7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
20 Comentários

Ministro do STF autoriza Genoino a cumprir pena em regime aberto

via Agência Brasil

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou hoje (7) o ex-deputado federal José Genoino, condenado na Ação Penal 470, o processo do mensalão, a progredir para o regime aberto. Com a decisão, Genoino cumprirá o restante de sua pena em casa, onde terá que seguir regras estabelecidas pela Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, que vai efetivar a decisão.

Segundo Barroso, Genoino cumpriu um sexto da pena de quatro anos e oito meses de prisão no regime semiaberto, requisito para a passagem ao aberto. Tendo em vista a documentação que instrui o pedido, considero atendido o requisito objetivo para a progressão de regime na data de 21 de julho de 2014. Da mesma forma, tenho por satisfeito o requisito subjetivo exigido pelo Artigo 112 da Lei de Execuções Penais, na medida em que, conforme já referido, há nos autos o atestado de bom comportamento carcerário e inexistem anotações de prática de infrações disciplinares pelo condenado!, decidiu o ministro.

De acordo com o Código Penal, o regime aberto deve ser cumprido nas chamadas casas do albergado, para onde os presos voltam somente para dormir. Em muitos casos, diante da inexistência desse tipo de estabelecimento nos sistemas prisionais estaduais, os juízes determinam que o preso fique em casa e cumpra algumas regras, como horário para chegar, não sair da cidade sem autorização da Justiça e manter endereço fixo.

Genoino teve prisão decretada no dia 15 de novembro do ano passado e chegou a ser levado para o Presídio da Papuda, no Distrito Federal. Mas, por determinação do presidente do STF, Joaquim Barbosa, ganhou o direito de cumprir prisão domiciliar temporária uma semana após a decretação da prisão. Em abril, o ex-parlamentar voltou a cumprir pena

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
34 Comentários

Ibope estica e puxa, mas Dilma ainda leva no primeiro turno

Segundo o levantamento de hoje, Dilma manteve 38% das intenções de voto, Aécio Neves (PSDB) tem 23%, Eduardo Campos (PSB) obteve 9% e Pastor Everaldo (PSC) 3%. Em julho, Dilma tinha os mesmos 38%, Aécio 22% e Campos 8%. Os cenários elásticos apresentados pelo instituto de pesquisa não deram segurança à  bancada do JN para dizer que a disputa vai para o segundo turno.

Segundo o levantamento de hoje, Dilma manteve 38% das intenções de voto, Aécio Neves (PSDB) tem 23%, Eduardo Campos (PSB) obteve 9% e Pastor Everaldo (PSC) 3%. Em julho, Dilma tinha os mesmos 38%, Aécio 22% e Campos 8%. Os cenários elásticos apresentados pelo instituto de pesquisa não deram segurança à  bancada do JN para dizer que a disputa vai para o segundo turno.

Bem que o Ibope puxou daqui, esticou dali, mas os números divulgados nesta noite (9), no Jornal Nacional da TV Globo, são favoráveis à  reeleição da presidenta Dilma Rousseff (PT) no primeiro turno. O quadro, portanto, é de estabilidade em relação à  pesquisa do mês passado. ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
2 Comentários

Fandango Caiçara vai receber certificado de Patrimônio Cultural

A expressão musical Fandango Caiçara vai receber o certificado de Patrimônio Cultural durante a 5!° Festa do Fandango Caiçara de Paranaguá, que vai acontecer entre os dias 15 e 17 de agosto.!  O evento é uma realização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e da Fundação Municipal de Cultura de Paranaguá (FUMCUL).

Durante os três dias de evento, os participantes vão poder participar da entrega do certificado, de mesas-redondas e da formação do Grupo de Trabalho para a Salvaguarda do Fandango e Comitê Gestor do Fandango. O encontro também vai mostrar Roda de Viola, Causos, Feira de Artesanato e Gastronomia Caiçara.

