidariedade aos agentes penitenciários do Paraná. “Fica nosso apoio público aos agentes que neste momento, enquanto estamos aqui em sessão, se encontram como reféns na PEC, assim como aqueles servidores que todo dia enfrentam não só o crime organizado, mas em especial, a ausência de políticas públicas. O crime organizado se fortalece na falência do estado, essas organizações são retroalimentado por um estado em falência!, concluiu.

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
17 Comentários

Bateu na trave outra vez: Richa não consegue censurar Blog do Esmael

O juiz Guido José Dà¶beli, do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE), em decisão monocrática, negou ao governador Beto Richa (PSDB) pedido de censura à  coluna do deputado Enio Verri (PT), que escreve nas terças-feiras no Blog do Esmael.

A representação do tucano também alcançaria a senadora Gleisi Hoffmann (PT) e o vice Haroldo Ferreira (PDT), da coligação Paraná Olhando Pra Frente.

“Nessa linha do raciocínio, tendo os representantes renunciado ao direito de resposta, que já estava ao seu alcance e lhes seria muito mais favorável, é porque talvez não tenham vislumbrado tanto prejuízo com o que chamam de propaganda eleitoral antecipada negativa, o que, por si só, já afastaria a pretendida aplicação de penalidade”, decidiu Dà¶beli.

Tem razão o juiz do TRE. No Blog do Esmael o direito de resposta é automático, não há necessidade de judicializar o sagrado direito ao contraditório.

Dà¶beli não vê na opinião do colunista do Blog do Esmael propaganda irregular, pelo contrário, apenas exercício de crítica à  administração do tucano Beto Richa.

Enio e todos os colunistas têm direito à  plena liberdade de expressão. O candidato do PSDB ataca uma das principais virtudes do Blog do Esmael, que é a pluralidade de ideias.

Abaixo, leia a íntegra da inédita decisão:

Decisão Monocrática com resolução de mérito em 24/08/2014 – RP N!º 204014 DES. GUIDO JOSà‰ Dà–BELI

Representantes: Coligação “Todos pelo Paraná” , Carlos Alberto Richa e Maria Aparecida Borghetti

Representados: Esmael Alves de Morais, Enio José Verri, Gleise Helena Hoffmann e Haroldo Ferreira

I – RELATà“RIO

Coligação !¿Todos pelo Paraná” , Carlos Alberto Richa e Maria Aparecida Borghetti promoveram a presente representação em face de Esmael Alves de Moraes, Enio José Verri, Gleisi Helena Hoffmann e Haroldo Ferreira, aduzindo, em síntese, que o segundo representado Enio José Verri realizou propaganda eleitoral antecipada negativa em face dos dois primeiros representantes e positiva em relação ao terceiro e quarto representados.

Mencionada propaganda antecipada restaria consubstanciada pela veiculação de matérias na coluna de Enio Verri, mantida no Blog do Esmael, durante três semanas seguidas, em período anterior ao eleitoral, com os seguintes títulos: !¿Richa não governa para os pobres” , “A verdade vai vencer a mentira e a desinformação” , e “Governo Richa dissemina mentira e manipula a boa fé dos paranaenses” , nos dias 17, 24 de junho e 1!º de julho, respectivamente.

Sustentam tratar-se de conduta reiterada, considerando penalidade aplicada nos autos da representação n!º 1526-61.2014.6.0000, pelo que pedem a aplicação de multa em seu grau máximo.

Requerem a procedência da demanda, determinando-se a retirada das matérias impugnadas do site do primeiro representado e a condenação de todos ao pagamento, individual e de forma cumulativa para cada conduta apurada, de multa no grau máximo prevista no artigo 36, !§ 3!º, da lei n!º. 9.504/97.

Devidamente n Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
11 Comentários

Justiça do PR proíbe banda que fez showmício para Aécio e Richa

Bandinha de Doático Santos, dissidente do PMDB, foi proibida de fazer showmício na Boca Maldita; Justiça deverá ainda enquadrar os tucanos Aécio Neves e Beto Richa por terem sido beneficiados pela execução da música "Amigos para Sempre" em pleno centro de Curitiba; grupo musical e político têm como alvo preferencial a candidatura do senador Roberto Requião (PMDB) ao governo do Paraná.

Bandinha de Doático Santos, dissidente do PMDB, foi proibida de fazer showmício na Boca Maldita; Justiça deverá ainda enquadrar os tucanos Aécio Neves e Beto Richa por terem sido beneficiados pela execução da música “Amigos para Sempre” em pleno centro de Curitiba; grupo musical e político têm como alvo preferencial a candidatura do senador Roberto Requião (PMDB) ao governo do Paraná.

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) proibiu a banda de música conhecida como “Manda Brasa” e o “maestro” Doático Santos, secretário-geral do PMDB de Curitiba, dissidente do partido pró-Aécio Neves (PSDB) e um dos principais estrategistas da campanha pela reeleição do governador Beto Richa (PSDB), de fazer showmício nestas eleições. ... 

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
6 Comentários

Por que a OAB-PR sumiu das eleições?

Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Paraná, presidida pelo marxista-leninista! Juliano Breda, ainda não deu o ar da graça nestas eleições; entidade tinha tradição de realizar debates com candidatos ao Senado e Governo; entretanto, a moçada do curso de Direito da UFPR parece estar providenciando uma sabatina para esta semana que salva um pouco a lavoura; será que os aprendizes suplantaram os feiticeiros?

Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Paraná, presidida pelo marxista-leninista! Juliano Breda, ainda não deu o ar da graça nestas eleições; entidade tinha tradição de realizar debates com candidatos ao Senado e Governo; entretanto, a moçada do curso de Direito da UFPR parece estar providenciando uma sabatina para esta semana que salva um pouco a lavoura; será que os aprendizes suplantaram os feiticeiros?

