tce.jpg

| Comente agora

“Hoje é um perigo ser prefeito”, é o que diz o presidente da Associação de Municípios do Paraná, Luiz Sorvos, prefeito de Nova Olímpia. Segundo ele, o Tribunal de Contas do Estado exagera no formalismo e carrega nas multas contra os administradores municipais. Para aliviar a situação, os prefeitos entregaram um projeto de lei à Assembleia Legislativa com o objetivo de tornar mais leves as multas e outras penas por irregularidades nas contas. Para a AMP, o órgão de fiscalização de contas “afrouxa o sutiã” na hora de punir o governo estadual e engrossa a voz com os municípios pequenos, que têm menos estrutura e menor poder político.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.