Programação

!¢ 15/08 -!  20h !“ Entrega do Certificado de Registro de Bem de Natureza Imaterial do Fandango Caiçara aos Mestres Fandangueiros. Local: Câmara Municipal de Paranaguá. Rua João Estevão, 361. Centro Histórico.

!¢ 16/08 -!  09h30min !“ Mesa Redonda Desafios e Perspectivas para a Salvaguarda do Fandango! (Fundação Municipal de Cultura !“ FUMCUL -, IPHAN, IFPR, UFPR, grupos de fandango de Paranaguá: Ilha dos Valadares, Pés de Ouro, Mandicuera, Mestre Romão)

10h30min !“ Conferência A Importância do Fandango para a Sustentabilidade do Território Cultural Caiçara! (Prof. Antonio Carlos Diegues !“ NUPAUB/USP)

14h !“ Formação do Grupo de Trabalho para a salvaguarda do Fandango e Comitê Gestor do Fandango. Local: Casa Cecy. Rua XV de Novembro, 499. Centro Histórico.

20h !“ Baile de Fandango com os grupos: Ilha dos Valadares !“ Mestre Brasílio, Pés de Ouro !“ Mestre Nemésio, Mandicuera !“ Mestre Aorélio, Mestre Romão. Local: Mercado do Café. Haverá feira de artesana Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
26 Comentários

Inauguração de mega hospital em Campo Largo tem Flávio Arns costeando alambrado do PT

O vice-governador Flávio Arns (PSDB) foi ontem (6) a principal atração na inauguração do Hospital do Rocio, no bairro Ouro Verde de Campo Largo, região metropolitana de Curitiba. A impressão dos presentes é que Arns sentiu saudades dos tempos de PT, quando foi senador e era mais valorizado que no ninho tucano.

O novo hospital é o maior da América Latina e também do Brasil em número de leitos, além de ser o maior do país em número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e o segundo maior em leitos de UTI Neonatal. No total, são 1.200 leitos e 97% do atendimento será voltado a usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Além de Arns, a solenidade de inauguração contou com a participação do! pastor presidente da I Igreja Batista do Paraná, Paschoal Piragine; com o prefeito de! Campo Largo, Affonso Guimarães (PT); a vice-prefeita de Curitiba, Mirian Gonçalves (PT); prefeitos, secretários municipais, vereadores e autoridades de diversos municípios da região.

O pastor presidente da I Igreja Batista do Paraná, Paschoal Piragine, deu início a cerimônia de inauguração fazendo uma oração e destacando a fé dos proprietários do hospital. Este hospital é uma obra de fé!, disse. A ideia nasceu no coração de seus fundadores. Elas eram pequenas sementes de fé, que eram regadas com oração. Os sonhos foram tomando forma e nós chegamos até aqui!, completou.

Em seguida, um dos fundadores do hospital, Dr. Carlos Mà¼ller, contou um pouco da trajetória da construção e agradeceu a todos os envolvidos, inclusive ao prefeito de Campo Largo, Affonso Portugal Guimarães. Obrigada ao prefeito, sempre presente em todas as nossas dificuldades e desafios!, disse.

O prefeito deixou à  disposição do hospital todas as secretarias, principalmente a de Urbanismo e o departamento jurídico. Tudo aquilo que podia ser feito, ele fazia imediatamente!, acrescentou o também fundador do novo hospital, Dr. Luiz Ernesto Wendler, que comentou as várias dificuldades enfrentadas no processo de obra.

O prefeito Affonso ressaltou a importância do hos Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
15 Comentários

Rossoni duela com Requião no Twitter

Quem defende o sobrepreço dos cartões de crédito ou é estúpido ou está a serviço das bandeiras!, responde Requião ao presidente do PSDB e presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Valdir Rossoni; tucano usou o Twitter para provocar o peemedebista: Comprar pijama e pantufas para o Requião não tem preço!!.