Cadê nestas eleições a combativa Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Paraná, presidida pelo marxista-leninista! Juliano Breda? Ninguém sabe ninguém viu. ... 

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
54 Comentários

Richa nada fala sobre rebelião com quatro mortes em presídio de Cascavel

Falta de pronunciamento do governador Beto Richa acerca de rebelião em penitenciária causa indignação nos moradores de Cascavel e deixa paranaenses perplexos; mais de 24 horas depois, tucano apenas fala vagamente de "diálogo e respeito" e posta nas redes sociais fotos de sua campanha pela reeleição; Requião aproveitou o vácuo para tuitar: um governo de fantasia cria clima de verdadeiro terror na penitenciária de Cascavel. Precisamos de governo de verdade!; governo do estado sabia que o PCC estava no comando do presídio desde 2013, conforme registro no Blog do Esmael, mas nada fez para prevenir mortes e agentes penitenciários feitos reféns pelo crime organizado.

Falta de pronunciamento do governador Beto Richa acerca de rebelião em penitenciária causa indignação nos moradores de Cascavel e deixa paranaenses perplexos; mais de 24 horas depois, tucano apenas fala vagamente de “diálogo e respeito” e posta nas redes sociais fotos de sua campanha pela reeleição; Requião aproveitou o vácuo para tuitar: um governo de fantasia cria clima de verdadeiro terror na penitenciária de Cascavel. Precisamos de governo de verdade!; governo do estado sabia que o PCC estava no comando do presídio desde 2013, conforme registro no Blog do Esmael, mas nada fez para prevenir mortes e agentes penitenciários feitos reféns pelo crime organizado.

O governador Beto Richa (PSDB), candidato à  reeleição, mais de 24 horas depois, ainda não se pronunciou sobre a rebelião na Penitenciária Estadual de Cascavel, no Oeste do Paraná, que já fez quatro vítimas fatais, sendo duas por decapitação. ... 

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
47 Comentários

Eleição na APP-Sindicato põe em xeque a política do cafezinho!

Cerca de 70 mil educadores estão aptos a votar no próximo dia 10 de setembro para escolher a nova direção da APP-Sindicato (Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Paraná), a maior entidade sindical do estado, que tem cerca de 100 mil trabalhadores na base. A expectativa é que ao menos 35 mil associados compareçam à s urnas eletrônicas que serão instaladas nas 2,1 mil escolas da rede pública.

Portanto, daqui a duas semanas professores, pedagogos, funcionários e aposentados das escolas vão dizer se querem interromper ou continuar a política do cafezinho! da atual gestão da APP, cujo grupo está no poder! há 21 anos. O mandato na entidade é de três anos.

Disputam a poderosa APP-Sindicato três chapas que são encabeçadas pelos seguintes professores: Hermes Silva Leão, da Chapa 1, ligado à  ex-presidente Marlei Fernandes, que concorre à  secretaria de Finanças e, concomitantemente, a uma vaga de deputada federal pelo PT; Professor Paixão, da Chapa 2, que se diz oposição à  atual direção; e professora Marcia Farherr, ligada ao PSTU, que lidera a Chapa 3.

Devido ao racha na CUT (Central Única dos Trabalhadores), que apresentou as chapas 1 e 2, a hegemonia da política do cafezinho! ficou em xeque. Professor Paixão se coloca como oposição, prometendo modernizar a gestão da APP, valorizar os aposentados e os professores PSS (não efetivo).

A política do cafezinho! ficou consagrada na atual gestão da APP-Sindicato, liderada pela Professora Marlei, que, em várias oportunidades, titubeou diante de sucessivos calotes do governo Beto Richa (PSDB) na categoria. Além disso, o fato de o gabinete do ex-secretário da Educação, vice-governador Flávio Arns (PSDB), ter sido palco de intermináveis reuniões regadas a bons cafezinhos, por mais de três anos, que se provaram improdutivas para o conjunto dos educadores paranaenses. Foi preciso uma greve para que houvesse alguns poucos avanços.

Por outro lado, a Chapa da Marlei!, como é conhecida a Chapa 1! entre os educadores, defende a permanência no comando da APP prometendo mais condições de trabalho e mais respeito aos trabalhadores da educação!.

Na próxima sexta-feira, dia 29, os educadores vão à s ruas para comemorar antecipadamente o 30 de Agosto!, que este ano cai no sábado. Mais do que dar uma sapecada! no senador àlvaro Dias (PSDB), que luta pela reeleição, as três chapas farão um teste de popularidade de seus líderes nas ruas de Curitiba. A marcha sairá da Praça Santos Andrade (UFPR), à s 9 horas, rumo ao Palácio Iguaçu.

Abaixo, veja quem é quem nas três chapas inscritas:

http://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2014/08/chapas_app_sindicato.pdf

Leia mais

25 de agosto de 2014
por Esmael Morais
6 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: Publicidade em sinalização de trânsito

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, afirma que a Prefeitura de Curitiba comete irregularidade ao ceder espaço para a propaganda da empresa israelense Pando, cuja missão é implantar o EstaR eletrônico por meio do telefone celular; segundo o colunista, em tom irônico, diz que defende a criação da Secretaria de Negócios desde que obedeça a legislação de Trânsito na publicidade!; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, afirma que a Prefeitura de Curitiba comete irregularidade ao ceder espaço para a propaganda da empresa israelense Pando, cuja missão é implantar o EstaR eletrônico por meio do telefone celular; segundo o colunista, em tom irônico, diz que defende a criação da Secretaria de Negócios desde que obedeça a legislação de Trânsito na publicidade!; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo* ... 

Leia mais