Quem defende o sobrepreço dos cartões de crédito ou é estúpido ou está a serviço das bandeiras!, responde Requião ao presidente do PSDB e presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Valdir Rossoni; tucano usou o Twitter para provocar o peemedebista: Comprar pijama e pantufas para o Requião não tem preço!!.

O presidente da Assembleia Legislativa e do PSDB do Paraná, deputado Valdir Rossoni (PSDB), cutucou a onça com a vara curta. Pelo Twitter, o tucano fez trocadilho com o projeto do peemedebista sobre compras no cartão de crédito. ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
24 Comentários

Perícia comprova: Revista Veja fraudou fita sobre CPI da Petrobrás

via Brasil 247

O laudo elaborado pelo Instituto de Perícias Científicas de Mato Grosso do Sul revela que a gravação da conversa entre dois funcionários da Petrobras !“ José Eduardo Barrocas e Bruno Ferreira !“ e uma outra pessoa não identificada, divulgada esta semana pela revista Veja, foi editada, o que compromete qualquer avaliação sobre a participação de senadores em uma suposta tentativa de fraudar os trabalhos da CPI da Petrobras, conforme denunciado com alarde pela revista.

O documento, assinado pelo perito Fernando Klein, conclui, com base na análise feita na gravação disponibilizada pela Veja em seu site na Internet, com duração de 2 minutos e 40 segundos, que não há uma sequência lógica que permita vincular o senador Delcídio do Amaral (PT/MS) a eventual orientação repassada aos depoentes da CPI da Petrobras, uma vez que no momento imediatamente anterior à  citação do nome “Delcídio” na conversa há uma interrupção de 1 minuto e 14 segundos na gravação, o que comprova a montagem.

O laudo esclarece que o uso de arquivo editado pode trazer interpretações equivocadas em relação ao contexto de todo um diálogo.

“Do arquivo analisado separamos segmentos que demonstram a edição do mesmo, sendo claramente perceptível pelo menos duas interrupções na sequencia das falas, a primeira com 1 minuto e 12 segundos e a outra com 1 minuto e 30 segundos. O uso de palavras separadas de sua sequência original pode trazer interpretação destoante do efetivo contexto em que teriam sido empregadas. Dessa forma, não há credibilidade para a interpretação do conteúdo e da aplicação dos diálogos constantes na gravação de 2 minutos e 40 segundos disponibilizada no sítio eletrônico da revista Veja, dada a evidente edição do mesmo”, assegura o perito.

O IPC é o maior e mais conceituado instituto de perícias de Mato Grosso do Sul. Ele é responsável por pelo menos 70 % de todas as investigações periciais requisitadas pela Justiça no estado.

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
22 Comentários

Beto jura que só gastou sola de sapato! até agora. Você acredita nisso?

O governador-candidato Beto Richa (PSDB), sua vice Cida Borghetti (Pros) e o senador àlvaro Dias (PSDB), estarão em Maringá, neste sábado (9), para uma caminhada pelas ruas e comércio. O percurso inicia à s 9h na Praça Napoleão Moreira da Silva e segue pela Avenida Brasil, região central da cidade e deve reunir lideranças tucanas e aliados locais. A coligação do tucano afirmou que ainda não arrecadou nada e por isso não prestou contas da primeira fase da campanha. A caminhada de sábado não custa nada, a não ser sola de sapato. Mas, fica a dúvida: como eles vão fazer pra chegar até lá? Carona?

O governador-candidato Beto Richa (PSDB), sua vice Cida Borghetti (Pros) e o senador àlvaro Dias (PSDB), estarão em Maringá, neste sábado (9), para uma caminhada pelas ruas e comércio. O percurso inicia à s 9h na Praça Napoleão Moreira da Silva e segue pela Avenida Brasil, região central da cidade e deve reunir lideranças tucanas e aliados locais. A coligação do tucano afirmou que ainda não arrecadou nada e por isso não prestou contas da primeira fase da campanha. A caminhada de sábado não custa nada, a não ser sola de sapato. Mas, fica a dúvida: como eles vão fazer pra chegar até lá? Carona?

O governador e candidato à  reeleição pelo PSDB, Beto Richa, sua candidata à  vice-governadora Cida Borghetti, do PROS, e o senador e também mais uma vez candidato à  reeleição àlvaro Dias, do PSDB, fazem no sábado (9), uma caminhada pelas ruas e comércio de Maringá.  ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
13 Comentários

Partidos testam neste sábado a força de Dilma nas ruas de Curitiba

Segundo o PT do Paraná, caminhada pela reeleição de Dilma, em Curitiba, puxada pela coligação "Com a Força do Povo" contará com a participação de nove partidos (PT, PMDB, PR, PRB, PROS, PDT, PCdoB, PP e PSD); curioso é que dessas agremiações nominadas pelo PT, ao menos quatro -- PSD, PP, PROS e PR -- apoiam no estado a reeleição do governador Beto Richa (PSDB); PMDB tem Requião como candidato à  sucessão do tucano.

Segundo o PT do Paraná, caminhada pela reeleição de Dilma, em Curitiba, puxada pela coligação “Com a Força do Povo” contará com a participação de nove partidos (PT, PMDB, PR, PRB, PROS, PDT, PCdoB, PP e PSD); curioso é que dessas agremiações nominadas pelo PT, ao menos quatro — PSD, PP, PROS e PR — apoiam no estado a reeleição do governador Beto Richa (PSDB); PMDB tem Requião como candidato à  sucessão do tucano.

A senadora Gleisi Hoffmann (PT), candidata ao governo do Paraná, participa de uma caminhada organizada pelo comitê suprapartidário pela reeleição Dilma Rousseff (PT), neste sábado (9), em Curitiba. O senador Roberto Requião (PMDB), que também concorre ao Palácio Iguaçu e declara-se eleitor da presidenta, ainda não decidiu se vai ou não ao comício. ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
16 Comentários

Gleisi vai à  Justiça para que Richa seja obrigado a exibir gastos de campanha

A candidata à  governadora, Gleisi Hoffmann (PT), entra na tarde desta quinta-feira (7) no Tribunal Regional Eleitoral (TRE/PR) com uma ação para que o candidato à  reeleição, governador Beto Richa (PSDB), seja obrigado a apresentar imediatamente seus gastos de campanha até o momento.

Contrariando a legislação eleitoral, Richa entregou zerada a primeira prestação de contas, alegando que não arrecadou e nem gastou nada em um mês de campanha.

As regras de contabilidade de campanha – estabelecidas pela resolução 23.406 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) !“ deixam claro que os gastos eleitorais efetivam-se na data da sua contratação, independentemente da realização do seu pagamento!.

Impossível dizer que o candidato à  reeleição não teve gastos neste primeiro mês. Notícias de jornais e do próprio site de campanha mostram o candidato inaugurando comitês. Nas ruas, carros circulam com adesivos do candidato. Além disso, ele já lançou o site e um espaço chamado de Tenda Digital!, que oferecia internet gratuita para visitantes. E os fotógrafos, cinegrafistas e jornalistas que o acompanham nas agendas? Não recebem salários?!, questiona o coordenador jurídico da coligação Paraná Olhando pra Frente, Luiz Fernando Pereira.

Além da ação no TRE, a coligação de Gleisi Hoffmann está entrando com pedido de providências no Ministério Público Eleitoral (MPE). As prestações de contas parciais existem para garantir a transparência. Beto Richa esconde gastos e doações. Impede o controle pelo eleitor. E fere a isonomia, pois os principais candidatos cumpriram a regra!, completa Pereira.

Respeito e transparência

A primeira prestação de contas de Gleisi Hoffmann entregue à  Justiça Eleitoral informa que foram arrecadados R$ 2,58 milhões e gastos R$ 1,55 milhão nos primeiros dias de campanha.

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
21 Comentários

Veja essa: Richa atribui ‘má gestão’ que faz ao antecessor Requião

Chamou a atenção dos empresários que acompanhavam ao evento, no Teatro do Positivo, no bairro Campo Comprido, a virulência dos ataques do governador Beto Richa contra o senador Roberto Requião; candidato tucano também não se esqueceu de espinafrar a senadora Gleisi Hoffmann (PT) em suas "orações".

Chamou a atenção dos empresários que acompanhavam ao evento, no Teatro do Positivo, no bairro Campo Comprido, a virulência dos ataques do governador Beto Richa contra o senador Roberto Requião; candidato tucano também não se esqueceu de espinafrar a senadora Gleisi Hoffmann (PT) em suas “orações”.

Os três principais candidatos ao governo do Paraná — Beto Richa (PSDB), Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB) — participaram na manhã desta quinta-feira (7), em Curitiba, de uma sabatina promovida pelo Fórum Permanente Futuro 10 Paraná. ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Está valendo a multa para patrão que não registrar trabalhador doméstico

via Agência Brasil

A partir de hoje (7), a informalidade do trabalhador doméstico pode resultar em multa de até R$ 805,06 para o patrão. A previsão está na Lei 12.964/14.!  Segundo dados da Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio (Pnad) 2012, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), dos 6,35 milhões de domésticos no Brasil, 4,45 milhões (70% da categoria) são informais.

O Ministério do Trabalho fará a fiscalização por meio de denúncias. Para fazer uma denúncia, o trabalhador, um parente ou pessoa próxima deve procurar uma unidade regional do ministério – Agência do Trabalhador, Delegacia do Trabalho, Superintendência Regional do Trabalho – onde terá de preencher um formulário com os dados do empregador. O patrão será notificado a comparecer a uma Delegacia do Trabalho para prestar esclarecimentos. Caso o empregador não compareça, a denúncia será encaminhada ao Ministério Público do Trabalho para que tome as providências cabíveis!, garantiu o coordenador-geral de Recursos, da Secretaria de Inspeção do Trabalho, Roberto Leão.

Segundo ele, não haverá fiscalização nas residências. “Em momento nenhum a gente vai fiscalizar a casa das pessoas. De acordo com o Artigo 5!º da Constituição Federal, o lar é inviolável. As pessoas não podem ingressar a não ser que tenham autorização judicial!, esclareceu à  Agência Brasil.

Para Leão, a existência de multa tem grande caráter pedagógico. A partir do momento em que existe uma penalidade que pode ser aplicada ao patrão, isso é um incentivo para que as pessoas regularizem a situação porque até agora isso não existia. Até agora, o único risco que existia ao empregador era o trabalhador ingressar em juízo. A gente entende que isso incentiva a formalização dos vínculos!, avalia.

De acordo com o presidente do Instituto Doméstica Legal, Mário Avelino, a expectativa é que o número de formalizações aumente de 10% a 15%, já que a informalidade vai ficar mais cara!. Segundo ele, o fato de a multa começar a vigorar Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
4 Comentários

Em dia de Ibope, Bolsa abre em alta; ações da Petrobras sobem

do Brasil 247
O mercado abriu em alta nesta quinta-feira 7, na expectativa da divulgação da pesquisa eleitoral realizada pelo instituto Ibope, encomenda pela TV Globo. à€s 10h29, o principal índice da Bovespa registrava ganhos de 0,60%, com destaque para as ações da Petrobras.

A mostra a ser divulgada na noite desta quinta-feira 7 medirá o efeito Cláudio, ou seja, se a denúncia de que o candidato à  Presidência pelo PSDB, Aécio Neves, de que construiu um aeroporto em propriedade que pertenceu ao seu tio-avô, mudou o humor do eleitorado.

Os tucanos acreditam que não, com base em pesquisas internas. Os petistas, que dizem estar de posse também de dados internos, avaliam que houve, sim, piora do cenário para o PSDB.

Abaixo, matéria do portal Infomoney sobre o mercado nesta quinta-feira e reportagem anterior do 247 sobre o levantamento Ibope que será divulgado nesta noite:

Por Lara Rizério

SàƒO PAULO – O Ibovespa registra ganhos na sessão desta quinta-feira (7), com destaque mais uma vez para as ações da Petrobras. Além da expectativa pela pesquisa Ibope e a fala do ministro da Fazenda, Guido Mantega, o mercado repercute positivamente matéria do jornal Valor Econômico, que apontou que uma das discussões da equipe de campanha de Dilma seria informar que haverá aumento da gasolina, provavelmente após o segundo turno da eleição.

à€s 10h29 (horário de Brasília), o índice registrava ganhos de 0,60%, a 56.825 pontos. Os papéis de bancos registram leves ganhos e sustentam a alta do índice.

Ainda no noticiário corporativo brasileiro, o mercado repercute os resultados do segundo trimestre. A Eletropaulo (ELPL4) viu seu lucro líquido de R$ 245,3 milhões no mesmo período do ano passado virar para um prejuízo líquido de R$ 354,4 milhões entre abril e junho deste ano, levando a companhia para um prejuízo de R$ 537,9 milhões no primeiro semestre. Por outro lado a rece Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
12 Comentários

Fiscal do Requião: ‘Gleisi sumiu da propaganda dos deputados do PT’

Genival, o Fiscal do Requião, não suporta puladas de cerca! nem as trairagens! tão comuns na política; nesta quinta, o enxerido tacou-lhe o pau! nos candidatos petista Professora Marlei e Tadeu Veneri; ele critica "esse povo candidato desgarrado de candidato ao governo"; Gleisi quase nem aparece na propaganda dos candidatos proporcionais do PT; Genival é um cidadão plural e suprapartidário que tudo enxerga, nada lhe escapa; cuidado; taca-lhe pau, Genival!

Genival, o Fiscal do Requião, não suporta puladas de cerca! nem as trairagens! tão comuns na política; nesta quinta, o enxerido tacou-lhe o pau! nos candidatos petista Professora Marlei e Tadeu Veneri; ele critica “esse povo candidato desgarrado de candidato ao governo”; Gleisi quase nem aparece na propaganda dos candidatos proporcionais do PT; Genival é um cidadão plural e suprapartidário que tudo enxerga, nada lhe escapa; cuidado; taca-lhe pau, Genival!

Genival, ilustre Fiscal do Requião, estreou ontem aqui no Blog do Esmael fazendo muito barulho. Hoje, quinta-feira (7), ele tacou-lhe o pau! nos candidatos do PT que “escondem” a senadora Gleisi Hoffmann na propaganda. ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Marqueteiros perderam espaço para os advogados, diz Murilo Hidalgo

Murilo Hidalgo, presidente da Paraná Pesquisas, ao Blog do Esmael, observa o fenômeno da judicialização nas campanhas eleitorais; segundo ele, os marqueteiros perderam espaço para os advogados nas eleições; mesmo em baixa no mercado, profissionais de comunicação ocupam posição estratégica nas disputas; marqueteiro da senadora Gleisi Hoffmann (PT) é o publicitário Oliveiro Marques e do candidato Beto Richa (PSDB), que disputa a reeleição, é o secretário de Estado da Comunicação, Marcelo Cattani; responsável pelo marketing do senador Roberto Requião (PMDB) é o próprio candidato e Ogier Buchi (PRP) é atendido pela jornalista Ruth Bolognese; quem levará a melhor?

Murilo Hidalgo, presidente da Paraná Pesquisas, ao Blog do Esmael, observa o fenômeno da judicialização nas campanhas eleitorais; segundo ele, os marqueteiros perderam espaço para os advogados nas eleições; mesmo em baixa no mercado, profissionais de comunicação ocupam posição estratégica nas disputas; marqueteiro da senadora Gleisi Hoffmann (PT) é o publicitário Oliveiro Marques e do candidato Beto Richa (PSDB), que disputa a reeleição, é o secretário de Estado da Comunicação, Marcelo Cattani; responsável pelo marketing do senador Roberto Requião (PMDB) é o próprio candidato e Ogier Buchi (PRP) é atendido pela jornalista Ruth Bolognese; quem levará a melhor?

O presidente da Paraná Pesquisas, Murilo Hidalgo, nesta quinta-feira (7), ao Blog do Esmael, afirmou que os marqueteiros perderam espaço nas campanhas eleitorais para os grandes escritórios de advocacia. Ele concorda com a judicialização trava o debate político nas eleições. ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
37 Comentários

Coluna do Requião Filho: ‘Programa Paraná Seguro’ é uma lenda criada pelo marketing tucano

Requião Filho*

Quase nada liga a minha história à  história do atual Governador, a não ser pelo fato de sermos filhos de homens que já estiveram à  frente do executivo de nosso Estado, e por termos convivido, quando crianças e adolescentes, com outros grandes homens e mulheres que têm como sacerdócio pertencer à  polícia deste nosso Paraná. Felizmente, para mim, as coincidências terminam aí.

Por ter sido criado ao lado desses profissionais, eu os conheço, entendo suas instituições e nutro por eles grande apreço e sincera consideração pessoal. E pelo respeito que devo aos integrantes da segurança pública e ao povo paranaense, vejo que é hora de enfrentar a mitomania que acomete essa gestão, também em tão sensível área.

Desde o primeiro dia de governo, propala-se nos caros meios de propaganda oficial, na mídia e no discurso disfarçado, a lenda do Programa Paraná Seguro, o tal choque de gestão e a folclórica contratação de novos 10.000 policiais, entre outras fábulas de marketing.

Me sinto obrigado a, republicanamente, contestar e trazer os fatos à  luz da verdade. Temos que concordar em uma coisa: a gestão desse governo efetivamente foi um choque, deveras dolorido, para todos os cidadãos paranaenses! Mas não um choque de gestão na melhor concepção da expressão. O que vimos foi um choque de falta de comando, de administração e de responsabilidade com a coisa e a causa pública. A realidade é que, para o governo em caso, segurança pública não é e nunca foi sinônimo de prioridade.

Emblemático, como símbolo do descaso com a segurança pública, é que em pouco mais de três anos o Paraná teve três secretários na pasta. Trocas conturbadas, irrefletidas, inexplicáveis, à s vésperas de eventos importantes como a Copa do Mundo. Continuidade e integração responsável para quê?

Não foram contratados e não o serão, nessa gestão, os tão prometidos 10.000 policiais. Na Polícia Militar, este número não chega a seis mil e nas polícias civil e científica os números de contratados são irrisórios. Simples assim! Não há motivo para insistir nesta inverdade, uma vez que já chega ao fim este governo.

A par disto, no lançamento do tal Programa Paraná Seguro, houve a promessa também não cumprida pelo Governador de, além da contratação dos 10.000 novos policiais, promover a reposição de todo o efetivo que deixasse as forças policiais estaduais.

Por fim, as contratações ocorridas não supriram as necessidades, não havendo o recompletamento daqueles policiais que deixaram o serviço público, por aposentadoria ou exoneração. E, infelizmente, os números recentes da evasão dos profissionais de segurança pública são assustadores. Só entre 2012 e 2013, quase 2.000 militares deixaram a PM, muitos precocemente. E o motivo da evasão está claro para todos os contribuintes paranaenses: a desmotivação provocada pela notória falta de gestão e planejamento.

A Leia mais